22 abr 2012

Vasco vira sobre o Fla, elimina o rival e enfrenta o Botafogo



O Vasco se classificou para a final da Taça Rio ao vencer, de virada, por 3 a 2 o Flamengo, neste domingo (22), no Engenhão. O Gigante da Colina irá disputar o título do segundo turno do Campeonato Carioca contra o Botafogo que bateu o Bangu no sábado (21). Os gols vascaínos foram marcados por Eder Luis e Felipe (dois).

O jogo

O Vascão veio para o clássico diante do Flamengo com o desfalque de Dedé, que ainda está se recuperando de uma lesão. O jogo começou bastante aberto com as duas equipes com formações ofensivas. Logo aos dois minutos, o Flamengo se aproveitou de um passe errado no meio de campo e puxou o contra-ataque para Vagner Love abrir o placar. O gol, contudo, não abalou o Gigante da Colina.

A equipe de São Januário foi para cima do adversário criando muitas oportunidades para empatar a partida. Aos quatro minutos, Diego Souza deu um ótimo passe para Eder Luis, que invadiu livre a área e tocou na saída de Felipe. Mas antes de a bola entrar, Junior Cesar conseguiu salvar em cima da linha. Instantes depois foi a vez de Fellipe Bastos levar perigo ao rival em uma grande cobrança de falta que o goleiro defendeu.

O Cruz-Maltino seguiu pressionando o adversário e aos 13 minutos conseguiu o empate. Felipe arriscou um chute de fora da área, o goleiro flamenguista caiu no canto e espalmou. No rebote, Eder Luis chegou primeiro que a zaga para estufar a rede.

O Gigante da Colina continuou com o domínio do jogo após o gol. O Vascão ainda virou o placar com Alcsandro, mas o árbitro marcou o impedimento do atacante. Eder Luis puxou um ataque rápido pelo meio e finalizou de longe, passando muito próximo a trave.

Enquanto o Vascão ficava com a posse de bola no campo ofensivo, pressionando o adversário, o Flamengo criava oportunidades nos contra-ataques. Aos 30 minutos, Felipe deu passe espetacular para Alecsandro invadir a área, porém o goleiro flamenguista saiu bem para salvar o seu time.

No final da etapa, Felipe dominou a bola na entrada da área, limpou a marcação, e chutou bonito para fazer o gol a virada.

Administrando o placar

O Trem Bala da Colina iniciou o segundo tempo mantendo a velocidade máxima. Thiago Feltri foi lançado e cruzou rasteiro para Alecsandro sofrer o pênalti. Na cobrança, Felipe marcou mais um gol, ampliando a vantagem cruz-maltina sobre o rival.

O Flamengo, poucos minutos depois, entretanto, fez o seu segundo tento na partida em um belo chute de Kleberson. O Cruz-Maltino não se abateu e quase marcou o quarto gol com Diego Souza. Felipe fez grande jogada, tocou para Fagner que finalizou torto. Mas a bola sobrou para Diego Souza, que soltou a bomba para uma defesa espetacular do goleiro Felipe. O Rubro-Negro respondeu com Léo Moura, que cruzou rasteiro para Ronaldinho, mas o jogador desviou para fora. Kleberson ainda quase empatou em uma cabeçada, porém Fernando Prass realizou a defesa.

Cristóvão Borges fez uma alteração para melhorar a marcação no meio de campo, colocando o volante Nilton no lugar de Alecsandro. A alteração surtiu o efeito esperado e o Vascão passou a manter a bola no campo de ataque para não deixar o rival chegar com perigo à baliza defendida por Fernando Prass. No decorrer da etapa, o técnico vascaíno tirou Felipe para a entrada de Carlos Alberto.

E logo na sua primeira jogada, Carlos Alberto levantou a torcida do Gigante da Colina no Engenhão. O meia driblou dois marcadores para depois finalizar rasteiro de canhota, levando muito perigo ao goleiro Felipe. O Flamengo, percebendo a superioridade do Cruz-Maltino, fez duas alterações para deixar seu time mais veloz.

O jogo ficou preso no meio de campo com alguns lances de perigo dos dois times. Rômulo desarmou Ronaldinho e puxou o contra-ataque do Vasco. Diego Souza invadiu a área livre, mas Welinton voltou a tempo e corta para escanteio. O Gigante da Colina administrou o resultado após esses lance, classificando-se para a final da Taça Rio.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 2 X 3 VASCO

Local: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data-Hora: 22/04/2012 – 16h (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Auxiliares: Jackson Lourenço (RJ) e Wagner de Almeira (RJ)
Cartões amarelos: Muralha, Felipe, Kleberson, Bottinelli (FLA); Alecsandro, Rodolfo, Renato Silva (VAS)
Gols: Vagner Love, 02’/1ºT (1-0); Eder Luis, 13’/1ºT (1-1); Felipe, 40/1ºT (1-2); Felipe, 03’/2ºT (1-3); Kleberson, 07’/2ºT (2-3);

FLAMENGO: Felipe; Léo Moura, Welinton, Marcos González e Junior Cesar; Muralha (Bottinelli, intervalo), Luiz Antonio (Renato, 29’/2ºT), Kleberson (Negueba, 29’/2ºT); Ronaldinho, Deivid e Vagner Love. Técnico: Joel Santana.

VASCO: Fernando Prass; Fagner, Renato Silva, Rodolfo e Thiago Feltri; Rômulo, Fellipe Bastos, Felipe (Carlos Alberto, 25’/2ºT) e Diego Souza; Eder Luis (Allan, 31’/2ºT) e Alecsandro (Nilton, 17’/2ºT). Técnico: Cristovão Borges.

Fonte: site oficial do Vasco


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


11 dez 2017
Copa Zico Verão Juiz de Fora: resultados e galeria de fotos

09 dez 2017
Copa Zico Verão Juiz de Fora é atração no Centro de Futebol Zico. Com novidades extra-campo!

07 dez 2017
JF Vôlei encara Canoas fora de casa em busca de mais pontos na Superliga

04 dez 2017
Tupi 2018: Nicanor vê “no papel, um time competitivo” e aposta na qualidade do setor de meio-campo

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.