20 jan 2012

Vanderlei Luxemburgo está com um pé fora do Flamengo



Juiz de Fora (MG), 20 de janeiro de 2012

Tudo indica que Vanderlei Luxemburgo perdeu o cabo de guerra com Ronaldinho Gaúcho. Matéria publicada no site www.globo.com afirma que ele teria garantia da presidente Patrícia Amorim de que o técnico não continuará no cargo. O problema entre técnico e jogador entrou na pauta da na pauta na reunião de quarta-feira entre Fla e Traffic para tratar do acerto dos salários atrasados do Camisa 10.
– Ronaldinho não fica com o Luxa. Garantiram isso a ele – disse uma pessoa ligada a Assis.

Vanderlei soube da ligação de Patricia para o jogador e entrou em contato com ela para confirmar. Na sala de embarque do aeroporto de Guarulhos (SP), ficou uma hora no telefone celular com a mandatária, andou de um lado a outro com ar preocupado e ouviu uma negativa da presidente. Patricia não repetiu o que dissera ao Camisa 10.

Internamente, os nomes de Joel e Renato Gaúcho estão em pauta para ocupar o cargo de técnico. A história também chegou aos ouvidos de Alex Silva. Contrariado com o atraso no pagamento de R$ 250 mil de luvas e irritado com o vice de finanças Michel Levy, o zagueiro decidiu que não compactuaria com a situação e tomou o caso como mais um motivo para abandonar o barco. Antes da viagem à Bolívia, deixou hotel em que a delegação se concentrava e não voltou mais.

Crise estoura na pré-temporada

Patricia Amorim manteve longas conversas com dirigentes rubro-negros nesta quinta-feira, 19. E ouviu conselhos sobre a gestão do futebol e ataques a Vanderlei Luxemburgo. Existe um consenso no clube de que entre o técnico e Ronaldinho Gaúcho, a permanência do ídolo seria mais benéfica do que a do treinador. Além da rixa com o vice-presidente de finanças, Michel Levy, Luxa está em processo de fritura entre conselheiros e pessoas que têm forte influência no alto escalão.

A relação Vanderlei-diretoria-Ronaldinho começou a azedar de vez durante a pré-temporada do time em Londrina. Depois de Michel Levy ter dito que “um ou dois jogadores marqueteiros estavam fazendo barulho” por conta de luvas e direitos de imagem atrasados, Luxemburgo saiu em defesa do grupo na cobrança pública por salários atrasados.

“Vou trabalhar muito para classificar o time para a fase seguinte da Libertadores. Depois, vou me posicionar sobre tudo que aconteceu na pré-temporada”, disse. O técnico direcionou seus ataques a Levy, e fez questão de colocar um escudo em Patricia Amorim. Mas a presidente abriu fogo contra o treinador.

– Quem manda no clube sou eu. Se o treinador quer ser vice de finanças, e o vice de finanças quer ser treinador, a coisa não vai acabar bem – afirmou Patricia Amorim.

Poucos dias depois, Luxa prometeu o revide:

– De repente fui mal interpretado, ou quiseram dar um cala boca no Luxa: fica aqui e cala a boca. Vou trabalhar muito para classificar o time para a fase seguinte da Libertadores. Depois, vou me posicionar sobre tudo que aconteceu na pré-temporada.

Mas a resposta de Luxa pode ser dada já como ex-treinador do Flamengo. As declarações de Patricia Amorim irritaram Vanderlei. Durante todo o tempo em Londrina, o treinador comentou com pessoas próximas sua vontade.

– Vou largar tudo. Estão brincando com o Flamengo – ameaçou Vanderlei, em conversas com diversos membros da comissão técnica.

Além da fritura, também aconteceu o esvaziamento do técnico no episódio em que Ronaldinho Gaúcho foi flagrado pelas câmeras do hotel em Londrina entrando no quarto onde estava hospedada uma mulher.

Fonte: www.globo.com


Voltar

Deixe uma resposta


Mais notícias



18 maio 2018

Platini revela “pequeno esquema” na final da Copa do Mundo de 1998


17 abr 2018

CBF divulga entrada de 68 milhões de euros em transferências internacionais este ano


09 abr 2018

‘Pra mim, ele toca na bola, mas a decisão é sua’”. Veja explicação de lance polêmico na final paulista

Notícias


22 maio 2018

Tupi tem barca, saída de preparador físico e contusão em dois dias


22 maio 2018

Perrout exalta “time” CRIA-UFJF em Recife: “Todos melhoraram marcas”


21 maio 2018

Após assinar com ArcelorMittal, JF Vôlei estuda parceria diferente com Sada


21 maio 2018

Acabou o amor? Torcedor cobra reforços e qualidade em derrota do Tupi


+ notícias

Toque de Bola


O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.

Desenvolvimento




Acesse

error: Conteúdo protegido.