13 jan 2015

Murilo sobre nova gestão da CBV: “Vamos dar um voto de confiança”



Após o escândalo envolvendo o desvio de verbas do patrocínio do Banco do Brasil à Confederação Brasileira de Vôlei (CBV), atletas, ex-jogadores, técnicos e amantes do esporte se manifestaram cobrando uma investigação maior e punição aos envolvidos. Realizada auditoria da Controladoria Geral da União (CGU) comprovando as irregularidades, uma reunião entre alguns atletas e os atuais gestores da entidade foi marcada para esclarecer a situação e debater medidas possíveis para reverter esse quadro.

O ponteiro Murilo Endres, atleta do Sesi-SP e da Seleção Brasileira, é um dos principais líderes da Comissão de Atletas, movimento dos jogadores de vôlei criado há pouco mais de um ano nos mesmos moldes do Bom Senso F.C. Em entrevista exclusiva ao Toque de Bola após o jogo contra a UFJF pela Superliga, Murilo revelou alguns pontos do encontro, reiterou que os atletas se sentiram traídos pela CBV, mas que darão um voto de confiança à entidade.

“A reunião foi no sentido de esclarecer as coisas. Estávamos muitos chateados, com um sentimento de traição em relação a tudo que foi divulgado. O relatório da CGU acabou confirmando tudo e precisávamos de uma explicação. A CBV explicou o que está sendo feito, que está correndo atrás dos seus direitos, vai procurar um CEO, como eles gostam de chamar, um diretor técnico para isso mesmo. Achamos muito boa essa possibilidade porque vai ser uma pessoa capacitada e não um presidente de Federação que às vezes não tem o conhecimento necessário. Demanda tempo, não vai ser da noite para o dia. Vamos dar um voto de confiança para a CBV, não adianta ficar batendo nessa tecla o tempo todo. Vamos  deixar eles trabalharem e depois de um tempo, não sei te dizer quanto, avaliar os resultados e ver se as coisas estão sendo feitas”, revelou o ponteiro.

Murilo em entrevista a Guilherme Fernandes, do Toque de Bola

Murilo em entrevista a Guilherme Fernandes, do Toque de Bola

A ESPN, em seu site oficial, publicou uma matéria em que aponta a regularização de todas as exigências da CGU por parte da CBV e que por esse motivo o Banco do Brasil já estaria em processo para retirar a suspensão do envio de verbas para a entidade.

Bernardinho: “É preciso ver a fundo o que tudo isso significa”

Em entrevista ao jornal O Globo, o técnico do Rexona/Ades e da Seleção Brasileira Masculina, Bernardinho, afirmou ser necessária uma investigação profunda no envolvimento do antigo presidente da CBV e atual comandante da Federação Internacional de Vôlei (FIVB), Ary Graça. Confidenciou ainda que Graça enviou um email ameaçando processar o seu filho, o levantador Bruninho, e que apesar de ficar chateado com o fato, não quer se envolver em briga.

“É preciso ver a fundo o que tudo significa. As denúncias foram feitas, as investigações prosseguirão e a Justiça julgará. Há documentos e provas sobre algumas situações. Muitas que talvez não sejam ilegais, mas do ponto de vista ético, certamente imorais. (…) O único contato que teve foi quando o Bruno recebeu um email do Ary o ameaçando processá-lo por um texto que ele postou nas redes sociais. Foi uma coisa que particularmente me chateou ainda mais. (…) Eu estou aqui para fazer o certo, meu trabalho. Não quero brigar com ninguém. Mas também não vou fugir de briga nenhuma se tiver que brigar” declarou Bernardinho.

 

Texto: Guilherme Fernandes com informações da ESPN e do jornal O Globo

Foto: Toque de Bola


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


24 nov 2017
Com vídeos! Sucesso dentro e fora da quadra, Copa Toque de Bola de Futsal promete emoção na reta final

22 nov 2017
Basquete dos Intercolegiais: conheça todos os atletas campeões e veja as avaliações dos professores

22 nov 2017
JF Vôlei receita “foco e determinação” para buscar reação contra dois adversários diretos na pontuação

20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.