04 abr 2012

Vasco muito perto das oitavas da Copa Libertadores



Juiz de Fora (MG), 4 de abril de 2012

O Vasco ficou muito perto da classificação para as oitavas de final da Copa Libertadores da América ao vencer o Alianza Lima (PER) por 2 a 1, nesta terça-feira, de 3 de março, no estádio Alejandro Villanueva, em Lima, no Peru. Ambos os gols do Bacalhau foram marcados pelo volante Fellipe Bastos. O segundo, uma pintura.

O resultado colocou o Cruz-Maltino na liderança do grupo 5, com 10 pontos. Além disso, a vitória pode carimbar a classificação com antecedência caso o Libertad (PAR) vença o Nacional (URU) nesta quinta-feira, 5 de março. A equipe de São Januário precisa de apenas um empate na última rodada para garantir a sua vaga à próxima fase.

O jogo

O Vasco não pôde contar com o Reizinho da Colina, Juninho Pernambucano, por causa de problemas médicos. Com isso, Felipe retornou ao time titular. Dedé, que era dúvida antes da partida, também entrou em campo formando a dupla de zaga com Renato Silva. Cristóvão Borges ainda optou pela entrada de Fellipe Bastos no lugar de Eduardo Costa.

O jogo começou com as duas equipes disputando a posse de bola no meio de campo, mas os erros de passes, influenciados pelo péssimo estado do gramado, prejudicavam o andamento da partida. Após o Alianza Lima chegar por duas oportunidades com chutes que passaram por cima da baliza vascaína, o Vascão levou perigo com Alecsandro. O atacante finalizou de longe, rasteiro, mas Libman conseguiu se esticar todo para fazer a defesa.

O Trem Bala dominava o adversário com a troca de passes, não deixando os peruanos tentarem atacar. Aos 17 minutos, Fellipe Bastos deu um belo drible no marcador e arriscou o arremate de longe. A bola desviou no marcador e subiu para cair no ângulo: 1 a 0 Vascão.

O Gigante da Colina continuou a se impor diante do Alianza Lima, encurralando-o no seu campo defensivo, porém sem levar perigo. Depois de cerca de dez minutos, os peruanos começaram a equilibrar o jogo. Após cobrança de falta, Ibãnez subiu mais alto e cabeceou na rede pelo lado de fora. Esse foi o último lance de perigo da etapa, que ficou bastante truncada com muitas faltas e erros dos dois times.

Vasco sofre pressão no final, mas segura a vitória

A partida melhorou no inicio do segundo tempo. Logo aos 2 minutos, Thiago Feltri fez boa jogada individual pela esquerda e cruzou na cabeça de Diego Souza, que finalizou firme para a defesa do goleiro peruano. O Vasco continuou com boas tramas ofensivas, mas os jogadores do Alianza Lima se fechavam muito bem na defesa, dificultando as investidas cruz-maltina.

As principais jogadas saiam pelos flancos, principalmente pelo direito com a velocidade do Eder Luis. O camisa 7 aplicou o drible da vaca no marcador e cruzou para Alecsandro, mas a zaga conseguiu salvar. Melhor em campo, Vascão criou duas ótimas oportunidades de ampliar a vantagem.

A primeira veio em cobrança de falta de Fellipe Bastos para dentro da área e Diego Souza cabeceou para uma grande defesa de Libman. Instantes depois, Eder Luis disparou mais uma vez pela direita e deixou Diego Souza na cara do gol, mas o jogador acabou desperdiçando a chance.

Aos 21 minutos, Dedé subiu mais alto e cabeceou a bola na trave. Era o Trem Bala da Colina pressionando pelo segundo tento. Ele veio com uma pintura de Fellipe Bastos. Após rolada açucarada de Eder Luis, o volante chutou forte de fora da área e acertou o ângulo peruano. Um golaço!

Para dar mais velocidade ao time e melhorar a marcação, Cristóvão Borges tirou Diego Souza para colocar Allan em campo. O Alianza Lima conseguiu diminuir o placar com Curiel após um erro defensivo do Cruz-Maltino.

Empolgados, os peruanos foram para cima do Gigante da Colina. Aos 36 minutos, Arroe dividiu no alto com Prass, deixando o braço no goleiro, mas juiz não marcou a falta. A bola sobrou para o adversário que chutou para o gol e Fagner salvou em cima da linha. O restante da partida continuou com os peruanos pressionando, mas o Vascão conseguiu suportá-la, garantindo os três pontos em Lima. Pouco antes do apito final, houve um princípio de confusão depois de Nilton ser expulso em entrada violenta e infantil que prejudicou o Vasco.

Próximo jogo

O Vascão agora irá enfrentar o Flamengo, neste sábado, 7 de março, no Engenhão, às 18h30, pela Taça Rio.

FICHA TÉCNICA

ALIANZA LIMA (PER) 1 X 2 VASCO

Local: Alejandro Villanueva, em Lima (PER)
Data-Hora: 3/4/2012 – 22h (de Brasília)
Árbitro: Saúl Laverni (ARG)
Auxiliares: Hernán Maidana (ARG) e Ernesto Uziga (ARG)
Cartões amarelos: Ramanal (ALI); Rômulo (VAS)
Cartôes vermelhos: Nilton (VAS)
Gols: Fellipe Bastos, 17’/1ºT (0-1); Fellipe Bastos, 25’/2ºT (0-2); Curiel, 31’/2ºT (1-2)

ALIANZA LIMA (PER): Libman. Carmona, Walter Ibáñez, Ascues e Corrales (Rabanal, 16’/1ºT); Hurtado (Curiel, 14’/2ºT), Quinteros, Jorge Bazán (Viza, 7’/2ºT) e Arroé; González e Fernández. Técnico: José Soto.

VASCO: Fernando Prass, Fagner, Dedé, Renato Silva e Thiago Feltri; Rômulo, Fellipe Bastos, Felipe (Nilton, 38’/2ºT) e Diego Souza (Allan, 26’/2ºT); Eder Luis e Alecsandro. Técnico: Cristovão Borges.

Texto: site oficial do Vasco


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


14 dez 2017
JF Vôlei recebe Corinthians-Guarulhos pela última rodada do turno. Veja panorama completo da Superliga

13 dez 2017
Confira o ranking atualizado da Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador

11 dez 2017
Copa Zico Verão Juiz de Fora: resultados e galeria de fotos

09 dez 2017
Copa Zico Verão Juiz de Fora é atração no Centro de Futebol Zico. Com novidades extra-campo!

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.