15 maio 2011

Santos de Neymar e Inter de Renan fazem a festa



Juiz de Fora (MG), 15 de maio de 2011

Arouca e Neymar marcaram os gols da vitória e do título do Peixe

 

 

Em Santos, na Vila Belmiro, o Santos confirmou o favoritismo e bateu o Corinthians por 2 a 1, conquistando o bicampeonato paulista. No primeiro jogo, no Pacaembu, houve empate em 0 a 0.

Arouca marcou o primeiro gol aos 18 do primeiro tempo, depois de jogada de Zé Love pela esquerda. No segundo tempo, Neymar, que havia desperdiçado uma chance incrível diante do goleiro Júlio César, entrou na área pela esquerda e “achou” um espaço para chutar em direção ao gol. Para sorte dele e do Santos, Júlio César “não achou” a bola, num autêntico frango.

Morais diminuiu para o Corinthians, num gol estranho, em que a bola foi lançada na área e ninguém desviou, talvez confundindo o goleiro. No final, apesar de reclamar do cansaço da maratona de viagens pela Taça Libertadores e jogos do Paulista, o Santos fez a festa, reverenciando a chegada de Muricy Ramalho, a quem foi atribuída maior “consistência defensiva” à equipe praiana.

Neymar, bastante emocionado, abraçou muito Paulo Henrique Ganso após o jogo. Ganso, contundido, está fora do time com previsão de mais um mês no “estaleiro”.

Deu Inter

Em Porto Alegre, em mais um confronto dos ídolos Renato Gaúcho e Falcão como treinadores de Grêmio e Internacional, o Colorado levou a melhor numa decisão em que o mando de campo não pesou. Se na semana passada, o Grêmio marcou 3 a 2 no Beira-Rio, neste domingo foi a vez de o Inter devolver o placar no Olímpico, levar – e vencer – a decisão nos pênaltis.

Lúcio marcou 1 a 0 para o Grêmio, que dominava a partida e perdeu a chance de liquidar logo a fatura. O Inter atacava pouco mas chegou ao empate com Leandro Damião, que aproveitou um “pé mole” na defesa adversária para ficar com a bola na área, girar e marcar o gol de empate.

O até então esquecido Zé Roberto, ex-Botafogo, Flamengo e Vasco, acabou se tornando destaque do jogo. O Inter melhorou com sua subida de rendimento, Andrezinho marcou 2 a 1 num chute de fora da área em bola rebatida e D`alessandro marcou 3 a 1, em pênalti sofrido por Zé Roberto.

O título estava nas mãos do Inter quando o goleiro Renan resolveu que seria “com emoção”. Soltou uma bola na pequena área depois de se chocar com um zagueiro, e Borges diminuiu.

Nos pênaltis, Renan se redimiu e defendeu três cobranças. Festa do Inter, que teve em Zé Roberto o autor do gol final nas penalidades. E Renato Gaúcho mais uma vez vê o título escapar na marca da cal.

Por aí

Nos outros estaduais, destaque para o título do Santa Cruz, que entrou com a vantagem de ter vencido o Sport por 2 a 0 na primeira partida. Neste domingo, perdeu por 1 a 0, gol de Marcelinho Paraíba, cobrando pênalti aos 48 minutos do segundo tempo. Nem deu tempo de nova saída, e o árbitro encerrou.

O Santa Cruz, que já foi da Série A, entrou em franca decadência nos últimos anos, descendo para a Série B, depois C, e ainda Série D, mas sua torcida sempre compareceu, independente da “letra” em que está a equipe. O treinador Zé Teodoro acredita que, com planejamento eficiente, o Santa pode voltar a brilhar no cenário nacional.

Em Salvador, o Vitória saiu na frente, mas sofreu a virada. Resultado: título baiano para o Bahia de Feira de Santana.

Texto: Ivan Elias, com informações do SporTV

Fotos: Jefferson Bernardes/Vipcomm (Inter) e site do Santos Futebol Clube

 

 


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


14 dez 2017
JF Vôlei recebe Corinthians-Guarulhos pela última rodada do turno. Veja panorama completo da Superliga

13 dez 2017
Confira o ranking atualizado da Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador

11 dez 2017
Copa Zico Verão Juiz de Fora: resultados e galeria de fotos

09 dez 2017
Copa Zico Verão Juiz de Fora é atração no Centro de Futebol Zico. Com novidades extra-campo!

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse