24 mar 2014

Superliga: De olho na decisão, Sesi-SP enfrenta Brasil Kirin na terça. Sada Cruzeiro vence Minas por 3 sets a 0



Um duelo paulista é uma das atrações do playoff melhor de três das semifinais da Superliga masculina de vôlei 13/14. Nesta terça-feira, 25, o Sesi-SP, segundo na fase de classificação, receberá o Brasil Kirin (SP), terceiro, às 20h30, na Vila Leopoldina, em São Paulo.

A partida promete equilíbrio, pois as duas equipes jogaram juntas diversas vezes nesta temporada e se conhecem bem. No primeiro turno, o Sesi-SP levou a melhor por 3 sets a 0. No returno, nova vitória da equipe paulista por 3 sets a 2. As duas equipes também duelaram na decisão do Campeonato Paulista. Na ocasião, o Sesi-SP ficou com título.

Um dos destaques da equipe campineira na competição é o oposto Rivaldo. O jogador aparece como o quinto maior pontuador da Superliga, além de ser o décimo atacante mais eficiente. Para o oposto, o Brasil Kirin fez uma grande preparação para o duelo e a expectativa é a melhor possível.

“Nós estamos muito animados para esse jogo. Nos preparamos bastante e estudamos muito a equipe do Sesi-SP. Essa partida envolve uma grande rivalidade e tenho certeza que será uma série equilibrada. Conseguimos recuperar algumas peças importantes do nosso elenco e vamos em busca da vaga na final.”, disse Rivaldo.

Brasil Kirin e Sesi fazem duelo que promete ser equilibrado nesta terça-feira, 25, às 20h30

Brasil Kirin e Sesi fazem duelo que promete ser equilibrado nesta terça-feira, 25, às 20h30

O jogador ainda comentou sobre a participação do Brasil Kirin na Superliga masculina nesta temporada.

“Temos uma estrutura muito boa em Campinas. Nesta temporada conseguimos alcançar nosso primeiro objetivo que era chegar à semifinal, porém queremos mais. Jogamos como um grupo em toda a competição e acho que esse é o nosso diferencial. Vamos enfrentar uma grande equipe, mas sabemos que podemos chegar à final”, garantiu Rivaldo.

Pelo lado do Sesi-SP, o líbero Serginho acredita que o retrospecto favorável da equipe paulista nesta temporada não significa favoritismo.

“O equilíbrio é gigante. Jogaremos contra um time que não desiste nunca. Uma equipe bem formada, que sofreu durante o campeonato com contusões de seus principais jogadores e agora vem com força total. Precisamos fazer valer o fator quadra no primeiro jogo, já que jogaremos em casa, para abrir vantagem na série”, analisou Serginho.

Diante de seu torcedor, Sada Cruzeiro vence Vivo Minas 

De olho na decisão da Superliga, o Sada Cruzeiro saiu na frente na disputa ao vencer o Vivo/Minas, nbo sábado, 22, por 3 sets a 0 (21/11, 21/18 e 21/16), em 1h14, no ginásio do Riacho, em Contagem (MG) e, se vencer novamente no próximo sábado, 29, o Sada Cruzeiro já estará na final. Desta vez o confronto será na Arena Vivo, casa do time minastenista, em Belo Horizonte, às 10h. A série melhor de três jogos ainda pode ser definida somente no terceiro confronto, que, em caso de empate, acontecerá no sábado, dia 5 de abril.

O oposto do Sada Cruzeiro, Wallace, foi o maior pontuador, com 11 acertos, e outro destaque do time vencedor ficou por conta de William Arjona, eleito o melhor da partida. O levantador do Sada Cruzeiro fez uma grande distribuição de bola e ajudou seu time a conseguir a vitória. Logo após o jogo, William fez questão de elogiar o levantador adversário desta série.

“Eu comecei a jogar vendo o Marcelinho jogar. Ele é um maestro. Aprendi muito e brinco, dizendo que graças a muito trabalho, estou conseguindo ganhar do meu tutor. Além de um grande jogador, é uma excelente pessoa”, disse William, que ainda falou sobre o desempenho do seu time na partida deste sábado.

“Ainda não foi o nosso melhor jogo. Podíamos aproveitar um pouco mais algumas bolas que treinamos. Mas foi uma boa partida. O time foi agressivo e tem que ser assim nessa fase do campeonato. Agora, a nossa responsabilidade aumenta. A cobrança é cada vez maior, mas o nosso time é experiente e está preparado. Espero fazer um bom jogo no sábado de novo”, comentou William Arjona, levantador do Sasda Cruzeiro.

Do outro lado, Marcelinho também fez questão de destacar as qualidades de William. “Apesar de ser mais velho, a minha admiração por ele é enorme. Admiro ele durante o jogo porque é um dos melhores do Brasil, se não for o melhor. Enfrentá-lo em uma semifinal é um orgulho muito grande”, afirmou Marcelinho, que segue confiante para o segundo confronto da série.

