12 jan 2011

Ronaldinho Gaúcho leva 20 mil pessoas à Gávea



Rio de Janeiro (RJ), 12 de janeiro de 2011

Por volta das 17h20, mais de uma hora depois do previsto, Ronaldinho Gaúcho subiu ao palco montado na arquibancada da Gávea e foi ovacionado por uma festa épica pelos flamenguistas que tomaram o gramado do estádio para verem o novo camisa 10 rubro-negro. Cerca de 20 mil pessoas compareceram, calculou a polícia militar em estimativa.

Com muita dificuldade, o jogador passou por um corredor repleto de fãs que tentavam ver o astro de perto, e foi apresentado aos torcedores pelo músico Ivo Meireles. Emocionado, Ronaldinho saudou a massa presente com acenos. Ao lado dele, comemoravam o atacante Vágner Love, ex-Fla e hoje no CSKA Moscou, um ator da TV Globo e diversos torcedores.

Em seguida, a presidenta do Flamengo, Patrícia Amorim, tomou a palavra. “O Ronaldinho Gaúcho é nosso, é nosso! Obrigado Flamengo, nação rubro-negra. E vai começar a festa. Com vocês, Ronaldinho Gaúcho”. A dirigente não se conteve e foi às lágrimas.

Por fim, o próprio Ronaldinho falou: “Obrigado. Quero dizer que espero poder retribuir todo carinho dentro de campo. Vamo com tudo nação rubro negra. Tamo junto, tô fechado com vocês. E agora eu sou Mengão! [sic].”

Pouco mais de dez minutos depois de subir ao palco, que estava lotado e já não suportava mais pessoas, Ronaldinho se despediu da massa para uma entrevista coletiva. Uma festa inesquecível.

Preocupação e festa

O grande número de pessoas esperadas para a apresentação de Ronaldinho – até 20 mil pessoas poderiam comparecer – era motivo de preocupação. E esse temor foi justificado logo na entrada dos primeiros torcedores na Gávea, pouco antes das 15h. Um grupo de fãs se aglomerou no acesso ao campo do estádio e fez pressão sobre o portão de entrada, derrubando-o.

Passado o incidente, a multidão ‘invadiu’ a sede do clube rapidamente e sem problemas. Com bandeiras, camisas e máscaras de Ronaldinho Gaúcho, os rubro-negros sentiram-se no Maracanã em dia de jogo.

A festa começou antes das 16h, horário oficial da apresentação, com shows da bateria da Mangueira, de Ivo Meirelles e dos sambistas Dudu Nobre e Diogo Nogueira. Os artistas animaram a torcida que tomou conta do gramado da Gávea com músicas e gritos de arquibancada.
Texto: www.espn.com.br
Fotos: Maurício Val/Vipcomm


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


26 abr 2018
UFJF/Asepel começa com tudo na Segundona do Mineiro de base

26 abr 2018
Mineiro de Base: Uberabinha/Tupi encara Coelho no Salles Oliveira

26 abr 2018
Copa Prefeitura Bahamas de Futsal: resultados do Boletim 7

24 abr 2018
Série C: Tupi perde seis posições e recebe Operário-PR sábado

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.