04 dez 2013

FIFA não mexe em horários. Itália sugere paradas técnicas



No Rio de Janeiro, Cafú, Hernane e Seedorf participaram do evento de apresentação da Brazuca, a bola da Copa do Mundo de 2014. Em coletiva realizada na Costa do Sauípe, nesta terça, 3, poucos dias antes do sorteio de grupos da Copa do Mundo de 2014, o presidente da FIFA, Joseph Blatter garantiu a permanência dos horários já divulgados para as partidas no Brasil. Com 24 jogos marcados para as 13h, o técnico da Seleção Italiana mostrou sua preocupação com o calor e sugeriu a realização de duas paradas técnicas durante os 90 minutos.

“Eu gostaria de pedir duas paradas técnicas durante as partidas, com o objetivo de reidratar os jogadores. Há dois grandes problemas no Brasil, que são, aliás, os mesmos que já experimentamos durante a Copa das Confederações em junho: o calor e a umidade, que, em algumas cidades, são realmente preocupantes”, afirmou o treinador, durante coletiva de imprensa, em Roma.

O jogador italiano Candreva tenta se refrescar durante partida da Copa das Confederações, no Brasil. (Foto: Getty)

O jogador italiano Candreva tenta se refrescar com gelo durante partida da Copa das Confederações, no Brasil. (Foto: Getty)

Joseph Blatter afirmou ter noção das condições climáticas do Brasil e das dificuldades que serão encaradas com compromissos no início da tarde, porém, ressaltou contar com respaldo médico para a decisão. “”A decisão foi tomada com base em relatórios no entendimento de como é o país. O calendário foi organizado pra que partidas não sejam disputadas às 13h em determinadas situações. Essas perguntas sempre vêm de vocês e devem ser feitas de forma profissional, e não assim”, falou o dirigente, claramente irritado com a pergunta que sugeria uma possível falta de conhecimento da sua parte.

Finalizando a resposta sobre o tema polêmico, o presidente da FIFA ainda utilizou como justificativa da permanência dos horários o fato de os jogadores estarem preparados para estes desafios. “A sua questão tem um pouco de ironia, porque o senhor não sabe como é o clima, se é quente ou não. Quando disputamos a Copa do México jogamos muitas partidas às 12h e havia o fator altitude. Acredito que, hoje em dia, os jogadores estão acostumados a jogar em condições que nem sempre são as melhores. E a Copa do Mundo também envolve o calendário. Temos que encaixar três partidas por dia, a vida é assim, a vida do futebol é assim. Claro que nem todo mundo vai ficar satisfeito, mas há um ditado que diz que ninguém vai ficar satisfeito com tudo”, concluiu.

Bola da Copa é apresentada

Em evento no Rio de Janeiro, na noite desta terça-feira, a Brazuca foi apresentada a imprensa e convidados. Com show de luzes, efeitos especiais e projeção em 3D, o objeto foi exibido pela primeira vez em grande estilo. A festa teve a apresentação da atriz Sheron Menezzes e participação de Cafu, capitão do pentacampeonato; Hernane, do Flamengo; e Seedorf, do Botafogo. O atacante Fred, do Fluminense, era esperado, mas não compareceu.

Presente no evento, Cafu elogiou a bola que ela tem a cara do Brasil. “Essa bola é 100% brasileira, é fantástica. Pena que eu não vou ter a oportunidade de jogar a Copa do Mundo com essa belezura. A bola tem as cores do Brasil, o céu estrelado, e espero que traga muita sorte para a Seleção”, disse o ex-lateral-direito, campeão do mundo em 2002.

Símbolos do Mundial de 2014, a Brazuca e a Taça da Copa do Mundo no Maracanã. (Foto: Adidas Divulgação)

Símbolos do Mundial de 2014, a Brazuca e a Taça da Copa do Mundo no Maracanã. (Foto: Adidas Divulgação)

A Brazuca, que significa brasileiro, passou por mais de 600 jogadores e ex-jogadores, como Iker Casillas, Daniel Alves, Lionel Messi, Bastian Schweinsteiger e Zinedine Zidane, além de 30 equipes em dez países de três continentes. A Brazuca também foi usada na Copa do Mundo Sub-20 da FIFA deste ano, ainda que com um design diferente, e em um amistoso entre Suécia e Argentina em fevereiro.

De acordo com a Adidas, todos os bebês nascidos nesta terça, 3,  poderão ganhar uma bola. Para isso, os pais devem levar a certidão de nascimento da criança (e uma cópia) em 12 postos de trocas (um em cada cidade-sede do Mundial: Rio de Janeiro, São Paulo, Manaus, Cuiabá, Brasília, Curitiba, Porto Alegre, Fortaleza, Natal, Recife, Salvador e Belo Horizonte) entre os dias 6 e 7 (sexta e sábado) deste mês. Os endereços dos postos estarão no site da fornecedora.

Texto com informações dos sites da ESPN Brasil e Globoesporte.com e fotos da Adidas e Getty.


Voltar

Uma Resposta to “FIFA não mexe em horários. Itália sugere paradas técnicas”

Deixe uma resposta


Mais notícias



05 dez 2017

Tupi aparece em 46º lugar em ranking atualizado da CBF. Palmeiras e Cruzeiro empatados na liderança


01 dez 2017

Brasil pega Suíça, Costa Rica e Sérvia em primeira fase “cansativa” na Copa do Mundo. Veja tabela completa


20 out 2017

Partiu Rússia? Danilo Luiz, de Bicas, é novamente convocado para defender a seleção brasileira

Notícias


14 dez 2017

JF Vôlei recebe Corinthians-Guarulhos pela última rodada do turno. Veja panorama completo da Superliga


13 dez 2017

Confira o ranking atualizado da Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador


12 dez 2017

Sistema FIEMG inaugura Parque Aquático do SESI em Juiz de Fora


11 dez 2017

Henrique Furtado reforça Cruzeiro na Polônia e não dirige JF Vôlei contra Corinthians


+ notícias

Toque de Bola


O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.

Desenvolvimento




Acesse

error: Conteúdo protegido.