13 jul 2011

Tupi apresenta novos uniformes. Ademilson confiante



Custódio : "Vamos ser campeões do centro-oeste"

Juiz de Fora (MG), 13 de julho de 2011

O Tupi promoveu, na manhã desta quarta-feira, 13, um café da manhã no Ritz Hotel, reunindo dirigentes, treinador e alguns jogadores do clube, autoridades civis, como o Prefeito Custódio Mattos e o presidente da Câmara Municipal, Pastor Carlos Bonifácio, autoridades militares, empresas patrocinadoras, imprensa e convidados, como o presidente do Tupynambás, Luiz Carlos Campos, o ex-craque carijó João Pires e o ex-treinador Geraldo Magela Tavares.

Na oportunidade, foram apresentados os novos uniformes do clube para a disputa da Série D do Campeonato Brasileiro, e foram feitos ao mesmo tempo um agradecimento público ao apoio recebido e um apelo para que haja um envolvimento maior em torno do Tupi, a caminho do centenário que será completado em 2012.

“Vamos ser campeões do Centro-Oeste”, afirmou, bem-humorado, o Prefeito, referindo-se à chave do Tupi na Série D do Campeonato Brasileiro, que reúne Itumbiara (GO), adversário da estreia, segunda-feira, dia 18, em Itumbiara, Anapolina (GO), Tocantinópolis (TO) e Gama (DF).

Acompanhe algumas declarações feitas no evento:

Ailton Alves, jornalista, assessor de imprensa do Tupi:

“Marca hoje de Juiz de Fora no Brasil é o Tupi. Precisamos, como disse o treinador, em sua chegada, realizar essa integração do Tupi com a cidade. O Tupi vai fazer 100 anos, e queremos esse presente, passar da Série D para a Série C”.

Áureo Fortuna, presidente do Tupi:

“Queremos agradecer aos antigos e aos novos parceiros, especialmente as autoridades militares, que proporcionam segurança não só nos estádios, mas no entorno, nunca tivemos problemas com torcida, que tenham provocado perda de mando de campo, é importante destacar esse fato.  O sucesso do Tupi tem que ser um sonho coletivo. Temos uma meta a curto prazo: subir para a Série C. E só conseguiremos isso com a união de todos”,

José Roberto Maranhas, vice-presidente do Tupi:

“Nossa participação na Série D só foi possível graças aos parceiros de sempre, que seguraram a barra até agora, e aos novos parceiros. O incentivo da Prefeitura também foi fundamental porque não tivemos muito tempo para dar a resposta sobre a participação na Série D, depois da desistência do América, de Teófilo Otoni. Importante também anunciar que a partir de agora, com a Lei de Incentivos Fiscais, o clube passa a ter mais uma oportunidade de agregar mais empresas e realizar, além de um projeto esportivo, um projeto social”.

Treinador Ricardo Drubscky:

“Vocês vão me desculpar, eu fico mais à vontade no vestiário, falando com os jogadores, mas queria dizer, como fui gestor de importantes clubes no Brasil, que é muito importante essa união de esforços, já pude perceber que os dirigentes do Tupi estão empenhados, estão dando passos do tamanho das pernas, caminhando de maneira firme, sólida. Aproveito essa reunião para agradecer e pedir que todos abracem essa causa do Tupi, o futebol hoje é o terceiro negócio no mundo, e o poder público e a iniciativa privada têm motivos para entrar apoiando, cabe também aos clubes saber cativar esse apoio. Quanto ao grupo de jogadores, com média de 23 anos, vejo um olho deste tamanho de cada um quando falo com eles, no vestiário ou no campo, vejo todos com muita vontade de acertar, estamos fazendo um trabalho forte, com amor e carinho, e esperamos que dentro de campo os resultados apareçam para não decepcionar essa expectativa”.

Prefeito Custódio Mattos:

“Estou aqui menos como Prefeito, mais como um torcedor do Tupi desde criança e apaixonado por esporte. As condições nunca foram tão propícias como agora para o Tupi e para cidade. Juiz de Fora vive grande dinamismo econômico, como não se vê há, no mínimo, 50 anos. Temos num prazo de dois, três anos, investimentos privados na ordem de R$ 1,5 bilhão e mais de oito mil empregos. E não só o Tupi e o futebol, mas o esporte em si tem um valor extraordinário, agregador, de harmonização social. O momento do Tupi também é interessante, com gente apaixonada, mas gente séria. Hoje temos aqui o Geraldo Magela, o João Pires. Vamos também melhorar o Estádio Municipal, adequando ao Estatuto do Torcedor. Destaco ainda o nível do treinador Ricardo Drubscky, pessoa que vem nos ensinar e nos ajudar nesta fase, espero que esse moço aqui (Ademilson) faça muitos gols, vamos ser campeões do centro-oeste. Já fracassei uma vez om o Manchester (nota da redação: união de Tupi, Tupynambás e Sport numa só equipe, na outra administração de Custódio), agora novas condições são dadas, acredito que começa uma aventura muito bonita. Pensamos ainda num projeto a médio prazo com o Tupi e o esporte local, talvez com mais uma modalidade além do futebol”.

Clique abaixo para ouvir entrevista com o atacante Ademilson, um dos “jogadores-modelos”, ao lado de Augusto, que vestiu a camisa do Tupi.

São parceiros do Tupi na disputa da Série D: Prefeitura Municipal de Juiz de Fora, MRS Logística, BMG, GSport, Unimed, Bahamas, Sudeste Automóveis, Faculdade Suprema, CJF, Academia Higéia, Hotel Ritz, Astransp e Sefer.

Fotos: Fernando Barbosa – Jornalista e Repórter Fotográfico – PJF – twitter.com/fotonandox – facebook – fernando barbosa(fotonandox@gmail.com) – msn : fotonando@click21.com.br


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


22 nov 2017
Basquete dos Intercolegiais: conheça todos os atletas campeões e veja as avaliações dos professores

22 nov 2017
JF Vôlei receita “foco e determinação” para buscar reação contra dois adversários diretos na pontuação

20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.