29 mar 2014

Cruzeiro chega à decisão da Superliga pela quarta vez consecutiva: 3 a 0 de novo sobre o Minas



 

Sada Cruzeiro (MG) é o primeiro finalista da Superliga masculina 13/14. O time mineiro assegurou a vaga ao vencer, neste sábado (29.03), o Vivo/Minas (MG) no segundo jogo da série melhor de três pela semifinal da competição. O primeiro já havia sido de vitória da equipe cruzeirense por 3 sets a 0, e hoje o placar se repetiu com parciais de 21/17, 21/17 e 21/16, em 1h14, na Arena Vivo, em Belo Horizonte (MG).

Com esse resultado, o Sada Cruzeiro chega  à final pela quarta vez consecutiva. O time comandado pelo argentino Marcelo Mendez conquistou o título na Superliga 11/12.

O outro finalista sairá do confronto entre Sesi-SP e Brasil Kirin (SP). O Sesi-SP já tem a vantagem de 1 a 0 na série. A segunda partida será no próximo sábado (05.04), às 9h30, no ginásio do Taquaral, em Campinas (SP).

Neste sábado, o ponteiro Leal foi um dos principais responsáveis pela classificação do time cruzeirense. O cubano foi eleito o melhor jogador da partida, foi premiado com o Troféu VivaVôlei e ainda foi o maior pontuador do confronto, com 12 acertos. Ao final do jog, que faz questão de dividir com todo o grupo.

“Muito mais importante do que esse prêmio é a vitória de todo o grupo. Foi uma vitória muito disputada, mas conseguimos ganhar em quadra e foi um belo resultado, principalmente por estarmos na casa do adversário. Estou muito feliz por mais uma final e agora vamos com tudo para essa disputa”, afirmou Leal.

O técnico do Sada Cruzeiro, Marcelo Mendez, comemorou o resultado e lembrou as demais conquistas desde que chegou ao time mineiro.

“Estou muito feliz. Nos últimos quatro anos, são 15 finais e acho que não é pouco. Trabalhamos muito pesado para chegar a final e agora conseguimos. Sabemos que, em uma decisão, não existe favoritismo. Ganha quem jogar melhor, independentemente de nome de time ou de jogadores”, comentou Mendez, que já pensa no possível adversário da grande final.

“Pelo elenco, o Sesi-SP deve chegar. Mas são partidas difíceis. Nós, quando fomos campeões da Superliga, não éramos os principais candidatos. Partidas são partidas e têm que ser jogadas. Na próxima semana, vamos trabalhar o time de uma maneira geral, em função de características dos dois times”, explicou Marcelo Mendez.

Pelo Vivo/Minas, o clima era de lamentação. Emocionado no final da partida, o central Henrique afirmou que esperava seguir adiante. “Eu sempre quero chegar a final e ser campeão. Tivemos um grupo maravilhoso esse ano, passamos por turbulência com a saída do Horácio, depois o Picinin assumiu muito bem e tínhamos um time muito confiante. Sou muito orgulhoso de ter feito parte dessa equipe, mas sabemos que a equipe do Cruzeiro é realmente muito forte, jogou bem, mereceu a vitória e está de parabéns”, disse Henrique.

Leal, jogador cubano, foi um dos destaques no triunfo que coloca o Cruzeiro novamente candidato ao título

Leal, jogador cubano, foi um dos destaques no triunfo que coloca o Cruzeiro novamente candidato ao título

  O JOGO

O Sada Cruzeiro abriu o jogo com ponto do cubano Leal. O Vivo/Minas devolveu com o central Otávio. Maurício Borges ainda fez ace e colocou o time da casa a frente (2/1). O jogo seguiu equilibrado, com as equipes empatadas em 4/4. O time visitante, então, colocou vantagem de três pontos (11/8) e o Minas mexeu e colocou o ponteiro Rapha no lugar de Maurício. Mas a equipe cruzeirense seguiu melhor e, ainda em passagem de William pelo saque, ainda abriu 14/8. Bem no bloqueio, o time minas-tenista reduziu a vantagem adversária para 16/14 e o técnico do Cruzeiro, Marcelo Mendez, pediu tempo. O Sada Cruzeiro, então, voltou a pontuar e fechou o set em 21/17.

Mais uma vez com William no saque, o Sada Cruzeiro pontuou bem e, quando marcou 3/0, o treinador do Vivo/Minas, Picinin, pediu tempo. Com erros de saque dos dois lados, o time visitante manteve a vantagem e fez 7/3. Na bola de segunda do levantador William, os cruzeirenses levaram o placar para 9/5. A equipe do Cruzeiro seguiu com ritmo forte e com ponto de bloqueio de Leal colocou seis de vantagem (11/5). Em passagem de Henrique pelo saque, o Vivo/Minas reagiu e diminuiu a diferença para 11/8. O placar esteve em 15/11 favorável ao time visitante e seguiu até o final do set, quando o Cruzeiro fechou em 21/17.

A terceira parcial também começou com erros de saque e o Sada Cruzeiro abriu 3/1. O Vivo/Minas, então, buscou e chegou ao empate em 5 pontos. O set teve equilíbrio, com pequena vantagem de um ponto para o grupo cruzeirense: 9/8. No bloqueio individual do ponteiro Filipe, o Sada fez 12/9 e o time mineiro pediu tempo. Com ponto direto de saque de William, o Cruzeiro, então, chegou a 14/10. Com o ponteiro Leal bem no ataque, o Sada Cruzeiro impôs seu poder ofensivo e se manteve na frente (18/14). No final, fechou em 21/16.

 EQUIPES

 VIVO/MINAS – Marcelinho, Filip, Otávio, Henrique, Léo Mineiro e Maurício. Líbero – Luquinha

Entraram – Rapha, Evandro, Franco, Bjelica

Técnico: Ricardo Picinin

 SADA CRUZEIRO – William, Wallace, Isac, Éder, Leal e Filipe. Líbero – Serginho

Entraram – Vinhedo, PV

Técnico: Marcelo Mendez

SUPERLIGA MASCULINA 13/14 – SEGUNDA RODADA DA SEMIFINAL

SÁBADO (29.03) – Vivo/Minas (MG) 0 x 3 Sada Cruzeiro (MG) (17/21, 17/21 e 16/21)
LOCAL/HORÁRIO: Arena Vivo, em Belo Horizonte (MG), às 10h
TEMPO DE JOGO: 1h14
TROFÉU VIVAVÔLEI: Leal (Sada Cruzeiro)
MAIOR PONTUADOR: Leal (Sada Cruzeiro), com 12 pontos

SÁBADO (05.04) – Brasil Kirin (SP) x Sesi-SP
LOCAL/HORÁRIO: Taquaral, em Campinas (SP), às 9h30
TRANSMISSÃO: TV Globo

 

Texto, foto Alexandre Arruda e informaçõs: site CBV


Voltar

Uma Resposta to “Cruzeiro chega à decisão da Superliga pela quarta vez consecutiva: 3 a 0 de novo sobre o Minas”

Deixe uma resposta


Mais notícias



16 ago 2017

Copa do Brasil: Flamengo e Cruzeiro decidem semifinal em casa


15 ago 2017

Conheça nordestinos, acreano e paranaense que subiram da Série D para a C


31 jul 2017

Oficial: Paris sedia Olimpíadas em 2024 e Los Angeles, em 2028

Notícias


16 ago 2017

Aílton vê “desrespeito” na atitude de jogadores do Mogi. Verba da Federação Paulista pode socorrer o clube


16 ago 2017

Mogi já vê desmanche do elenco. Única saída para terminar a Série C é lançar jovens da base


15 ago 2017

Mogi Mirim: versões desencontradas sobre continuidade na Série C


14 ago 2017

Papa-títulos ataca outra vez! Cruzeirinho bate Valadares com gol de Lucas e conquista Super Copa


+ notícias

Toque de Bola


O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.

Desenvolvimento




Acesse

error: Conteúdo protegido.