12 nov 2011

Flu pode assumir liderança do Brasileiro. Uruguai lidera eliminatórias sul-americanas. Vôlei feminino perde da Itália



 Rio de Janeiro (RJ), 12 de novembro de 2011

Embalado pela vitória por 2 a 1 sobre o Internacional, em pleno Beira-Rio, o Fluminense pode assumir neste sábado a liderança do Campeonato Brasileiro. Pelo menos de forma provisória, já que é o terceiro colocado com 56 pontos e recebe o lanterna América-MG, às 19 horas (de Brasília), no Engenhão. O Tricolor passaria assim a noite na ponta da tabela de classificação, superando Corinthians e Vasco, que lideram com 58 pontos, mas que entram em campo somente no domingo.

Os outros jogos que abrem a rodada neste sábado, também às 19h, são: Figueirense x Atlético Mineiro e São Paulo x Avaí.

O clube fez promoção no preço dos ingressos e a expectativa é de Engenhão lotado.

Já o Coelho, na última posição, com 28 pontos, tenta manter vivo o sonho de evitar o rebaixamento e, para isso, pretende repetir o feito da semana passada, quando bateu o líder Corinthians, por 2 a 1, embolando a briga pelo título. Também serve de motivação para a equipe a própria vitória sobre o Fluminense, no primeiro turno, com um convincente 3 a 0.

Diante das surpresas que o América-MG pode aprontar, os jogadores do Fluminense têm consciência de que encontrarão problemas contra o Coelho. Depois do triunfo do lanterna sobre o líder, os tricolores ligaram o sinal de alerta.

“O América mineiro não derrotou o Corinthians por acaso e nem conseguiu fazer outros grandes jogos neste Campeonato Brasileiro sem qualidade. Estamos cientes de que teremos muitas dificuldades pela frente neste sábado e só vamos contar com a vitória após os noventa minutos. Nosso favoritismo representa nada antes do jogo”, disse o zagueiro Leandro Euzébio.

Além de não menosprezar o adversário, o Fluminense vem procurando afastar outras armadilhas que possam impedir a conquista de um triunfo neste sábado. Outra preocupação é controlar a ansiedade proveniente da possibilidade de assumir a liderança da competição.

“O nosso foco é fazer uma grande campanha nestes últimos cinco jogos para ver se conseguimos a conquista do título, pois sabemos que a torcida do Fluminense deseja muito esse bicampeonato. Sabemos que não será nada fácil, que nossos concorrentes também são fortes e que nossos confrontos se desenham complicados, mas estamos focados. Não é o momento de pensar em ser líder ou em secar adversários. O momento é de pensar sempre no próximo jogo e somar três pontos”, afirmou o atacante Rafael Sóbis.

Cientes das dificuldades deste duelo, os atletas esperam contar com o apoio da torcida, que vem dando demonstração de força na venda antecipada. “Nós precisamos muito contar com o apoio da torcida e tenho certeza de que ela estará ao nosso lado mais uma vez, fazendo toda a diferença”, declarou o lateral direito Mariano.

Para este compromisso o Fluminense não poderá contar com o lateral esquerdo Carlinhos e nem com o meia Deco, ambos suspensos por acúmulo de cartões amarelos. Sendo assim, Jeferson entra na lateral e o argentino Lanzini vai auxiliar Marquinho na criação de jogadas.

Mesmo ficando à disposição após cumprir suspensão, o zagueiro Márcio Rosário perdeu a posição para Elivélton, que está mantido como companheiro de Leandro Euzébio. A dúvida ainda está no gol, onde Diego Cavalieri, que passou a semana lutando contra uma gripe e uma crise de gastroenterite, passou a ter a sua escalação colocada em xeque. Se for vetado, Ricardo Berna assume o posto.

À espera de um milagre para escapar do rebaixamento, o América-MG terá que vencer o Fluminense a qualquer custo se quiser se manter na elite do futebol brasileiro. Para ajudar a equipe, Givanildo poderá contar com o lateral-direito Marcos Rocha, expulso contra o Grêmio e que foi absolvido em julgamento no STJD. Gilson e Alessandro, que cumpriram suspensão na última rodada, também ficam à disposição para atuar.

Em compensação, o zagueiro Anderson está vetado pelo departamento médico. Durante a semana, o comandante americano ensaiou a equipe com Fábio Júnior ao lado de Kempes, deixando Alessandro na reserva. O atacante inclusive mantém as esperanças de um bom resultado contra o Fluminense, mas sabe das dificuldades que o América-MG vai enfrentar.

FICHA TÉCNICA:

FLUMINENSE-RJ X AMÉRICA-MG

Local: Estádio Olímpico João Havelange, o Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 12 de novembro de 2011 (Sábado)

Horário: 19h(de Brasília)

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (DF)

Assistentes: Cleriston Rios (SE) e José Nascimento Junior (DF)

FLUMINENSE: Diego Cavalieri (Ricardo Berna); Mariano, Leandro Euzébio, Elivélton e Jeferson; Edinho, Valencia, Marquinho e Lanzini; Rafael Sobis e Fred

Técnico: Abel Braga

AMÉRICA-MG: Neneca; Everton, Micão e Wiliam Rocha; Marcos Rocha, Leandro Ferreira, Amaral, Rodriguinho e Carleto; Kempes e Fábio Júnior

Técnico: Givanildo Oliveira

Uruguai lidera eliminatórias

Em uma noite inspirada de Luis Suárez, o Uruguai atropelou o Chile e venceu por 4 a 0, no estádio Centenário, em Montevidéu, nesta sexta-feira. Com quatro gols do atacante do Liverpool, a Celeste se manteve na liderança das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2014 e ainda obteve um feito histórico.

