13 set 2013

Reformulado, programa Bom de Bola é retomado em JF



  O prefeito Bruno Siqueira lança, neste sábado, o programa Bom de Bola. Reformulado pela nova   Administração, através da Secretaria de Esporte e Lazer (SEL), com o apoio das secretarias de Desenvolvimento Social (SDS) e de Educação (SE), o Bom de Bola será lançado no Esporte Clube Benfica, às 8h30.

  Os secretários das pastas envolvidas, além de outras autoridades e cerca de 300 crianças já inscritas nos núcleos comparecerão ao evento. O lançamento marca o início imediato das atividades no próprio clube e em outras três localidades. Barreira, Nova Era e Milho Branco também começam os trabalhos na próxima semana.

O foco principal são crianças e adolescentes dos 6 aos 16 anos em risco social. As matrículas nos núcleos do projeto são realizadas nas escolas onde os garotos estudam, sendo obrigatória a frequência escolar. De acordo com o secretário Francisco Canalli, o projeto “faz parte do programa de governo do atual prefeito e vem ao encontro das necessidades atuais da população de Juiz de Fora”.

O programa busca, também, trabalhar o tempo ocioso das crianças e adolescentes. Com turnos de manhã e à tarde, a ideia é que os atendidos frequentem os núcleos no período em que não estão estudando. Dessa forma, o Bom de Bola possibilita, além da prática esportiva especializada, o desenvolvimento físico e social, contribui para a saúde dos participantes e espera reduzir os índices de violência e o consumo de drogas. É nesse ponto que a cooperação entre as secretarias fará diferença. A SEL vai identificar e monitorar junto com a SDS a vida de alunos em risco social, e, com a SE, a evolução pedagógica dos atendidos será analisada. Para Canalli, “é necessário agir urgentemente no que diz respeito à ociosidade de nossas crianças e adolescentes. O novo Bom de Bola agrega preocupação social, educacional e rendimento esportivo. Nossas crianças e adolescentes estarão inseridas num projeto que tem como objetivo principal formar um cidadão de caráter e, como consequência, o despertar de um grande atleta”.

O Bom de Bola será implantado gradualmente, já que a estrutura dos núcleos é complexa. Além de professores de educação física especializados, técnicos da SDS e da SE acompanharão os trabalhos. Bolas, cones, coletes, traves e redes estarão à disposição dos profissionais e dos alunos. Várias localidades já estão sendo estudadas, e a expectativa da SEL é abrir até 25 núcleos do Bom de Bola em Juiz de Fora, atendendo a todas as cinco regiões da cidade.

A Secretaria de Esporte e Lazer vai supervisionar as inscrições nas escolas. Após a inscrição, os alunos devem passar por exames médicos realizados em postos de saúde. Nos núcleos, os atendidos serão avaliados pelo aprendizado que recebem, tanto dos fundamentos quanto das técnicas e táticas, a participação coletiva e individual e o desenvolvimento pedagógico e social.

Os professores darão aulas em dois turnos de três horas cada. Além da prática do futebol, aulas sobre higiene corporal e teorias esportivas estão envolvidas no Bom de Bola. “Depois de formados os núcleos, os alunos participarão de um torneio interno envolvendo as turmas do Bom de Bola, onde teremos a oportunidade de montar uma seleção que representará Juiz de Fora em torneios regionais, estaduais e nacionais”, explica Canalli.

Texto e informações enviados ao Toque de Bola pela Assessoria de Comunicação da SEL

 


Voltar

2 Respostas to “Reformulado, programa Bom de Bola é retomado em JF”

Deixe uma resposta

Notícias


24 set 2017
Aílton se emociona e não define permanência: “Estou disposto a ouvir proposta”

21 set 2017
Tupi pode ter até quatro desfalques. Aílton receita “guerrear e batalhar demais para conseguir o objetivo”

20 set 2017
Tupi fecha treino. Fortaleza em Sampa. Marcelo apita. Ingressos, gramado, reconhecimento, recepção. Veja o diário da decisão

20 set 2017
Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador: resultados e próximos jogos

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.