24 mar 2013

Cruzeiro passa fácil pelo Sesi-SP. Cubano Leal é destaque



O Sada Cruzeiro (MG) jogou em casa, contou com o apoio da torcida e, no primeiro jogo da série melhor de três da semifinal da Superliga masculina de vôlei 12/13, levou a melhor sobre e Sesi-SP. Neste SÁBADO (23.03), no ginásio do Riacho, em Contagem (MG), o time mineiro venceu por 3 sets a 0 (25/20, 25/14 e 25/22), em 1h30 de partida.

O próximo confronto será no SÁBADO (30.03), às 10h, desta vez no ginásio Vila Leopoldina, casa do Sesi-SP. A partida terá transmissão ao vivo da TV Globo. Em caso de vitória do time paulistano, a série será decidida no dia 5 de abril, em Contagem, já que o Sada Cruzeiro teve melhor campanha na fase classificatória.

Nesta noite, o levantador do time mineiro, William Arjona, foi eleito o melhor da partida e recebeu o Troféu VivaVôlei. O jogador dedicou o prêmio a pessoas próximas. “Esse momento é difícil, sempre ficamos um pouco mais estressado e todos que me acompanham merecem esse troféu”, comentou William, que já pensa na próxima partida.

“Hoje o time mostrou um bom padrão de jogo e temos que demonstrar isso na casa deles também. Também temos força na casa do adversário. Vamos buscar a classificação em São Paulo, mas, se não der, voltamos para cá e fechamos diante da nossa torcida”, destacou o levantador do Sada Cruzeiro.

Outro destaque do time vitorioso ficou por conta do oposto Wallace, maior pontuador do jogo, com 16 acertos.

Pelo lado do Sesi-SP, o ponteiro Cléber ressaltou que o time paulistano não conseguiu colocar em jogo o melhor voleibol que pode apresentar. “A equipe deles jogou acima do que normalmente joga e está de parabéns. Mas a nossa partida foi muito abaixo na recepção e no ataque e isso acabou facilitando um pouco para eles”, comentou Cléber.

O jogador do Sesi-SP demonstrou confiança para a segunda partida da série. “Na nossa casa vai ser diferente. O nosso time é guerreiro, reverteu várias situações durante o campeonato e agora não vai ser diferente. Estamos acostumados com o nosso ginásio e lá vamos colocar pressão neles”, concluiu Cléber.

O JOGO

O jogo começou equilibrado, com as equipes trocando pontos, até que, no bloqueio do oposto Wallace, o Sada Cruzeiro conseguiu abrir dois sobre o Sesi-SP: 7/5. O set voltou a ficar equilibrado. Mas, no bloqueio do central Douglas Cordeiro, o time mineiro voltou a abrir vantagem em 15/11. O técnico do Sesi-SP, Giovane Gávio, pediu tempo e, na volta, Wallace pontuou mais uma vez: 16/11. A equipe da casa seguiu em vantagem. Com ponto de bloqueio, feito pelo central Éder, a equipe de São Paulo se aproximou no placar (20/18), e foi a vez do treinador do Sada Cruzeiro, Marcelo Mendez, parar o jogo. O time de Contagem voltou a pontuar e, com o ponteiro Filipe, fechou o set em 25/20.

A segunda parcial começou equilibrada. Com ponto direto de saque, Wallace colocou o Sada Cruzeiro na frente: 3/2. Os donos da casa colocaram três de vantagem (5/2) e, após parada do técnico Giovane, e em boa passagem do levantador Sandro no saque, o time visitante chegou ao empate em cinco pontos. No erro de saque do adversário, o Sada Cruzeiro voltou a abrir vantagem: 13/9. A diferença no placar passou a ser de seis pontos no segundo tempo técnico (16/10). Em grande passagem do cubano Leal no saque, o adversário teve problemas no passe e o time da casa fez 21/11. Sem dificuldades, o Sada Cruzeiro fechou em 25/14.

Mais uma vez o set teve um início equilibrado, mas com o Sada Cruzeiro no comando do placar (4/3). O oposto Lorena pontuou no saque e deixou tudo igual em cinco pontos. Forçando o saque, o time da casa reassumiu a liderança e fez 12/9. Em um set mais equilibrado, o central Eder pontuou e levou o Sesi-SP ao empate novamente: 15/15. O set seguiu bastante disputado e o time visitante passou a frente em 21/20. A reta final foi equilibrada, com as equipes novamente empatadas, desta vez em 22 pontos. Mas o Sada Cruzeiro aproveitou a presença da torcida, fechou em 25/22 e confirmou o favoritismo em casa.