Após três jogos, o líder Uruguai agora soma sete pontos, o Paraguai tem seis, Argentina, Colômbia e Venezuela têm quatro, Chile, Equador e Peru têm três.

Com duas vitórias (sobre Chile e Bolívia) e um empate (com o Paraguai), a seleção uruguaia tem o seu melhor início de competição desde as eliminatórias para a Copa de 1970. Na ocasião, a equipe teve a mesma campanha. Nas dez classificatórias seguintes, a Celeste não conseguiu chegar a sete pontos nas três primeiras rodadas.

Nas eliminatórias para o Mundial de 1966, o Uruguai teve o seu melhor começo e desempenho da história, com quatro vitórias em quatro partidas. Vale lembrar que o país disputa essa fase preliminar desde a Copa de 1958, já que antes teve vaga direta na competição.

Melhor jogador do mundo, Lionel Messi lamentou muito o empate em 1 a 1 da Argentina diante da Bolívia, nesta sexta-feira, em Buenos Aires, pelas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014. O atacante do Barcelona ainda deu apoio para o defensor Martín Demichellis, que falhou no gol boliviano de Marcelo Moreno.

“Dá raiva deixar dois pontos em casa”, desabafou Lionel Messi, que destacou que a Argentina tem a obrigação de ganhar os seus jogos como mandante. O craque comentou que o gol da Bolívia ‘complicou’ os argentinos, que, na sua avaliação, ‘jogaram bem apenas em alguns momentos’.

Os resultados da sexta-feira foram: Uruguai 4×0 Chile, Argentina 1×1 Bolívia, Colômbia 1×1 Venezuela e Paraguai 2×1 Equador.

Nesta terça-feira, pela quarta rodada, os jogos são: Equador x Peru, Colômbia x Argentina, Chile x Paraguai e Venezuela x Bolívia.

 Vôlei feminino perde

A seleção feminina de vôlei do Brasil vinha de uma virada emocionante contra a China. Mas, diferente da reação da noite anterior, desta vez foi dominada e perdeu para a Itália por 3 sets a 0 (25-23, 25-16 e 25-22), se mantendo no meio da tabela da Copa do Mundo que está sendo disputada no Japão. Agora, as brasileiras somam cinco vitórias em sete jogos, com resultados que deixam a equipe com 12 pontos.

Já as italianas lideram a classificação com sete vitórias em sete jogos e só uma por 3 sets a 2 – placar que dá apenas dois pontos ao vencedor, não os três de vitórias por 3-0 ou 3-1. Ainda com a sétima rodada a ser disputada nesta madrugada e na manhã de sábado (horários de Brasília), o Brasil ocupa a quinta colocação.

Pelo regulamento da competição, as três melhores seleções garantem vaga à Olimpíada de Londres no ano que vem. Neste momento, Itália, Estados Unidos e Alemanha estariam classificadas.

 Textos e informações: www.espn.com.br

Equipe PG J V E D GP GC SG
1 CORINTHIANS  CORINTHIANS 71 38 21 8 9 53 36 17
2 VASCO/RJ  VASCO/RJ 69 38 19 12 7 57 40 17
3 FLUMINENSE/RJ  FLUMINENSE/RJ 63 38 20 3 15 60 51 9
4 FLAMENGO/RJ  FLAMENGO/RJ 61 38 15 16 7 59 47 12
5 INTERNACIONAL  INTERNACIONAL 60 38 16 12 10 57 43 14
6 SÃO PAULO/SP  SÃO PAULO/SP 59 38 16 11 11 57 46 11
7 FIGUEIRENSE/SC  FIGUEIRENSE/SC 58 38 15 13 10 46 45 1
8 CORITIBA/PR  CORITIBA/PR 57 38 16 9 13 57 41 16
9 BOTAFOGO/RJ  BOTAFOGO/RJ 56 38 16 8 14 52 49 3
10 SANTOS/SP  SANTOS/SP 53 38 15 8 15 55 55 0
11 PALMEIRAS/SP  PALMEIRAS/SP 50 38 11 17 10 43 39 4
12 GRÊMIO/RS  GRÊMIO/RS 48 38 13 9 16 49 57 -8
13 ATLÉTICO/GO  ATLÉTICO/GO 48 38 12 12 14 50 45 5
14 BAHIA/BA  BAHIA/BA 46 38 11 13 14 43 49 -6
15 ATLÉTICO/MG  ATLÉTICO/MG 45 38 13 6 19 50 60 -10
16 CRUZEIRO/MG  CRUZEIRO/MG 43 38 11 10 17 48 51 -3
17 ATLÉTICO/PR  ATLÉTICO/PR 41 38 10 11 17 38 55 -17
18 CEARÁ/CE  CEARÁ/CE 39 38 10 9 19 47 64 -17
19 AMÉRICA/MG  AMÉRICA/MG 37 38 8 13 17 51 69 -18
20 AVAÍ/SC  AVAÍ/SC 31 38 7 10 21 45 75 -30

Voltar

Deixe uma resposta


Mais notícias



20 out 2017

Partiu Rússia? Danilo Luiz, de Bicas, é novamente convocado para defender a seleção brasileira


20 out 2017

Mano Menezes renova contrato por dois anos com Cruzeiro


19 out 2017

CBF anuncia “dindim” do Brasileirão: campeão leva R$ 18 milhões e 16º lugar terá R$ 744 mil

Notícias


20 nov 2017

Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude


17 nov 2017

Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária


16 nov 2017

Tupi confirma volta de Sidimar e anuncia que tem 22 jogadores contratados


16 nov 2017

JF Vôlei faz promoção de ingressos para domingo. Furtado espera crescimento do setor ofensivo


+ notícias

Toque de Bola


O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.

Desenvolvimento




Acesse

error: Conteúdo protegido.