09 jan 2013

Alexandre Campos no quadro da Fifa



A Comissão de Arbitragem da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou, neste início de ano, a lista da Fifa com os nomes de árbitros brasileiros que fazem parte do quadro da entidade internacional.  A relação conta com dois profissionais com carreiras ligadas a Juiz de Fora. No Futsal, Alexandre Campos é o representante local, enquanto no Futebol, Marcelo Carvalho Van Gasse aparece entre os selecionados como árbitros assistentes.

Leia também:
Futsal: árbitro de JF atua na abertura do Mundial Universitário, em Portugal

Campos inicia o terceiro ano integrando o quadro da Fifa, já que foi incluído na lista em 2011. Ele é o primeiro árbitro de Futsal de Minas Gerais na história a fazer parte da relação da entidade. Por tudo isso, não esconde a satisfação em ver, mais uma vez, seu nome incluído no quadro da Fifa.

“Posso dizer que é uma  satisfação muito grande chegar ao ápice da arbitragem mundial. Acho que todos os árbitros têm que acreditar que isso é possível. Era um sonho que sempre tive e consegui, com muito esforço, realizar. Claro que depois de ser nomeado como ‘Árbitro Fifa’, a responsabilidade aumenta muito, pois ficamos mais visados, a cobrança se torna maior. Inclusive, o teste físico torna-se mais difícil, havendo uma diferença em relação ao realizado pela CBFS [Confederação Brasileira de Futsal].

Alexandre Campos na abertura do Mundial Universitário em Braga, Portugal (Foto: Arquivo Toque de Bola)

Trabalho em dupla

Uma grande diferença na arbitragem do Futsal em relação à do Futebol é o fato de ser realizada em dupla, o que, segundo Campos, exige atenção especial dos profissionais envolvidos.

“O trabalho dentro de uma partida, para ser bem realizado, exige um bom planejamento. Por isso, é de suma importância que o árbitro se programe para chegar com antecedência no dia do jogo para, juntamente com os outros profissionais de arbitragem,  fazer o planejamento para que, durante toda a partida, haja apenas um critério e uniformidade nas marcações”, comenta.

Ainda de acordo com Campos, as regras do Futsal são elaboradas pela comissão de arbitragem da Fifa, que tem tentado, cada vez mais, dinamizar o jogo e priorizar o fair play dentro das competições.

Já no final da entrevista concedida ao Toque de Bola, Alexandre Campos comenta o seu sentimento em ser “Árbitro Fifa” e deixa uma mensagem para aqueles que ainda estão no início de carreira.

“Hoje, me sinto honrado em representar Minas Gerais e o Brasil nas competições internacionais. Em 2012, meu segundo ano no quadro Fifa de árbitros, estive em Braga, Portugal,  trabalhando no Campeonato Mundial Universitário , onde atuei, inclusive, na decisão de terceiro lugar ente Portugal x Tailândia. Deixo minha palavra para os árbitros que estão no começo da carreira para que lutem e sempre acreditem que possam chegar longe, se dediquem, escutem sempre os mais experientes, se preparem fisicamente e psicologicamente  e nunca deixem os elogios subirem muito à cabeça”, finaliza.

Texto: Thiago Stephan


Voltar

Uma Resposta to “Alexandre Campos no quadro da Fifa”

  1. carlos roberto stracke
    06/11/2013 às 8:27

    ola alexandre, parabens pelo seu sucesso,levou alguns puchoes de orela. mas voce mereceu, por sua competência e esforço, sinto saudades de quando atuamos juntos, que Deus te de muita luz, e a familia como vai, de noticias.
    mais uma vez PARABENS. Stracke

Deixe uma resposta

Notícias


22 fev 2018
Copa do Brasil tem jogo com nove gols no segundo tempo. Veja resultados

22 fev 2018
Veja como é a promoção carijó envolvendo ingresso de Tupi x Atlético

22 fev 2018
JF Vôlei abre 2 a 0 sobre vice-líder Sesc, mas sofre virada e perde uma posição

21 fev 2018
Tupi x Atlético em JF: ingressos, transporte, acesso, estacionamento

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.