08 nov 2013

Sem Lucão, UFJF encara o Taubaté fora de casa



  Depois de sofrer a quarta derrota em cinco jogos na Superliga Masculina de Vôlei ao perder para o Vivo/Minas por 3 a o, a UFJF, sem Lucão, contundido, mas agora com o reforço de Ninão, teve 10 dias para se preparar para o jogo deste sábado, às 21h30 contra o Funvic Taubaté, em partida válida pela sexta rodada da competição, a única programada para este final de semana.

  A rádio web do Toque de Bola transmite ao vivo todas as partidas em casa da UFJF na Superliga. O próximo jogo em Juiz de Fora está marcado para 23 de novembro, diante do Moda/Maringá.

Lucão fora

  A UFJF fez nesta quinta-feira, 7, na Arena UFJF, seu último treino antes da viagem para Taubaté.  No treinamento a ausência ficou por conta do central Lucão. Segundo o técnico da Federal Chiquita, foi detectado que Lucão está com um edema no osso da duas canelas e que não há previsão de volta para o jogador.

   ‘Foi feita uma cintilografia óssea (exame de imagem de todo o esqueleto) e foi detectado que ele está com duas manchas nas duas canelas, então agora piorou porque o prazo é indeterminado, tem que zerar tudo. Ele não tem previsão de volta, pode ser que demore um mês, pode ser que demore um ano”, afirmou Chiquita.

 Novo reforço

 Com a saída de Diego para o voleibol  espanhol e agora a ausência de Lucão, a diretoria anunciou a contratação do central José Ilídio, o Ninão, de 22 anos, que jogou pelo Cimed/Atibaia (SP), que disputou a Superliga B na temporada passada. O jogador já tem a documentação regularizada e seguiu com o time para Taubaté, porém ainda não vai estrear, por falta de entrosamento.

  Treinamento de ataque

  Na derrota para o Vivo/Minas, Chiquita demostrou irritação com o desempenho do contra- ataque do time da UFJF. Por isso, o treinador aproveitou o tempo para aprimorar os fundamentos.

  “O nosso contra-ataque contra o Minas oscilou bastante então a gente aproveitou para treinar isso. Outro fundamento que a gente trabalhou bastante foi o nosso saque, a gente precisa dar uma evoluída e esses 10 dias de trabalho foram importantes, vamos ver se a coisa acontece no jogo de sábado contra o Taubaté”.

  Atenção ao Taubaté

 Chiquita destacou também que a UFJF tem que ter toda atenção no confronto, porque o desempenho do Taubaté nas primeiras rodadas não condiz com o que é o time, que tem qualidade.

  “O time tem o Giba, que é um extraordinário jogador, o levantador Jotinha, que a gente conhece, alguns jogadores jovens, o nosso líbero do ano passado – Fábio Paes, enfim, é um time que sabe jogar voleibol. A situação de cinco derrotas não explana o que é o time deles, que é um time guerreiro, brigador, e por alguns problemas técnicos e táticos tem perdido os jogos, mas tem feito jogos bem acirrados, então temos que ter  cuidado”.

  O time seguiu para Taubaté na manhã desta sexta-feira, 8, e treina durante a noite no Ginásio do Abaeté, local da partida. A UFJF ocupa atualmente a nona colocação, com quatro pontos, e se vencer volta ao grupo dos oito melhores.

  Clique sobre o anexo abaixo para conferir a classificação da Superliga 2013/14:

http://www.cbv.com.br/v1/superliga/estatisticas/p4bTM.pdf

Texto: Mari Sequeto


Voltar

2 Respostas to “Sem Lucão, UFJF encara o Taubaté fora de casa”

Deixe uma resposta

Notícias


22 nov 2017
Basquete dos Intercolegiais: conheça todos os atletas campeões e veja as avaliações dos professores

22 nov 2017
JF Vôlei receita “foco e determinação” para buscar reação contra dois adversários diretos na pontuação

20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.