16 mar 2011

Cruzeiro dá mais uma goleada pela Libertadores: 6 a 1 no Tolima



Belo Horizonte (MG), 17 de março de 2011

Mais uma vitória de goleada e classificação praticamente assegurada para as oitavas de final da Copa Santander Libertadores. O Cruzeiro venceu o Deportes Tolima-COL por 6 a 1 na noite desta quarta-feira, 16, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas, e disparou na liderança do Grupo 7 da competição com 10 pontos. Os gols da equipe celeste foram marcados por Montillo, Wallyson, Roger (2) e Gilberto.

O Estudiantes-ARG é o vice-líder da chave com seis pontos e um jogo a menos (enfrenta o Guarani-PAR nesta quinta-feira na Argentina). A terceira colocação é do Tolima, que tem quatro pontos, e pode chegar aos 10, mas, para ficar com a vaga do Cruzeiro, teria que tirar um saldo de gols elevado (hoje o Cruzeiro tem 14 gols de saldo, contra –5 dos colombianos). O Guarani é o lanterna do Grupo 7, ainda sem pontuar.

A Raposa volta a campo no sábado, quando receberá o Funorte, às 16h, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas, pela 7ª rodada do Campeonato Mineiro BMG. O próximo jogo pela Copa Santander Libertadores será apenas no dia 30, contra o Guarani-PAR, em Assunção. A última partida do Melhor Clube Brasileiro do Século XX pela fase de grupos também será fora de casa, no dia 13 de abril, contra o Estudiantes, em território argentino.

O jogo

O Cruzeiro começou o jogo no campo de ataque, marcando o Tolima em seu campo. E a estratégia deu certa. Logo aos três minutos, o ataque celeste bateu uma falta rapidamente na intermediária colombiana. Montillo recebeu a bola, deu um corte no defensor adversário e bateu, de fora da área, no ângulo, sem chances para o goleiro Silva para abrir o placar em Sete Lagoas.

Aos nove minutos, o Cruzeiro mostrou força de conjunto. Victorino roubou a bola na defesa e tocou para Wellington Paulista, que deixou com Montillo no meio-campo. O argentino fintou o marcador e devolveu para Paulista na esquerda. O atacante dominou, olhou e fez um lançamento preciso para Wallyson, que dominou bem na ponta direita e foi derrubado por Noguera. Pouco depois, o colombiano cometeu outra falta, dessa vez em Wellington Paulista, e recebeu o cartão amarelo.

A equipe celeste seguia marcando a saída de bola do adversário. Aos 18min, em outra bola roubada na defesa colombiana, Montillo arriscou um chute e ganhou escanteio. Cinco minutos depois, Roger deu um chapéu no adversário no meio de campo e levantou a torcida na Arena.

Até os 29min, o goleiro Fábio era praticamente um espectador. E na primeira vez que foi exigido, apareceu muito bem. Castillo recebeu a bola na área e chutou forte, mas o camisa 1 do Cruzeiro espalmou.

Aos 31min, o Cruzeiro chegou ao segundo gol. Roger caminhou com a bola na intermediária colombiana e lançou na área. O zagueiro falhou e a bola ficou com Wallyson, que passou pelo goleiro Silva e finalizou para a rede. Foi o quinto gol de Wallyson na Libertadores.

Três minutos depois, Montillo deu um drible desconcertante em Marrugo. O colombiano não gostou, foi atrás do meia argentino e lhe deu um pontapé no joelho, ganhando assim um cartão amarelo. Aos 38, Marrugo achou um espaço na área celeste e chutou cruzado, mas a bola foi pela linha de fundo. Aos 44, após cobrança de escanteio, Fábio deu um soco e afastou o perigo.

Segundo tempo

Os dois times voltaram sem alterações. A primeira grande chance de gol celeste aconteceu aos 12min. Pablo cruzou da direita, Wellington Paulista dominou, ajeitou e tentou uma bicicleta, mas errou a direção. Mas, aos 16, não teve jeito. Wallyson fez boa jogada pelo lado direito da área, escapou da marcação e tocou no meio. Roger dominou, fintou o defensor e bateu rasteiro para fazer o terceiro gol cruzeirense.

Aos 22min, Cuca promoveu a primeira mudança no Cruzeiro, colocando Thiago Ribeiro em lugar de Wellington Paulista, que teve o seu esforço em campo reconhecido pela torcida. No minuto seguinte, O Tolima diminuiu com Marrugo.

Dada a saída de bola, o Cruzeiro foi ao ataque e Bolívar puxou Wallyson pela camisa. Pênalti. Roger cobrou com muita categoria, mandou a bola no ângulo esquerdo, enquanto o goleiro Silva pulou para o lado oposto: 4 a 1.

Aos 32min, Cuca mexeu outra vez. Gilberto em lugar de Diego Renan. E logo em sua primeira jogada, Gilberto recebeu a bola, fintou o defensor colombiano e chutou para o gol, obrigando Silva a trabalhar. Aos 34, Montillo, aplaudido, deixou o campo para a entrada de Leandro Guerreiro.

O Deportes Tolima ainda teve o zagueiro expulso aos 42min. O defensor colombiano já tinha o cartão amarelo, segurou Roger pela camisa, foi advertido novamente e, consequentemente, expulso de campo. No minuto seguinte, Gilberto recebeu a bola na entrada da área e bateu para fazer o quinto gol. E cabia mais. Aos 47min, Gilberto achou Thiago Ribeiro, que tocou na saída do goleiro para fazer o sexto gol e fechar a goleada na Arena do Jacaré.

CRUZEIRO 5 X 1 TOLIMA-COL

Data: 16/03/2011 (quarta-feira)

Motivo: 4ª rodada do Grupo 7 da Copa Santander Libertadores

Local: Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG)

Árbitro: Carlos Vera (EQU)

Gols: Montillo aos 3min, e Wallyson aos 31min do primeiro tempo; Roger aos 16min, Marrugo aos 23, Roger aos 26min, Gilberto aos 43min, e Thiago Ribeiro aos 47min do segundo tempo

Público: 8.198 pagantes (9.390 presentes)

Renda: R$ 187.880,00

Cruzeiro

Fábio; Pablo, Victorino, Gil e Diego Renan (Gilberto); Marquinhos Paraná, Henrique, Montillo (Leandro Guerreiro) e Roger; Wallyson e Wellington Paulista (Thiago Ribeiro)

Técnico: Cuca

Tolima

Silva; Vallejo, Díaz, Hurtado e Noguera (Acuña); Marrugo, Chara, Bolívar e Murillo; Castillo (Santoya) e Medina (Parra)

Técnico: Hernán Torres

Cartões amarelos: Wellington Paulista (Cruzeiro); Noguera (2), Bolívar, Marrugo, Hurtado (Tolima)

Cartão vermelho: Noguera (Tolima)

Texto: Diogo Finelli – site do Cruzeiro

Foto: Juliana Flister/Vipcomm


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


21 fev 2018
Tupi x Atlético em JF: ingressos, transporte, acesso, estacionamento

20 fev 2018
Módulo 2: Jajá brilha, NAC lidera, juiz-forano apita e Baeta divulga preços

19 fev 2018
JF Vôlei tem semana de desafios seguidos em busca da reação na Superliga

17 fev 2018
Baeta perde na estreia do Módulo 2

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.