EQUIPES

SADA CRUZEIRO – William, Wallace, Douglas Cordeiro, Rogério, Filipe e Leal. Líbero – Serginho

Técnico: Marcelo Mendez

SESI-SP – Sandro, Lorena, Aracaju, Éder, Murilo e Cléber. Líbero – Serginho

Entraram – Léozão, Everaldo, Ary, Tarcísio e Mão

Técnico: Giovane Gávio

SUPERLIGA MASCULINA 12/13 – PRIMEIRA RODADA DA SEMIFINAL

23.03 (SÁBADO) – RJX 3 x 2 Vivo/Minas (25/23, 21/25, 19/25, 25/22 e 15/13), em 2h36, no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro (RJ)

TROFÉU VIVAVÔLEI – Thiago Alves (RJX)

MAIOR PONTUADOR – Filip (Vivo/Minas), com 26 pontos

23.03 (SÁBADO) – Sada Cruzeiro 3 x 0 Sesi-SP (25/20, 25/14 e 25/22), em 1h30, no ginásio do Riacho, em Contagem (MG)

TROFÉU VIVÔLEI – William Arjona (Sada Cruzeiro)

MAIOR PONTUADOR – Wallace (Sada Cruzeiro), com 16 pontos

Leal, do Sada Cruzeiro, é o destaque da primeira rodada da semifinal

Cubano foi o melhor jogador após ter bom rendimento em quatro fundamentos: saque, recepção, defesa e ataque

Os quatro times, RJX (RJ), Sada Cruzeiro (MG), Sesi-SP e Vivo/Minas (MG), tiveram representantes na lista dos melhores jogadores da primeira rodada da semifinal da Superliga masculina de vôlei 12/13. O principal destaque foi para o cubano Leal, ponteiro do time cruzeirense, eleito o melhor da rodada após ter o segundo saque mais eficiente, a terceira recepção, a quarta defesa e o 10º melhor ataque.

O Sada Cruzeiro venceu o Sesi-SP por 3 sets a 0 e saiu em vantagem na série melhor de três jogos. O time mineiro ainda contou com boas atuações de outros jogadores para assegurar a vitória. O oposto Wallace teve o melhor ataque da rodada, o líbero Serginho foi o mais eficiente entre os atletas da sua posição e ainda teve a melhor defesa. E William Arjona foi o melhor levantador. O Sesi-SP teve a melhor recepção da rodada com o líbero Serginho.

A outra série apresentou maior equilíbrio e o RJX superou o Vivo/Minas apenas no tie break. O time carioca teve o central Riad como melhor bloqueio da rodada e a equipe mineira contou com boa performance do tcheco Filip, maior pontuador dos dois jogos, com 26 acertos, e, ainda com o bom desempenho do ponteiro Lucarelli, dono do melhor saque.

SUPERLIGA MASCULINA 12/13 – MELHORES DA PRIMEIRA RODADA DA SEMIFINAL

MELHOR JOGADOR – Leal (Sada Cruzeiro), 2º Saque, 3º Recepção, 4º Defesa e 10º Ataque

MAIOR PONTUADOR – Filip (Vivo/Minas), com 26 pontos

MELHORES

ATAQUE – Wallace (Sada Cruzeiro)

BLOQUEIO – Riad (RJX)

SAQUE – Lucarelli (Vivo/Minas)

DEFESA – Serginho (Sada Cruzeiro)

LEVANTAMENTO – William Arjona (Sada Cruzeiro)

RECEPÇÃO – Serginho (Sesi-SP)

LÍBERO – Serginho (Sada Cruzeiro)

Texto e informações: portal CBV

Foto: Renato Araújo – Divulgação Sada Cruzeiro


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


21 jan 2018
Virose no Carijó? Dirigente admite possibilidade, mas não quer usar como desculpa

19 jan 2018
Futebol do Baeta apresenta Comissão Técnica para Módulo 2 e admite que está atrasado

18 jan 2018
Próximo adversário do Tupi, Uberlândia perde em casa. Veja como começou o Estadual

18 jan 2018
Tem de 12 a 16 anos e quer jogar basquete? Sexta é dia de cesta! Olha esse convite da Faefid-UFJF

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse