13 ago 2012

Silvio, Cassiano e Rodrigo: motivos diferentes para comemorar a vitória



Autores dos dois gols da vitória do Tupi sobre o Brasiliense no último sábado, 11, por 2 a 0, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, Silvio e Cassiano ressaltaram após o jogo que o mais importante foi ajudar o Carijó a sair da difícil situação na Série C do Brasileirão. Mas ambos tinham motivação particular para balançar as redes. A partida contra o Jacaré também foi especial para Rodrigo, que completou 50 jogos no gol do Tupi.

O primeiro gol da partida, um golaço, saiu do pé do zagueiro carijó, que por pouco não foi vetado devido a uma amigdalite. A dor de garganta não conseguiu barrar o jogador, que esquentou a “disputa” com Wesley Ladeira para ver quem termina a temporada com mais gols anotados. “O Ladeira vinha brincando comigo durante a semana que estava 4 a 1 para ele. Respondi dizendo que eu encostaria. Ele me deu força antes do jogo e graças a Deus o gol saiu”, comentou o defensor, em tom de brincadeira.

Cassiano teve a responsabilidade de substituir o ídolo carijó Ademílson, mudança criticada por porte da torcida que esteve presente ao estádio. A desconfiança vinda da arquibancada se deve ao fato de o atacante não vir de boas atuações nas últimas vezes que jogou em Juiz de Fora. A moral com a torcida voltou após o gol que selou a primeira vitória do Tupi na Série C. Mesmo assim, o jogador ainda não pensa em ser titular. Quer apenas continuar ajudando o grupo. Em relação ao gol marcado, revelou que já sabia onde Alex Travassos cobraria o escanteio.

“Tive a felicidade do Alex acertar uma bela bola. Ele sempre bate no primeiro pau, descaindo. Cheguei por trás dos zagueiros definindo a jogada e, graças a Deus, conseguimos a primeira vitória de muitas”, destacou o jogador.

Quem também estava feliz da vida após o apito final era o goleiro Rodrigo, que completou 50 jogos com a camisa carijó. E, logo na data festiva, saiu de campo sem ser vazado, o que já havia ocorrido em outras 17 partidas no gol do Tupi. Em entrevista concedida ao Portal Toque de Bola após o jogo, disse que a vitória sobre o Brasiliense, a primeira na Série C, foi o cenário perfeito. “Só poderia ter sido um pouco mais fácil – disse, descontraído. Foi tensão o jogo todo. Mas é isso aí. Graças a Deus saímos com a vitória”, destacou, acrescentando que o resultado “tirou um peso das costas” e que a tendência é que o time melhore cada vez mais na competição.

Programação

No início da tarde desta segunda-feira, o departamento de futebol carijó divulgou a semana de preparação para a partida de sexta-feira, 17, à noite, fora de casa, contra o Oeste, em Itápolis (SP).

Segunda-feira (dia 13) 

14h30 – Trabalhos de musculação, na Academia Higéia, mais complemento (por volta das 16h) em Santa Terezinha

 Terça-feira (14)

9h – Treino técnico/tático, em Santa Terezinha

15h30 – Treino técnico-tático, no Tupynambás

 Quarta-feira (15)

15h30 – Treino técnico/tático, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio

 Quinta-feira (16)

0h30 – Viagem para Araraquara (SP), com chegada prevista às 8h30

 Sexta-feira (17)

16h30 – Viagem para Itápolis (SP), com chegada prevista para às 17h45

19h30 – Oeste (SP) x Tupi, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro da Série C

Texto: Thiago Stephan


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


14 dez 2017
JF Vôlei recebe Corinthians-Guarulhos pela última rodada do turno. Veja panorama completo da Superliga

13 dez 2017
Confira o ranking atualizado da Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador

11 dez 2017
Copa Zico Verão Juiz de Fora: resultados e galeria de fotos

09 dez 2017
Copa Zico Verão Juiz de Fora é atração no Centro de Futebol Zico. Com novidades extra-campo!

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse