11 fev 2011

Ituiutaba muda-se para Varginha e troca até de nome



Matéria do site www.uol.com.br/esporte – Jornalista Guyanne Araújo

 Representante mineiro da Série B do Brasileiro e sem um estádio em condições de mandar seus jogos pela competição nacional em sua terra, o Ituiutaba Esporte Clube mudou-se provisoriamente para Varginha, no Sul de Minas, e está em processo de troca definitiva de nome, quando passará a chamar Boa Esporte Clube, oficializando o seu tradicional apelido. O primeiro grande desafio dessa nova etapa será se reconciliar com os torcedores de Ituiutaba, no Triângulo Mineiro, que resistem em acompanhar o time de coração a uma distância aproximada de 700 quilômetros.

“Sabíamos de boatos. Foi uma surpresa muito desagradável. Foi como uma bomba para nós. Não esperávamos por isso”, revelou, decepcionado, o vice-presidente da Torcida Organizada Avalanche Tricolor, Donizete Júnior da Silva. A mágoa maior é com o fato de terem ficado sabendo da novidade pela imprensa. O presidente da Torcida Organizada Corujão do Pontal, Arnaldo Caetano Basílio, é ainda mais enfático e se diz revoltado com a situação. “Infelizmente foi uma decepção. Foi como uma traição, uma punhalada no coração”, lamentou.

Basílio conta que viajou várias vezes com outros torcedores para apoiar a equipe e avalia que a decisão de deixar Ituiutaba foi um desrespeito. “Não vamos acompanhar o Ituiutaba em Varginha, não temos compromisso lá e não tem significado para nós”, ressaltou. A diretoria do clube, que é poupada por parte da torcida, reconhece que a mudança de sede desagradou a muitos torcedores. “Eles ficaram decepcionados, porque colocaram o time na Série B e depois tivemos que sair da cidade”, observou o diretor de futebol, Roberto Moraes.

Para viabilizar a mudança para Varginha, cidade que já receberá os jogos do Boa pelo Módulo II do Campeonato Mineiro, competição que se inicia neste sábado e que vale duas vagas para a Primeira Divisão do Estadual em 2012, o clube firmou um convênio com a prefeitura da cidade sul-mineira, criando ali uma sucursal. Dessa forma, a sede administrativa continua sendo Ituiutaba, mas, pelo menos nos próximos dois anos, os jogos serão realizados na outra região do estado.

Desde a semana passada, jogadores, integrantes da comissão técnica e alguns dirigentes se mudaram para Varginha, onde encontraram uma estrutura completa para treinamentos e concentração. Os jogos serão disputados no Estádio Municipal Dilson Melo, mais conhecido como Melão. “Escolhemos Varginha por causa da estrutura. Outras cidades tiveram interesse em nos receber, mas preferimos lá”, explicou Roberto Moraes.

Com relação ao nome da equipe, que carinhosamente, sempre foi chamado por “Boa” pela torcida, esse agora vai ser oficial. Foi feito um comunicado à Federação Mineira de Futebol sobre a mudança e ele será registrado como o novo nome da equipe, em definitivo. “Já usávamos como nome fantasia, no estádio a torcida gritava Boa, então mudamos. Não queremos carregar o nome de uma cidade e sim de Boa”, justificou o diretor de futebol.

Uma nova logomarca já está sendo criada para a equipe, contendo uma alteração sutil, com a troca da letra I pela B no interior do símbolo, que é uma estrela. A volta para Ituiutaba, após os dois anos previstos no acordo com Varginha, está condicionada a construção de um novo estádio que comporte os jogos do time, com segurança e conforto para os torcedores. O Melão tem capacidade para 15.545 torcedores e atente a capacidade mínima exigida pelo Estatuto do Torcedor para jogos do campeonato Brasileiro que é de 10 mil lugares. “A cidade (Ituiutaba) não tinha essa estrutura, a capacidade do estádio Fazendinha é 1.800 lugares”, afirmou Roberto Moraes.

Não foram apenas os torcedores de Ituiutaba que se surpreenderam. “Recebi esse comunicado e inicialmente foi uma surpresa. Uma equipe sair do Triângulo Mineiro e ir para o Sul de Minas. Mas lá eles vão movimentar uma praça de muito potencial, o Melão”, comentou o presidente da Federação Mineira de Futebol, Paulo Schettino. Ele ainda informa que foi comunicado pela diretoria do clube sobre a troca do nome da equipe, que será feita em registro. “Eles vão entrar com o ofício e pronto”, acrescentou.

A Prefeitura de Ituiutaba informou, por meio de sua assessoria de comunicação, que tentou realizar várias medidas para viabilizar a permanência do time na cidade. Havia uma proposta inicial de aumentar a capacidade da Fazendinha, com a construção de arquibancadas. Mas ao mesmo tempo, o poder público foi atrás de recursos para a construção de um novo estádio. Porém, segundo as informações passadas, as propostas esbarravam no tempo, que era pouco, uma vez que a Série B do Campeonato Brasileiro se inicia nos primeiros dias de maio deste ano e ainda existiam várias exigências da Confederação Brasileira de Futebol  a serem cumpridas.

Ainda segundo a assessoria, como a meta da Prefeitura de Ituiutaba é a construção de um novo estádio, a possibilidade de reforma da Fazendinha foi descartada. Uma outra medida seria a realização das partidas na vizinha Uberlândia. As duas prefeituras firmaram um acordo que isentava o Ituiutaba do pagamento de todas as taxas para mandar seus jogos da Série B no Parque do Sabiá. Essa possibilidade, no entanto, não agradou a diretoria do clube. “É inviável, não daríamos conta, por causa da distancia”, afirmou Roberto Moraes, lembrando que o time treinaria e se concentraria em Ituiutaba, viajando para atuar em Uberlândia.

A administração da cidade está trabalhando com a possibilidade de construir um Estádio Municipal com capacidade para 10 mil torcedores. Já existem recursos da ordem de R$ 2 milhões já alocados para esse fim, vindos de emenda de parlamentares. A assessoria da Prefeitura de Ituiutaba explicou que, em princípio, esses recursos teriam de ser aplicados em uma área do próprio clube. Mas, com a mudança provisória para Varginha, a administração municipal decidiu reformular o projeto, construindo o estádio em terreno público. Gestões estão sendo feitas para redirecionamento da verba. Após iniciadas as obras, o prazo previsto para conclusão é de 18 meses.

Boa de Varginha

O presidente do Ituiutaba Esporte Clube, Rone Moraes, e o prefeito da cidade de Varginha, Eduardo Carvalho “Corujinha” assinaram o acordo da criação da sucursal do clube no dia 19 de janeiro. Na cidade, a comissão técnica, diretoria e atletas terão hospedagem, alimentação, recursos médicos e treinamentos oferecidos  por empresas parceiras. “A prefeitura oferece a infra-estrutura da parte do estádio e fizemos uma parceria com  empresas privadas”, ressaltou o prefeito. “Hoje é o time da cidade. Boa de Varginha, como é chamado, e ele vai representar a cidade por dois anos”, complementou.

O prefeito conta que acompanhou a final da Série C do ano passado e fez o convite porque sabia que o clube não teria como jogar a Série B em Ituiutaba. “Eles (Boa) tinham uma dificuldade imediata. Isso foi o consenso. A infra-estrutura da cidade foi a vez da jogada”, destacou. O prefeito lembra que mostrou a infra-estrutura da cidade e ainda ressaltou a importância da localidade da cidade. “O coração do Sul de Minas é Varginha, bem localizada. Isso facilita o deslocamento para a cidade. Temos aeroporto, rodovias, linhas aéreas, isso é importante”, afirmou.

O Melão passou por algumas melhorias no ano passado na parte do gramado, iluminação, sanitária e ganhou um placar eletrônico.  “Como o Mineirão e o Independência estão em obra, nos preparamos. O Melão tem autorização para 15 mil torcedores e está totalmente adequado com o estatuto do torcedor”, revela. Corujinha. Varginha sediou a pré-temporada do América-MG, em janeiro último e também a estreia do time belo-horizontino no Mineiro, no empate com o Uberaba, em 1 a 1. ”O América é nosso testemunho dessa estrutura”, disse. Segundo ele, a equipe americana vai mandar jogos do Brasileirão no Melão.

O prefeito ressalta que Varginha vai ser cada vez mais conhecida nacionalmente pelo esporte e que torce para que o Boa suba para a Primeira Divisão do Mineiro em 2012 e que, ao menos, permaneça na Série B do Brasileiro. “Dia 16 contra o Mamoré, temos certeza de casa cheia”, afirmou Corujinha, referindo-se ao primeiro jogo no Melão do Boa pelo Módulo II. A estreia da equipe na competição será fora de casa, neste sábado, em Patrocínio, diante da Patrocinense.

Matéria do site www.uol.com.br/esporte – Jornalista Guyanne Araújo


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


22 nov 2017
Basquete dos Intercolegiais: conheça todos os atletas campeões e veja as avaliações dos professores

22 nov 2017
JF Vôlei receita “foco e determinação” para buscar reação contra dois adversários diretos na pontuação

20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.