27 abr 2011

Jogos do Flamengo em Juiz de Fora dependem do aval de Luxemburgo



Juiz de Fora (MG), 27 de abril de 2011

A decisão se o Flamengo vai mandar jogos do Campeonato Brasileiro no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio só deve acontecer após o término do Campeonato Carioca. É o que acredita o secretário de Esporte e Lazer, Renato Miranda. Se a possibilidade se confirmar, ele estima que será necessário o investimento de até R$ 500 mil para adequar o maior palco da Zona da Mata, o que vai possibilitar que a capacidade do estádio ultrapasse o máximo de 10 mil torcedores de hoje em dia.

Na manhã desta quarta-feira, 27, Miranda conversou com a equipe do Toque de Bola sobre o assunto, quando explicou que os jogos do Rubro-Negro na cidade dependem do aval do técnico Vanderlei Luxemburgo e do gerente de futebol do Flamengo, Isaías Tinoco. “Nós tivemos conversas via telefone com o Isaías Tinoco e o Vanderlei Luxemburgo. O Isaías conhece o estádio, o Vanderlei não. Em razão da Copa do Brasil e do Campeonato Carioca, a visita dos dois a Juiz de Fora, que estava agendada para a semana passada, foi adiada e não tem previsão para ser feita. Mas, pelo que conversei com o Isaías, acho que essa situação só será definida ao final do Campeonato Carioca”, expôs Miranda.

Segundo o secretário, o sim do Flamengo depende muito da avaliação que será feita do gramado do Helenão. Se eles gostarem, o estádio precisará passar por adequações. “O primeiro passo é o Isaías e o Vanderlei gostarem do gramado. Alguns jogadores do Flamengo já informaram a eles que o campo é bom. Em seguida, teremos o segundo passo, que é fazer as adequações previstas no Estatuto do Torcedor, o que vai permitir o aumento na capacidade. Para isso, será necessária a instalação de catracas eletrônicas, câmeras e sala de controle das câmeras. Depois, teremos que reformar os vestiários e ampliar as instalações para a imprensa”, comentou, acrescentando que a capacidade máxima do estádio definida pela Federação Mineira de Futebol é de 34.500 torcedores.

Miranda acrescentou ainda que o custo para a realização dessas intervenções no Municipal deverá atingir montante entre R$ 400 mil e R$ 500 mil. Segundo ele, esses recursos poderão ser negociados com o Flamengo. A Prefeitura também estaria disposta a realizar os trabalhos, mas vai esperar o posicionamento do clube carioca para começar a se mobilizar.

Texto: Thiago Stephan


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


14 dez 2017
JF Vôlei recebe Corinthians-Guarulhos pela última rodada do turno. Veja panorama completo da Superliga

13 dez 2017
Confira o ranking atualizado da Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador

11 dez 2017
Copa Zico Verão Juiz de Fora: resultados e galeria de fotos

09 dez 2017
Copa Zico Verão Juiz de Fora é atração no Centro de Futebol Zico. Com novidades extra-campo!

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse