05 nov 2012

Fred, Atlético e árbitro absolvidos em julgamento. Vasco sem treinador



Fred, atacante do Fluminense, o Atlético Mineiro, por protestos da torcida, e o árbitro Jailson Macedo Freitas, todos envolvidos em Atlético 3×2 Fluminense, foram absolvidos em julgamento realizado na noite desta segunda-feira, no Superior Tribunal de Justiça Desportiva, no Rio de Janeiro.

Por maioria de votos, absolvido o Atlético/MG, incurso no Art. 191, incisos I e III do CBJD; absolvido o árbitro Jailson Macedo Freitas, incurso no Art. 260 do CBJD, absolvido o atleta Fred, do Fluminense, incurso no Art. 250§1º inciso II do CBJD.

Veja informações postadas no site do STJD, em ordem cronológica:

 19h05

Com a palavra o relator Washington Oliveira, que vota no sentido de absolver o Atlético/MG, denunciado no artigo 191, incisos I e III do CBJD; absolver o árbitro Jailson Macedo Freitas, denunciado no artigo 260 do CBJD; e absolver o atleta Fred, do Fluminense, denunciado no artigo 250 §1º inciso II do CBJD.

 19h16

O auditor Felipe Bevilacqua vota por absolver Fred, do Fluminense, e o árbitro Jailson Macedo Freitas das denúncias, por entender que o lance foi normal e a atitude do árbitro correta, e diverge apenas com relação ao Atlético/MG, votando por multar em R$ 20 mil o clube mineiro, por infração ao artigo 191, incisos I e III do CBJD. De acordo com o auditor, “deixar de punir este fato pode abrir precedentes para outros casos”.

 19h20

O presidente Paulo Valed explica que cabe ao tribunal votar o limite dessas manifestações, como a feita pela torcida do Atlético/MG.

“Ao meu entender, não houve nenhuma intenção de ofender. Foi de mal gosto, mas foi um protesto e não ofensivo. Por este motivo, vou acompanhar o voto do relator e absolver o Atlético/MG. Infração disciplinar não marcada ou não observada pelo árbitro é passível de ser denunciada pela Justiça Desportiva. Agora fiquei sabendo que o jogador do Atlético provocou possivelmente o cartão amarelo, também provocou o atleta Fred. A intenção foi empurrar, claramente foi. Houve o ato, mas não foi violento. A atitude do Fred merecia o cartão amarelo, só que esse ato daria a expulsão do Fred e o árbitro deixou de aplicar. Considero ambos culpados, mas não houve gravidade. Ao atleta Fred aplico a pena de advertência. A mesma coisa para o árbitro, considero a infração e aplico a pena de advertência”.

Mão na taça

O Fluminense ficou ainda mais perto do título brasileiro. Neste domingo, 4, no complemento da 34ª rodada, o Flu empatou com o São Paulo em 1 a 1 no Morumbi, gols de Luís Fabiano e Fred, ambos na etapa final, e foi beneficiado pela derrota do Atlético Mineiro para o Coritiba por 1 a 0, no Estádio Couto Pereira, na capital paranaense, gol de Deivid, cobrando pênalti, na etapa inicial. O Flu abriu nove pontos a quatro rodadas do final. Basta ao time carioca conquistar quatro em 12 pontos para assegurar o tetracampeonato nacional.

Outros jogos   importantes para Libertadores, Sul-Americana e luta contra o rebaixamento foram: Vasco 0x3 Sport, Palmeiras 2×2 Botafogo, Portuguesa 0x1 Bahia e Náutico 3×0 Internacional. Já Atlético-GO 0x2 Corinthians, no Estádio Boca do Jacaré, no Distrito Federal, decretou matematicamente a queda do Atlético-GO à Série B de 2013.

  Vasco sem comando

Após uma série de seis derrotas consecutivas e um pífio aproveitamento de 26,6% em dez jogos, o técnico Marcelo Oliveira pediu demissão do Vasco na manhã desta segunda-feira. Com a saída do treinador, o auxiliar Gaúcho comandará o time de maneira interina até o final do Campeonato Brasileiro.

A decisão já era esperada e aconteceu em comum acordo durante encontro nesta manhã. O profissional deixa o Cruzmaltino sem receber salários após menos de dois meses de trabalho. Marcelo Oliveira venceu apenas Figueirense e Atlético-GO em sua passagem pela Colina histórica.

O destino do treinador pode ser o Cruzeiro na próxima temporada, já que seu nome foi especulado no clube mineiro durante a semana passada. Os profissionais trazidos por Marcelo Oliveira também o acompanham na sequência da carreira.

O nome do técnico Ricardo Gomes, que se recupera de um AVC sofrido em agosto do ano passado, agrada a diretoria para comandar o time em 2013. Inclusive, os primeiros contatos já foram iniciados. As partes estudam a viabilidade do projeto, que contará com um novo diretor de futebol, além de um vice-presidente para a pasta, acumulada no momento pelo mandatário Roberto Dinamite.

 Sábado de Neymar

O show de Neymar no Estádio Independência, em Belo Horizonte, foi o destaque na abertura da 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com três gols e o passe para o gol de Felipe Anderson, o craque teve até seu nome gritado pela torcida adversária, que estava irritadíssima com o futebol da Raposa e preferiu render homenagens ao ídolo do Peixe e do futebol brasileiro. O Santos venceu por 4 a 0, diante de uma das piores formações da história recente do Cruzeiro, que abusou de erros individuais grosseiros e falhas coletivas incompatíveis com a gloriosa tradição do clube mineiro.

A partida marcou, por infeliz coincidência para os torcedores anfitriões, a volta do Cruzeiro a BH, depois de cumprir suspensão e mandar suas partidas em Varginha, por infrações cometidas por “torcedores” no clássico diante do Atlético, na última partida do turno. Neymar disse, após o “show”, que ficou muito emocionado com o reconhecimento dos torcedores do Cruzeiro, e destacou que, antes do jogo, deu autógrafo a um dos meninos na entrada do campo, e o garoto tinha a camisa do Cruzeiro por cima e a do Santos por baixo.

“Hoje é um dia histórico, estou muito emocionado e dá vontade de chorar. O que a torcida do Cruzeiro fez hoje vou levar para toda a minha vida. Hoje, vejo o Cruzeiro como minha segunda casa. Estou muito emocionado, a sensação é maravilhosa, é de onde eu trago essa alegria de jogar. Isso é o gosto do futebol, a torcida do Cruzeiro demonstrou o respeito que tem com os outros jogadores”, disse Neymar na saída do gramado em Belo Horizonte.

Os lances: no primeiro tempo, Neymar fez um gol batendo de primeira após cruzamento rasteiro e outro em que dominou e tocou no canto de Fábio; no segundo, arrancou para servir Felipe Anderson e depois completou cruzamento de Miralles. Nas outras partidas da noite, os atacantes também foram decisivos.

No Estádio Olímpico, em Porto Alegre, o Grêmio enfrentou muitas dificuldades e só superou a Ponte Preta por 1 a 0, gol de André Lima, aos 45 minutos do segundo tempo, depois de escanteio cobrado da direita. O time gaúcho atuava com 10 jogadores – o lateral-esquerdo Júlio César, que entrou no final do primeiro tempo para substituir Anderson Pico, lesionado, foi expulso no início da etapa final. A equipe de Campinas não mostrou ousadia para aproveitar a vantagem e preferiu tentar administrar o empate que garantia pelo menos um ponto. No final, prevaleceram a tradição e a camisa do clube gaúcho, que venceu na raça.

No Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, Flamengo e Figueirense fizeram una partida muito fraca tecnicamente. No primeiro tempo, o atacante do Figueira, Júlio César, ainda criou algumas oportunidades, barradas por impedimentos duvidosos – em ambas, ele chegou a balançar as redes, mas houve a marcação da arbitragem. No segundo tempo, Dorival Júnior, aos 10, lançou Adryan e Hernane nas vagas de Welinton Bruno e Liedson, e as modificações acabaram surtindo efeito. Aos 26, depois de escanteio cobrado por Renato Abreu da direita, a zaga aliviou no primeiro momento e Hernane acertou um chutaço no ângulo superior direito do goleiro Wilson, que só olhou. Flamengo 1 a 0, placar que não se alterou até o final.

Na pressão em busca do empate, o meia juiz-forano Botti quase empatou a partida. Ele recebeu passe da direita e emendou de primeira, numa meia bicicleta. O goleiro Paulo Victor praticou a defesa mais bonita do jogo, e mandou a escanteio. Virtualmente rebaixado, o time de Florianópolis lançou jogadores ainda com idade da categoria juvenil no segundo tempo, já antecipando mudanças para a próxima temporada. No contra-ataque, o Flamengo quase ampliou com Vágner Love, que fez excelente jogada, ganhou em velocidade do zagueiro que o assediava, e diante do goleiro isolou por cima. “Se houvesse o empate, eu assumiria a culpa, felizmente agora, com o resultado, podemos jogar as rodadas finais mais tranquilos, sem o fantasma da zona do rebaixamento”, declarou Love ao SporTV.

Foto: reprodução site ESPN Brasil

Informações: sites (globoesporte.com, Espn Brasil, Uol) e SporTV

Equipe PG J V E D GP GC SG
1 FLUMINENSE/RJ  FLUMINENSE/RJ 77 38 22 11 5 61 33 28
2 ATLÉTICO/MG  ATLÉTICO/MG 72 38 20 12 6 64 37 27
3 GRÊMIO/RS  GRÊMIO/RS 71 38 20 11 7 56 33 23
4 SÃO PAULO/SP  SÃO PAULO/SP 66 38 20 6 12 59 37 22
5 VASCO/RJ  VASCO/RJ 58 38 16 10 12 45 44 1
6 CORINTHIANS/SP  CORINTHIANS/SP 57 38 15 12 11 51 39 12
7 BOTAFOGO/RJ  BOTAFOGO/RJ 55 38 15 10 13 60 50 10
8 SANTOS/SP  SANTOS/SP 53 38 13 14 11 50 44 6
9 CRUZEIRO/MG  CRUZEIRO/MG 52 38 15 7 16 47 51 -4
10 INTERNACIONAL/RS  INTERNACIONAL/RS 52 38 13 13 12 44 40 4
11 FLAMENGO/RJ  FLAMENGO/RJ 50 38 12 14 12 39 46 -7
12 NÁUTICO/PE  NÁUTICO/PE 49 38 14 7 17 44 50 -6
13 CORITIBA/PR  CORITIBA/PR 48 38 14 6 18 53 60 -7
14 PONTE PRETA/SP  PONTE PRETA/SP 48 38 12 12 14 37 44 -7
15 BAHIA/BA  BAHIA/BA 47 38 11 14 13 37 41 -4
16 PORTUGUESA/SP  PORTUGUESA/SP 45 38 10 15 13 38 41 -3
17 SPORT/PE  SPORT/PE 41 38 10 11 17 39 56 -17
18 PALMEIRAS/SP  PALMEIRAS/SP 34 38 9 7 22 39 54 -15
19 ATLÉTICO/GO  ATLÉTICO/GO 30 38 7 9 22 37 67 -30
20 FIGUEIRENSE/SC  FIGUEIRENSE/SC 30 38 7 9 22 39 72 -33

Voltar

Uma Resposta to “Fred, Atlético e árbitro absolvidos em julgamento. Vasco sem treinador”

Deixe uma resposta

Notícias


22 nov 2017
Basquete dos Intercolegiais: conheça todos os atletas campeões e veja as avaliações dos professores

22 nov 2017
JF Vôlei receita “foco e determinação” para buscar reação contra dois adversários diretos na pontuação

20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.