03 abr 2013

Maurício Bara abre as portas do vôlei UFJF para Giovane Gávio



  A notícia da saída de Giovane Gávio do comando do Sesi-SP foi surpresa para muita gente, inclusive para o próprio Giovane. Após quatro anos à frente da equipe e com vários títulos colecionados (o tetracampeonato da Copa São Paulo (2009/10/11/12), o tricampeonato paulista (2009/11/12), a Superliga masculina (2010/2011) e o Campeonato Sul-Americano 2011), o ex-jogador da Seleção Brasileira não suportou a eliminação para o Sada/Cruzeiro na semifinal da Superliga Masculina de Vôlei 2012/13.

  Maurício Bara, treinador da equipe de vôlei da UFJF, foi um que se surpreendeu com a notícia da demissão do juiz-forano e fez questão de exaltar a figura de Giovane no cenário do voleibol nacional: “Eu vejo com muito lamento a demissão do Giovane, e eu nem vou chamar de demissão, talvez o fim de um ciclo ali no Sesi. Só pra lembrar o que o Giovane fez, durante esses quatro anos, foi tricampeão paulista, campeão da Superliga, levou o time em pelo menos três ou quatro ocasiões para as semifinais, como agora, sendo campeão dois anos atrás. Campeão Sul-americano em terceiro ou quarto colocado no campeonato mundial. Então, o ciclo que ele construiu dentro do Sesi, é uma coisa que já marcou, e ele tem isso já carimbado na sua carreira como treinador”.

  De volta a Juiz de Fora?

  Com Giovane no mercado e Juiz de Fora com um time na elite do voleibol nacional, logo desperta na cabeça de todos um possível casamento, até mesmo pela identificação do treinador com a cidade. Bara comentou sobre a possibilidade de o medalhista olímpico fazer parte do projeto do vôlei da UFJF: “Primeiro, seria um prazer poder trabalhar com o Giovane. Mas tem muitas outras coisas que temos que fazer. Eu acho que a figura dele, a competência dele, não importa realmente muito a função, seja de treinador ou outra mais geral dentro do projeto. Mas é uma coisa que talvez tenha que partir dele. Nesse momento depende muito mais de partir dele do que da gente. Temos outras necessidades momentâneas, não em relação a treinador ou coordenador, mas necessidade de fomentar o projeto e garantir o projeto para as próximas temporadas, uma coisa que ele até poderia nos ajudar”.

   “Superliga ideal”

  Outra notícia que mexeu com o cenário do esporte no Brasil foi a saída do patrocinador da equipe de Campinas, que ainda não sabe se conseguirá formar equipe para a próxima Superliga, após uma grande temporada. Além disso, o projeto que busca encontrar a fórmula para uma “Superliga Ideal”, iniciado pelos irmãos Murilo e Gustavo, foi tema discutido pelo treinador da UFJF, que destacou a importância da ação em prol do vôlei: “Um movimento muito consolidado, muito consciente. Eu tenho acompanhado algumas coisas que os atletas têm me passado e o que eles tem feito realmente é pro bem do voleibol. A Superliga tem que ser mais longa, tem que começar antes, para as empresas usufruírem mais desse apoio. Alguns pontos que estão pleiteando refletem diretamente nas equipes, que estão totalmente desguarnecidas, em relação aos investimentos. Então é natural que as equipes também se envolvam nisso, num movimento que nasceu de uma maneira muito natural e pro bem do voleibol, com propostas que não são impossíveis de fazer, exigindo mais apoio da confederação para as equipes. Você ouvir falar que São Bernardo pode acabar, que Vôlei Futuro pode acabar, que Campinas e Florianópolis não sabem, é um cenário nada animador para um esporte igual o voleibol e a amplitude que ele tem no Brasil”.

  A Superliga 2012/13, que contou com a participação da UFJF na primeira fase, com transmissão da Rádio Web do Toque de Bola de todos os jogos da UFJF em casa, vai chegando à reta final. O Sada/Cruzeiro já conquistou a vaga na decisão e aguarda o adversário que sai do confronto entre RJX e Vivo/Minas, que fazem o terceiro jogo da série nesta sexta-feira, 5.

Texto: Igor Rodrigues


Voltar

Uma Resposta to “Maurício Bara abre as portas do vôlei UFJF para Giovane Gávio”

Deixe uma resposta

Notícias


21 abr 2018
Gol de Adê, 43 anos, aos 43 minutos! Baeta vence e sobe

19 abr 2018
Baeta confiante para buscar o “combo”: vitória, acesso e vaga na final

19 abr 2018
Futsal: Léo Aleixo vibra com títulos e adaptação da família na Bélgica

19 abr 2018
Copa Prefeitura Bahamas de Futsal: resultados do Boletim 6

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.