“Perdemos, e precisamos pensar no que aconteceu. Se não tivemos a preparação mental adequada, vamos tentar descobrir porque isso aconteceu. O Cruzeiro é uma equipe muito forte. Nem sempre o que preparamos, vai acontecer no jogo. Eles nos colocaram em enormes dificuldades e não conseguimos solucionar a tempo de virar. Agora temos uma semana para preparar novamente e, em casa, é um segundo jogo e vamos com tudo, querendo trazer a terceira partida para cá novamente”, concluiu Marcelinho.

Levantador do Sada Cruzeiro, William Arjona, recebe o troféu Viva Vôlei

Levantador do Sada Cruzeiro, William Arjona, recebe o troféu Viva Vôlei

O JOGO

O ponteiro Filipe abriu o placar do jogo a favor do Sada Cruzeiro. Com ampla vantagem, o time da casa ainda abriu 7/1. Contando com erros do Vivo/Minas, a equipe de Contagem seguiu na frente, com 10/4. Bem no bloqueio, o Cruzeiro não deu chances ao adversário e abriu 12 pontos de diferença em 17/5. Com grande propriedade, o Sada Cruzeiro venceu o primeiro set por 21/11.

O segundo set começou mais equilibrado, com o time cruzeirense vencendo por apenas um ponto: 6/5. A equipe da casa voltou a abrir boa vantagem no placar em 9/5. No ponto de bloqueio do ponteiro Maurício, o Vivo/Minas reduziu a diferença para 10/7. A vantagem do Sada Cruzeiro aumentou quando o placar apresentou 16/11. No bloqueio do central Henrique, o Vivo/Minas voltou a diminuir a diferença (16/13) e, no erro do adversário, a equipe visitante ainda fez 16/14. Mas o Sada Cruzeiro voltou a pontuar bem e fechou em 21/18.

O início do terceiro também foi bem disputado com a diferença no placar girando em torno de um ou dois pontos a favor do time da casa (7/5). Com o central Otávio, o Vivo/Minas deixou o placar com apenas um ponto de desvantagem: 8/7. Quando Filipe levou o time da casa a abrir três pontos (12/9), o Vivo/Minas pediu tempo. No ataque do cubano Leal, o Sada Cruzeiro fez 17/13 e se aproximou da vitória. No final, a equipe cruzeirense venceu por 21/16.

EQUIPES

SADA CRUZEIRO – William, Wallace, Isac, Éder, Filipe e Leal. Líbero – Serginho

Entraram – Vinhedo, PV

Técnico: Marcelo Mendez

VIVO/MINAS – Marcelinho, Filip, Otávio, Henrique, Maurício e Lucas Loh. Líbero – Lukinhas

Entraram – Raphael, Franco, Bjelica

Técnico: Ricardo Picinin

SUPERLIGA MASCULINA 13/14 – PRIMEIRA RODADA DA SEMIFINAL

22.03 (SÁBADO) – Sada Cruzeiro (MG) 3 x 0 Vivo/Minas (MG) (21/11, 21/18 e 21/16)
LOCAL/HORÁRIO: Riacho, em Contagem (MG), às 21h30
TEMPO DE JOGO: 1h14
TROFÉU VIVAVÔLEI: William (Sada Cruzeiro)
MAIOR PONTUADOR: Wallace (Sada Cruzeiro), com 11 pontos

25.03 (TERÇA-FEIRA) – Sesi-SP x Brasil Kirin (SP)
LOCAL/HORÁRIO: Vila Leopoldina, em São Paulo (SP), às 20h30

Texto e fotos enviados pela CBV

 

 

 


Voltar

Deixe uma resposta


Mais notícias



05 dez 2017

Tupi aparece em 46º lugar em ranking atualizado da CBF. Palmeiras e Cruzeiro empatados na liderança


01 dez 2017

Brasil pega Suíça, Costa Rica e Sérvia em primeira fase “cansativa” na Copa do Mundo. Veja tabela completa


20 out 2017

Partiu Rússia? Danilo Luiz, de Bicas, é novamente convocado para defender a seleção brasileira

Notícias


14 dez 2017

JF Vôlei recebe Corinthians-Guarulhos pela última rodada do turno. Veja panorama completo da Superliga


13 dez 2017

Confira o ranking atualizado da Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador


12 dez 2017

Sistema FIEMG inaugura Parque Aquático do SESI em Juiz de Fora


11 dez 2017

Henrique Furtado reforça Cruzeiro na Polônia e não dirige JF Vôlei contra Corinthians


+ notícias

Toque de Bola


O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.

Desenvolvimento




Acesse