Portal Toque de Bola Referência de esportes na internet

Após acidente, Larissa afirma que “cirurgia correu bem”

Publicado por: Toque de Bola 10/03/2017 | 11:57
Atualizado em: 19:47

  A juiz-forana Larissa Martins de Oliveira, atleta que disputou os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, utilizou-se das redes sociais (página no facebook) na quinta-feira, 9, para agradecer ao seu clube, aos fãs e aos médicos do Hospital Albert Einstein, após o acidente que foi vítima na noite de quarta-feira, 9.

  Segue o texto publicado pela atleta:

“Ontem à noite passei por um procedimento cirúrgico devido um acidente que feriu minha perna, quando um tronco de eucalipto atingiu meu carro. A cirurgia ocorreu bem e eu sigo internada no hospital! Gostaria de agradecer pelas mensagens de força, Albertinho e Amem por ter ficado comigo até tudo se resolver, obrigada Dra. Karina Hatano, Carla di Pierro, Léo, Basseto, Carlinha e Igor pela visita , ao meu clube Pinheiros e principalmente aos médicos Dr. Ricardo Basile e Dr. Rodrigo Canto, toda a equipe aqui do hospital que está ajuda ajudando em minha recuperação e também a minha família! #iwillbeback

Lariissa postou essa foto junto com um texto de agradecimento, em sua página no facebook

 

   Mais informações

  De acordo com a assessoria do Pinheiros, clube de Larissa, ela estava dirigindo na Marginal Pinheiros a caminho da faculdade de Educação Física quando caiu um galho de árvore sobre o carro, e o galho atingiu de raspão a coxa esquerda. Mas a perfuração maior foi na coxa direita. Como o trânsito estava lento, Larissa não conseguiu desviar o veículo. A nadadora, natural de Juiz de Fora, teve de se submeter a cirurgia ainda de madrugada e passa bem. Os ferimentos não envolveram vasos, artérias ou ossos.

   Às 17h30 desta quinta-feira, o hospital na qual ela está internada divulgou um boletim médico. Segundo o documento, a paciente segue internada para tratamento clínico e o seu estado geral é bom.

A atual medalhista de prata com o Brasil no revezamento 4x50m medley misto do Mundial de piscina curta de Windsor deve ficar fora das piscinas por 60 dias. Segundo a mãe da atleta, Larissa só está frustrada mesmo porque vai perder o Troféu Maria Lenk, no começo de maio. A família ainda resolverá com o médico se ela precisará passar o período de recuperação em São Paulo ou se poderá ir para Juiz de Fora.

Acesse aqui a primeira entrevista concedida pela atleta após sua participação nas Olímpíadas (Portal Toque de Bola)

Texto: Toque de Bola, com informações do globo.com e redes sociais

Foto: Divulgação – Larissa



Nenhum jogador em campo

0 0 0 0 0

O seu e-mail não será repassado a terceiros e nem publicado!

TAGS HTML permitidas: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>