11 mar 2011

Colégio dos Jesuítas: 55 anos com muito esporte!



Juiz de Fora (MG), 11 de março de 2011

O Colégio dos Jesuítas realiza neste sábado, 12, uma série de atividades em homenagem aos 55 anos da instituição, completados no dia 5. Para celebrar a data, educadores, alunos e ex-alunos da escola, bem como seus familiares, participarão de várias atividades.

Na abertura oficial da programação, às 8h30, o Reitor do Colégio dos Jesuítas, Padre Adroaldo Palaoro, S.J., falará sobre o 55º aniversário da instituição e sobre o tema da Campanha da Fraternidade deste ano (“Fraternidade e a Vida no Planeta”), aberta na quarta-feira, 9.

Às 9h, alunos do 6º ano do Ensino Fundamental a 3ª série do Ensino Médio, e seus familiares, farão uma “Trilha Ecológica” pela Mata do Colégio e plantarão árvores. A “festa” acontecerá também no campo, nas quadras e na piscina, com partidas de futebol e de voleibol, além de atividades aquáticas para crianças e adultos. Na “rua de lazer” montada nas quadras cobertas, jogos e brincadeiras – como totó, dama, xadrez, tênis de mesa e cama elástica – farão a alegria dos alunos da Educação Infantil e de 1º a 5º anos do Ensino Fundamental. Trata-se do projeto Bairro de Lazer, parceria com a Secretaria de Esporte e Lazer da Prefeitura de Juiz de Fora.

Às 11h, toda a “Família Jesuítas” se reunirá em torno da mesa principal, para o tradicional “Parabéns”! Às 14h, o Ginásio do Jesuítas vai sediar o desfile de abertura da Copa Prefeitura Bahamas de Futsal.

Pequeno histórico sobre o Colégio dos Jesuítas

Em 5 de março de 1956, fundou-se o “Colégio Nossa Senhora Imaculada” – hoje Colégio dos Jesuítas.

Mas a idéia de trazer para Juiz de Fora um colégio da Companhia de Jesus já era planejada há mais de quinze anos, assunto constante entre as famílias tradicionais da cidade e os jesuítas no Brasil. Tanto assim que, em 1945, após negociações entre jesuítas e famílias juiz-foranas, foi assinada a escritura de compra da “Chácara das Palmeiras”, terreno na Avenida Rio Branco, que serviria de sede para a instalação do Colégio na cidade.

A primeira turma era formada somente por meninos. Em 1967, o Colégio recebeu suas primeiras alunas, apenas seis.

Em 1959, foi aprovado o projeto de construção de um novo prédio, na Avenida Independência, que foi concluído no ano seguinte – em 1960.

Desde que se instalou em Juiz de Fora, o Colégio dos Jesuítas passou por mudanças que acompanharam a evolução da sociedade.

Em 2003, graças ao espírito empreendedor e ousado do então Diretor Geral, Padre Félix Fierro, S.J., o Colégio dos Jesuítas aprovou as reformas de ampliação e modernização de suas instalações físicas. As obras tiveram início em janeiro de 2004 e foram concluídas em abril de 2005. Foram aproximadamente 12 mil metros quadrados de obras.

Hoje, o Colégio dos Jesuítas é um dos mais completos conjuntos educacionais de Juiz de Fora e da região da Zona da Mata Mineira, com uma área de aproximadamente 80 mil metros quadrados, na região central de Juiz de Fora. Neste ambiente, preserva cerca de 40 mil metros quadrados de Mata Atlântica, que é utilizada para caminhadas ecológicas e para o ensino de Ciências e Biologia.

A Educação Física e o Esporte em destaque

Com sua proposta de formação integral, o Colégio dos Jesuítas sempre teve preocupação com a Educação Física.

Atualmente, além das aulas regulares, o Colégio dos Jesuítas trabalha com as Equipes, que representam a escola em diversos eventos, e com as Escolas de Esporte, que são as bases dessas equipes.

Desde 2000, a Equipe de Educação Física adota uma “Nova Dinâmica” em suas aulas no Ensino Médio, em que os alunos escolhem a atividade com a qual se relacionam melhor: Futsal misto, Badminton, Atividades Aquáticas, Esportes Alternativos, Handebol misto, Basquetebol misto ou Ginástica localizada.

Em abril de 2005, o Colégio dos Jesuítas inaugurou oficialmente alguns de seus novos espaços, entre os quais:

• Centro de Esportes e Cultura João Paulo II: edifício em 2 pavimentos, com salas para atividades esportivas e artísticas

• Centro Poliesportivo Padre João Bosco Burnier, S.J.: edifício em 2 pavimentos, com: ginásio poliesportivo, possibilitando a prática de todas as modalidades de esportes de quadra e melhorando a estrutura das aulas de educação física; piscina coberta e aquecida, com 6 raias, proporcionando aos alunos um ambiente adequado para a prática da natação, tanto no inverno como no verão

Centro Poliesportivo Padre Murillo Moutinho, S.J: com campo de futebol, quadras cobertas, áreas de atletismo e vestiários

Na ocasião, o atleta olímpico Giovane Gávio (ex-aluno do Colégio dos Jesuítas) matou saudade dos tempos de escola, ao participar de uma partida de voleibol com antigos colegas de turma.

Em uma das fotos do jogo de voleibol em 2005, é Giovane que está prestes a sacar, dando início à partida.

Na sequência das fotos, uma pequena demonstração da importância que o Colégio dos Jesuítas confere ao esporte.

Informações, textos, pesquisa e fotos enviados por Vinícius Moraes, Assessor de Mídia e Comunicação do Colégio dos Jesuítas


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


21 fev 2018
Tupi x Atlético em JF: ingressos, transporte, acesso, estacionamento

20 fev 2018
Módulo 2: Jajá brilha, NAC lidera, juiz-forano apita e Baeta divulga preços

19 fev 2018
JF Vôlei tem semana de desafios seguidos em busca da reação na Superliga

17 fev 2018
Baeta perde na estreia do Módulo 2

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.