17 jan 2015

Passeio carijó: Tupi faz 10 a 0, acerta oito bolas na trave em jogo-treino e apresenta reforço



No primeiro jogo-treino no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio na pré-temporada, o Tupi aplicou goleada. Com gols de Marco Goiano (2), Mailson, Noé, Rafael Assis, Paulinho, Danilo, Hugo Sanches (2) e Patrick, o Carijó fez 10 a 0 no Atlético Rio, da terceira divisão carioca, e convenceu o público presente, composto por cerca de cem torcedores. Antes da atividade, realizada na manhã deste sábado, 17, o clube apresentou mais um reforço.Vindo da Penapolense (SP), o volante Davi, 23 anos, nascido em Juiz de Fora, criado na base do América-MG e com passagem pelo futebol português chega para compor o grupo do treinador Felipe Surian.

“Fico feliz em estar em Juiz de Fora junto com a família, depois de tanto tempo fora, quando surgiu à oportunidade de vestir a camisa do Tupi e voltar para casa não pensei duas vezes para aceitar. Espero ajudar o clube a conquistar as vitórias que a torcida deseja” declarou Davi em sua apresentação.

 

Apresentado, juizforano Davi veste camisa do Tupi pela primeira vez

Apresentado, juizforano Davi veste camisa do Tupi pela primeira vez

Davi foi poupado do jogo-treino assim como o meia Ulisses, que durante a semana teve uma pequena torção no tornozelo direito. O ídolo Ademilson fez um trabalho físico à parte e o goleiro João Paulo, cria da base carijó, deu apenas algumas voltas no campo.

A principal atividade teve início por volta das 10h15, Surian mandou a campo a seguinte equipe: Gleysson; Paulo Roberto, Silvio, Mailson e Thiaguinho; Genalvo, Noé e Marco Goiano; Ygor, Danilo e Daniel Morais.

O jogo

O Alvinegro dominou as ações da partida desde o começo. Com muita movimentação, troca de passes e triangulações, o time foi criando as oportunidades. Aos 12 minutos, uma falta frontal a área do Atlético Rio foi marcada. Marco Goiano se apresentou para a cobrança e, de perna esquerda, cobrou com enorme categoria, colocando a bola em curva no ângulo esquerdo da meta adversária. Um golaço para inaugurar a contagem. Logo em seguida, aos 15, em jogada trabalhada pela esquerda, Thiaguinho chegou ao fundo, cruzou na segunda trave, na cabeça de Marco Goiano, que colocou no contrapé do goleiro, marcando o segundo dele e do Carijó. Embalado, o Tupi se manteve no ataque. Em escanteio na ponta direta, a bola foi alçada na grande área, o zagueiro Maílson ganhou pelo ar, a bola beijou a trave e, na volta, ele mesmo, de carrinho, conseguiu empurrar para as redes: 3 a 0.

Depois do começo avassalador o time diminuiu o ritmo, controlando a posse de bola no meio-campo, criando jogadas pelas laterais. Aos 41, Paulo Roberto chegou na linha de fundo pela direita e cruzou rasteiro. Daniel Morais escorou e Noé finalizou marcando o quarto do Tupi. Fim do primeiro tempo e promessa de mais gols na segunda etapa.

Marco Goiano foi principal destaque carijó na atividade, com bolas na trave, gols e categoria em cobranças de falta

Marco Goiano foi principal destaque carijó na atividade, com bolas na trave, gols e categoria em cobranças de falta

Felipe Surian manteve apenas Danilo na equipe que começou a etapa complementar. O Tupi foi a campo com Gonçalves; Osmar, Fabrício Soares, Davy e Felipe de Paula; Arílson, Claudinei e Paulinho; Rafael Assis, Hugo Sanches e Danilo. Logo no primeiro lance, Hugo Sanches levou na velocidade pela ponta direita e cruzou na segunda trave, onde Rafael Assis estava livre. O atacante só teve o trabalho de tocar para o gol. Na sequência, parecendo até replay, a mesma jogada se repetiu: Hugo Sanches pela ponta direita, ganha na corrida e cruza, só que dessa vez era Paulinho que estava livre para finalizar de canhota e marcar o sexto.

Assim como no primeiro tempo o início do Galo foi arrasador. Antes de marcados 10 minutos jogados na segunda metade, Danilo marcou o sétimo. O meia-atacante invadiu a área pela direita, driblou o zagueiro, o goleiro e, com o gol vazio, ampliou a vantagem. Após marcar o 7 a 0, deu lugar a Serginho Portugal no ataque. Com a vantagem estabelecida, o Alvinegro controlou a posse de bola, cadenciando a partida e explorando as beiradas. Aos 25, Rafael Assis foi lançado na grande área e sofreu o contato. A arbitragem marcou pênalti e Hugo Sanches converteu, sem chances para o goleiro. Depois do gol, Hugo ganhou confiança e ao receber a bola em contra-ataque puxado por Felipe de Paula pela esquerda, arrancou da linha que divide o gramado até dentro da área, deixando dois adversários para trás, e com enorme categoria tocou por cobertura: 9 a 0.

O comandante carijó então promoveu mudanças na equipe para dar oportunidades aos outros atletas. Albert, Douglas e Patrick entraram nas vagas de Fabrício Soares, Claudinei e Rafael Assis. E aos 39, Patrick recebeu livre o cruzamento da esquerda e fechou o placar: Tupi 10 a 0, um placar elástico que poderia ter sido ainda maior, já que durante a partida oito finalizações juizforanas acertaram a trave adversária: três de Goiano e com Danilo, Maílson, Osmar,  Hugo Sanches e Rafael Assis carimbando o poste uma vez cada.

Elogios do comandante

O treinador Felipe Surian se mostrou satisfeito com o futebol apresentado pela sua equipe, destacando a boa movimentação ofensiva e as opções que possui no elenco: “Procurei buscar atletas com velocidade, que fazem bem as ultrapassagens pelas beiradas e jogadores com qualidade por dentro para que essa bola chegue. Temos também um batedor de faltas nato, procurei isso para não sofrermos durante as partidas com isso. Esses atletas durante a semana a gente consegue mudar algumas situações em relação a marcação. Temos o Ulisses que não participou hoje mas é uma boa opção, o Rafael Assis, um bom elenco e boas opções para o setor ofensivo”, comentou.

Mesmo com o destaque do meio para frente, o atacante Daniel Morais ainda não marcou este ano. Surian elogiou a movimentação do atleta, garantiu que irá cobrar gols do atacante mas, confia que ele marcará na hora certa: “O atacante de área tem que fazer os gols nas oportunidades, mas se não fizer e se os companheiros estiverem fazendo é porque ele está se movimentando, abrindo espaço. Ele fez uma boa parede para o gol do Noé, se posicionou bem tanto na primeira como na segunda trave. Vou cobrar dele os gols, mas o importante é que eles saiam durante a competição”, concluiu.

O Tupi já tem um compromisso para a próxima semana. Dia 21, o Carijó vai até Xerém, na baixada fluminense encarar o Tigres do Brasil. A partida está marcada para às 16h.

 

Texto: Guilherme Fernandes

Fotos: Toque de Bola


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


24 set 2017
Aílton se emociona e não define permanência: “Estou disposto a ouvir proposta”

21 set 2017
Tupi pode ter até quatro desfalques. Aílton receita “guerrear e batalhar demais para conseguir o objetivo”

20 set 2017
Tupi fecha treino. Fortaleza em Sampa. Marcelo apita. Ingressos, gramado, reconhecimento, recepção. Veja o diário da decisão

20 set 2017
Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador: resultados e próximos jogos

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.