17 jul 2017

Aílton sai do chão na hora do gol e comemora a “melhor atuação da equipe”



Na foto exclusiva do Toque de Bola, treinador Aílton ferraz literalmente “sai do chão”, como se diz entre os torcedores, ao vibra rcom o gol de Ítalo

 Bem humorado, o treinador Ailton Ferraz entrou na sala onde ocorreu a coletiva de imprensa após a vitória do Tupi por 1 a 0 diante da Tombense, perguntando aos jornalistas se o time mereceu ganhar. Em seguida, ao ser questionado sobre qual fator teria sido determinante para o resultado, Aílton brincou. “O gol”, respondeu o comandante Carijó aos risos.

    Além da vitória, o time apresentou um bom futebol e agradou os torcedores que acordaram cedo para acompanhar o duelo. Além da torcida, o comandante Carijó também gostou do desempenho do time. “Acho que foi (a melhor atuação da equipe). O time jogou bem os dois tempos. Quem veio hoje ao estádio viu que o primeiro tempo era para sair ganhando, eles colocaram uma bola na trave, mas a gente também. Só que criamos muito mais. No segundo tempo também, com chances de finalizações da entrada da área. Fazemos um trabalho todos os dias usando esse setor tanto defendendo quanto atacando, e eles estão sabendo trabalhar essa bola, entrando por dentro. Então acho que foi a melhor partida”, ressaltou.

Confira outros trechos da entrevista.

Gol de Ítalo

O Ítalo é um jovem que vinha como titular, mas tirei ele para colocar o Romarinho centralizado, entrando com o Marcinho, e o time deu uma resposta boa. Fazemos um treinamento que se chama futebol apoiado, sempre tendo dois ou três dentro de um setor, e estamos conseguindo fazer essas trocas de passe. Sacrifiquei um pouco o Romarinho, que não é a dele ali, mas falei que cada um tem que se sacrificar pela instituição e por si próprio. O Ítalo entrou e hoje saiu exaltado com um excelente gol.

União no elenco

Estou muito feliz pela união do grupo. É um staff grande, onde ralamos muito todos os dias. É legal quando a gente vê uma equipe tocando bem a bola, tendo posse e agredindo no momento certo. E a vitória veio. O importante é isso, conseguimos fazer o gol, os atletas que entraram, foram bem. Era um grupo que ninguém acreditava, estamos conseguindo ganhar jogos importantes, e incomodar.

Descanso?

A gente descansa carregando tijolo. Não tem como relaxar. O dia de relaxar é hoje (domingo), falei para eles que quem quisesse dar uma saída, é hoje. A partir de segunda-feira já muda tudo. É um grupo que está muito parelho, só que agora conseguimos uma distância para os que estão atrás. Essa vitória foi muito boa, fizemos nosso papel em casa. A gente continua triste porque pecamos contra o Ypiranga, mas já passou, o importante é a gente somar lá.

Importância da torcida e confiança

Queria falar também sobre a torcida, que hoje gritou e isso sem dúvida é muito bom para os atletas dentro de campo. Para quem não sabe, nós temos uma equipe muito jovem, desacreditada, que estamos colocando que confiem neles. Não sou psicólogo, mas por estar há tanto tempo no futebol a gente conhece o que o cara está pensando, e todos os dias fazemos esse trabalho para que acreditem neles mesmos. O importante no futebol é a confiança que você passa para cada atleta.

Dois centroavantes e estreia de Juninho

Eu estou em casa e preciso ganhar. Pensei em colocar dois centralizados, porque vi que era a maneira de neutralizar os dois zagueiros. Como o Marrone não estava subindo muito se criou a possibilidade de colocar mais um, sabendo do potencial do Ítalo. O Juninho é lateral esquerdo, no treino colocamos ele de volante, extremo, e ele tem dado resposta. Você vai descobrindo novas funções. O Ítalo entrou com mais segurança e conseguiu fazer um gol que para carreira dele será muito importante.

FICHA TÉCNICA

Tupi 1 x 0 Tombense

Tupi: Paulo Henrique, Lucas, Fernando, Patrick e Bruno Santos, Marcel, Leandro Brasília e Diego Luís (Ítalo), Andrey, Romarinho (Flávio Carvalho) e Marcinho (Juninho). Técnico: Aílton Ferraz

Tombense: Darley, Marcelo (Marrone), Wellington Carvalho, Ednei e Dênis, Natan, Lucas Chapecó, Everton (Keke) e Maradona (Allan Dias), Welligton e Max. Treinador: Raul Cabral

Gols: Ítalo (42’ 2ºT), Tupi.

Cartões amarelos: Natan, Marrone, Keke e Allan Dias (Tombense).

Cartões vermelhos: Nenhum

10ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C 2017

Local: Estádio Mário Helênio (Juiz de Fora)

Data: 16/07/2017

Horário: 11h

Público: 500 pagantes, 962 presentes. Renda: R$ 10.500,00

Arbitragem: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ), auxiliado por Michael Correia (RJ) e Joao Luiz Coelho de Albuquerque (RJ).

 

Texto: Patrick Alves, estagiário do Toque de Bola, com supervisão de Ivan Elais, Toque de Bola

Foto: Toque de Bola


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


23 jul 2017
Veja os resultados da 70ª Corrida da Fogueira. Gilberto e Amanda em primeiro

23 jul 2017
Taça BH: Flamengo x Palmeiras e Atlético x São Paulo nas semifinais

23 jul 2017
São-joanense Marco Aurélio Ayupe é um dos ilustres “Descobridores” do Vasco

23 jul 2017
Sem vencer em casa desde a quinta rodada, Ypiranga entra pressionado contra o Tupi

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse