21 mar 2011

Atleta de JF em segundo no Duathlon “Yes, we can”



Juiz de Fora (MG), 21 de março de 2011

A passagem do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, pelo Rio de Janeiro não agradou a todos. Em função da visita, a 1ª Etapa do Campeonato Carioca de Triathlon, marcada para o domingo 20, no Aterro do Flamengo, teve que ser adiada. A mudança foi comunicada apenas na segunda-feira, 14. Como muito competidores já estavam mobilizados para a viagem, foi organizado para o sábado, 19, o duathlon “Yes We Can”, mas no Autódromo de Jacarepaguá: foram 6 km de corrida, 24 km de pedaladas e mais 6 km de corrida.

Quinze atletas da equipe SaúdePerformance (foto) participaram da competição, que teve largada às 15h. O forte calor do Rio de Janeiro atrapalhou até os atletas mais experientes, caso de Marcos Hallack. Ele liderava a prova com ampla vantagem quando começou a passar mal. “Minha pressão deu uma caída, senti náuseas e tive que parar para vomitar. Levantei, continuei correndo, mas me senti mal de novo. Foi quando fui ultrapassado”, relatou Hallack, que acredita que a alimentação pode ter sido uma provável causa do mal-estar. O triatleta terminou em quarto.

Entre os competidores que passaram Hallack estava Diogo Fiochi, também da SaúdePerformance, que terminou a prova em segundo após disputa acirrada com o niteroiense Bruno Brand. Destaques também para os desempenhos de Pablo Casadio, Marcius Itaborahy e Alessandra Salimena. Os dois primeiros venceram em suas categorias, enquanto Salimena terminou na segunda colocação.

Vale vaga para o Mundial

A indisposição de Marcos Hallack parece já ser coisa do passado. No domingo, 20, ele já tinha voltado aos treinamentos. Isso porque na próxima quinta-feira, 24, ele, Marcos Capitão e Leonardo Poncinelli embarcam para Fortaleza (CE), onde disputam no sábado, 26, o Campeonato Brasileiro de Triathlon de Longa Distância. Vão ser 3 km de natação, 80 km pedalando e 20 km de corrida.

A prova é seletiva para o Campeonato Mundial de Triathlon de Longa Distância, que neste ano será realizado nos Estados Unidos. Em 2010, Hallack terminou a competição nacional em terceiro, posição que lhe garantiu a participação no Mundial da Alemanha, prova que o triatleta terminou em 34º na categoria Elite Masculina após ter problemas com sua bicicleta.

Tempos dos competidores locais no duathlon “Yes We Can”.

Diogo Fiochi – 1h10min18s

Marcos Hallack – 1h11min45s

Pablo Casadio – 1h15min38s

Marcius Itaborahy – 1h18min15s

Reinaldo Ottero – 1h21min32s

Marco Capitão – 1h25min09s

Marcelo Tadeu – 1h25min12s

Thiago Castro – 1h28min28s

Alexandre Salimena – 1h31min15s

Alexander Gomes – 1h32min13s

José Ferreira – 1h46min35s

Alessandra Salimena – 1h57min47s

Texto: Thiago Stephan

Foto: Divulgação


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


17 fev 2018
Tupynambás estreia no Módulo 2 fora de casa

16 fev 2018
Com Leão ainda treinador interino, Tupi visita URT

13 fev 2018
Brilho de Léo Santana na seleção emociona JF. Veja depoimentos exclusivos

11 fev 2018
Tupi termina a rodada em nono. Leão e jogadores destacam entrega

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse