30 set 2016

Em noite de final da novela, Tupi repete filme e perde para o Luverdense com gol no epílogo



Parece matéria repetida, mas não é. Na mesma noite em que a TV Globo exibia o último capítulo da novela das nove, “Velho Chico”, o Tupi colocou em cartaz um filme repetido, que o torcedor tem se irritado em assistir praticamente desde o início da tão sonhada participação na Série B do Campeonato Brasileiro.

O Carijó voltou a sofrer com os gols nos minutos finais. Desta vez, o Luverdense foi quem saiu comemorando vitória após gol aos 44 minutos do segundo tempo. Com  2 a 1 no placar, o Galo se complica na luta contra o rebaixamento e já acumula seis rodadas sem vitória na Série B do Campeonato Brasileiro. O Verdão do Mato Grosso chegou aos 39 pontos e ainda sonha com uma vaga no G4.

Estagnado na 18ª posição, com 26 pontos, o Tupi enfrenta o Criciúma na próxima rodada. O duelo será na terça-feira, 4, às 19h15, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio. Já o Luverdense recebe o Paraná, também na terça-feira, 4, às 21h30, em Lucas do Rio Verde.

Outro “desperdício”

Como já ocorreu em diversas outras rodadas da competição, o Tupi não aproveitou resultados negativos dos adversários diretos na luta contra o rebaixamento. Só o Joinville pontuou, ao empatar com o Atlético-GO na terça-feira. Bragantino e Oeste foram derrotados na sequência da rodada, neste sábado (veja abaixo um resumo de cada partida).

Assim, o Carijó segue a cinco pontos do primeiro time fora da zona de rebaixamento, o Oeste – 26 contra 31. A 28ª rodada teve um jogo adiado para 25 de outubro, entre Sampaio Corrêa e Vila Nova-GO, cujo resultado não interfere diretamente, considerando a pontuação atual, na situação do alvinegro juiz-forano.

Os seis últimos colocados da competição, neste domingo, 2, são:

15) Paraná: 33 pontos e 8 vitórias

16) Oeste: 31 pontos e 7 vitórias

17) Bragantino: 27 pontos e 7 vitórias

18) Tupi: 26 pontos e 6 vitórias

19) Joinville: 25 pontos e 5 vitórias

20) Sampaio: 21 pontos e 4 vitórias (um jogo a menos)

Obs: o número de vitórias é o primeiro critério de desempate

Confira, abaixo, a classificação da Série B (fonte: site da CBF em 2/10):

classificacao-campeonato-brasileiro-serie-b

 

Luverdense x Tupi: depois de um início de jogo com atuação muito ruim, Carijó empata e sobe de produção no segundo tempo, mas volta a "entregar o ouro" no final, irritando cada vez mais a torcida

Luverdense x Tupi: depois de um início de jogo com atuação muito ruim, Carijó empata e sobe de produção no segundo tempo, mas volta a “entregar o ouro” no final, irritando cada vez mais a torcida

Domínio mato-grossense

A torcida do Tupi sabia que jogar contra o Luverdense fora de casa não seria fácil e os primeiros minutos mostraram o porquê. O time da casa começou a partida com muita intensidade no ataque e pressionou o Galo durante todo o primeiro tempo. Logo aos seis minutos, Paulinho recuperou bola de Octávio e passou para Hugo, que jogou para dentro da área e a bola quase enganou o goleiro Rafael Santos. Depois disso, o que estava difícil ficou mais complicado. O zagueiro Gabriel Santos sentiu dores na parte posterior da coxa e precisou ser substituído por Rodolfo Mol com menos de dez minutos de jogo.

O tempo passou e o time do Tupi não se encontrou. A equipe da casa sentia-se à vontade em campo e desperdiçou várias chances com Hugo e Sérgio Mota. Aos 25 minutos a bola finalmente entrou. Raul Prata cruzou na segunda trave, Rafael Silva chegou finalizando de primeira e marcou um bonito gol no Estádio Passo das Emas. Mesmo com o placar favorável, a pressão ainda era do Verdão. Quando menos se esperava, os juiz-foranos conseguiram o improvável. Aos 33 minutos, Luiz Otávio se atrapalhou com a bola e perdeu para Luiz Paulo. O jogador do Tupi ficou cara a cara com Diogo Silva e mandou para o fundo das redes.

Com o gol de empate o Carijó teve mais tranquilidade, mas não conseguiu reagir. O Luverdense seguiu melhor postado em campo e ainda teve um gol anulado pela arbitragem. Após escanteio cobrado, Alfredo colocou na grande área e Luiz Otávio desviou para o gol, mas a arbitragem marcou irregularidade no lance. As equipes foram para o intervalo com o placar em 1 a 1.

Filme repetido

Mesmo sem modificações, as equipes voltaram para o segundo tempo com postura diferente. O time da casa não manteve a intensa pressão da primeira etapa e o Tupi conseguiu equilibrar a partida. Tanto o Galo quanto o Verdão criaram algumas oportunidades no decorrer da etapa complementar. A melhor chance dos mineiros veio aos 43 minutos, quando após cobrança de escanteio, Rodolfo Mol cabeceou no travessão, mas o árbitro marcou falta do zagueiro. Na sequência do lance, o goleiro Diogo Silva chutou para frente e a bola sobrou para Hugo, que entrou na área e marcou o gol da vitória aos 44 minutos do segundo tempo.

FICHA TÉCNICA

LUVERDENSE  2 X 1 TUPI

TUPI: Rafael Santos; Douglas, Gabriel Santos (Rodolfo Mol), Thiago Sales, Luiz Paulo; Renan Teixeira, Bruno Costa, Marcos Serrato, Octávio (Yago), Hiroshi (Yago); Giancarlo; Técnico: Ricardinho

LUVERDENSE: Diogo Silva; Raul Prata, Luiz Otávio, Gabriel Valongo, Paulinho; Moacir (Diogo Sondré), Ricardo, Rafael Silva (Douglas Baggio); Hugo, Alfredo (Tozin), Sérgio Mota; Técnico: Júnior Rocha

ARBITRAGEM: Luiz Cláudio Sobral (PE). Auxiliares: Fabrício Leite Sales (PE) e Fernando Antônio da Silva Junior (PE).

GOL: Rafael Silva (LEC), aos 25 do primeiro tempo; Luiz Paulo (TUP), aos 33 do primeiro tempo e Hugo (LEC), aos 44 do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS: Paulinho (LEC); Bruno Costa e Douglas (TUP);

PÚBLICO PRESENTE: 1.196

RENDA: R$ 8.160,00

LOCAL: Estádio Passo das Emas – Lucas do Rio Verde (MT);

Veja mais fotos do jogo:
img_8504

img_8503

img_8548

 

Outros jogos

A 28ª rodada da Série B foi aberta na terça-feira, com duas partidas: Atlético-GO 1 x 1 Joinville e Brasil-RS 2 x 1 Ceará. Na quinta-feira, em jogo isolado, o Goiás, em casa, goleou o Paraná por 4 a 0. Confira, abaixo, com informações do site da CBF, como foram os outros jogos, de sexta-feira e sábado.

Sexta: Bahia 2 x 0 Criciúma

No confronto direto pelo G-4 da Série B, o Bahia levou a melhor para cima do Criciúma nesta sexta-feira, 30. Em jogo válido pela 28ª rodada, o Tricolor venceu o Tigre por 2 a 0 na Arena Fonte Nova, em Salvador, e, com 43 pontos.

Bahia venceu com dois gols na etapa final

Bahia venceu com dois gols na etapa final

O jogo começou com o Bahia dominando as ações. Apesar da superioridade durante praticamente todo o primeiro tempo, o Tricolor pecou nas finalizações e as equipes foram para o vestiário zeradas. Na chance mais clara de gol, aos 32 minutos, Juninho pegou a sobra da zaga e, dentro da área, acabou finalizando por cima do gol catarinense. Apostando nos contra-ataques, o Criciúma assustou com Douglas Moreira, aos 20.

O panorama se manteve no segundo tempo e o Bahia voltou do intervalo pressionando o Tigre. Em cinco minutos de bola rolando, Luiz Antônio e Alano ameaçaram o gol catarinense, mas não conseguiram vazar o goleiro Luiz. Aos 15 foi a vez do Criciúma levar perigo ao gol de Muriel, mas Caique Valdívia desperdiçou a chance de abrir o placar. Premiado pela insistência, o Bahia chegou ao gol, aos 29 minutos, com Victor Rangel. Atacante, que acabara de entrar, aproveitou passe de Régis e não perdoou. Após o Criciúma quase empatar com Hélio Paraíba, o Tricolor matou o jogo com Luiz Antônio. Em contra-ataque, o meia decretou a vitória por 2 a 0.

 

Avaí também fez o dever de casa na noite de sexta-feira

Avaí também fez o dever de casa na noite de sexta-feira

Sexta: Avaí 2 x 0 Paysandu

Entrando em campo às 21h30 desta sexta-feira, 30, pressionado pela vitória do Bahia, que havia assumido a quarta posição, o Avaí respondeu imediatamente e reassumiu seu lugar entre os quatro primeiros colocados da Série B. Em duelo válido pela 28ª rodada, o Leão catarinense bateu o Paysandu por 2 a 0 na Ressacada, em Florianópolis, e alcançou o terceiro lugar, com 45 pontos, ultrapassando o Brasil de Pelotas e o Tricolor baiano. O time paraense, por sua vez, segue com 35 pontos.

Apesar do bom início, o Paysandu não conseguiu segurar o Avaí na Ressacada. Mortal nas bolas paradas, o Leão construiu a vitória ainda na primeira etapa. Aos 24 minutos, Marquinhos abriu o placar em cobrança de pênalti. Aos 44, Renato aproveitou cobrança de falta do camisa 10 e, de cabeça, desviou para o fundo das redes.

No segundo tempo, o Avaí segurou as investidas do Paysandu e segurou a vantagem até o fim. Sem conseguir furar a zaga adversária, o Papão não conseguiu evitar a derrota e, em 14ª lugar, viu a zona de rebaixamento se aproximar. Com a vitória, o Avaí chegou ao oitavo jogo invicto na Série B e segue firme na luta pelo acesso.

Em casa, Náutico derrotou o Vasco por 3 a 1 na tarde de sábado

Em casa, Náutico derrotou o Vasco por 3 a 1 na tarde de sábado

Sábado à tarde: dois jogos

Pela 28ª rodada da Série B, neste sábado (1), o Náutico conquistou uma importante vitória que o recoloca na briga pelo G-4. Na Arena Pernambuco, o Timbu bateu o líder vasco por 3 a 1 e ficou a dois pontos do Brasil de Pelotas, quarto colocado. Em Bragança Paulista (SP), o CRB venceu o Bragantino por 2 a 1 e continua brigando pelo acesso.

Bragantino 1 x 2 CRB

No Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP), o CRB contou com a grande atuação do goleiro Juliano para segurar a vantagem e arrancar a vitória por 2 a 1 em cima do Bragantino. Os gols da partida saíram ainda na primeira etapa. Aos 32 minutos, Watson colocou os mandantes em vantagem. Mostrando poder de reação, o time alagoano empatou, aos 35, com Matheus Galdezani e, no minuto seguinte, virou com Marcos Martins. Na segunda etapa brilhou a estrela do goleiro Juliano e os visitantes confirmaram a vitória. Com o resultado, o CRB chega a 43 pontos. Já o Bragantino amargou a quarta derrota e segue na zona de rebaixamento, em 17º lugar com 27 pontos.

Náutico 3 x 1 Vasco

Empurrado pela torcida na Arena Pernambuco, o Náutico superou o líder Vasco por 3 a 1. Pressionando desde o início, o Timbu abriu o placar aos 24 minutos com Rony. No segundo gol, aos 2 minutos do segundo tempo, o atacante serviu Bergson que empurrou para o fundo das redes e ampliou a vantagem, 2 a 0. O Vasco ainda descontou com Madson, aos 38 minutos, mas Rony apareceu novamente, aos 47, e sacramentou a vitória do Timbu por 3 a 1. Com o resultado, o Náutico alcançou a terceira vitória consecutiva. Já os cariocas continuam na liderança com 51 pontos, dois a mais que o Atlético-GO.

Sábado à noite: Londrina 3 x 0 Oeste

O Londrina retomou o quarto lugar da Série B na noite de sábado, ao vencer o Oeste por 3 a 0. Após ver o Brasil de Pelotas assumir a posição de forma provisória na terça-feira (27), o Tubarão respondeu de forma rápida e voltou ao G-4. Com 45 pontos, o time paranaense tem a mesma pontuação do Avaí, terceiro colocado. Com 31, o Oeste segue na beira da zona de rebaixamento, na 16ª colocação.

Dominante dentro de casa, o Londrina se mostrou superior durante praticamente toda a primeira etapa. Superior ao adversário, o Tubarão abriu o placar aos 32 minutos com Lucas Ramon. O lateral arriscou uma bomba de fora da área e teve sucesso, 1 a 0. Os donos da casa quase marcaram o segundo, aos 44 minutos, mas, após Jô tentar o cruzamento, Felipe Alves evitou o gol de cobertura, mandando a bola para escanteio.

No segundo tempo, o Oeste por pouco não empatou a partida. Aos 14 minutos, Ricardo Bueno recebeu na cara do gol e finalizou de primeira, mas Marcelo Rangel tirou em cima da linha. Com a expulsão de Maurício, aos 24 minutos, a missão do time paulista ficou ainda mais difícil. Se aproveitando da vantagem numérica, o time paranaense foi para cima e definiu a partida com dois gols de Germano, fechando o marcador em 3 a 0.

Confira, abaixo, arte com resultados da 28ª rodada:

28a-rodada_tupi-campeonato-brasileiro-serie-b-instagram

 

Confira, abaixo, arte com tabela da 29ª rodada:

29a-rodada_tupi-campeonato-brasileiro-serie-b-instagram-copia-2

 

Texto: Cérix Ramon, Toque de Bola, com supervisão de Ivan Elias, Toque de Bola, com textos e informações sobre outros jogos da rodada do site da CBF

Fotos: Diogo Carvalho/Federação Matogrossense de Futebol, Felipe Oliveira – Bahia, Jaime Furlani  – Avaí e Carlos Gregório Jr, – Vasco

Arte: Toque de Bola

O Toque de Bola é administrado pela www.mistoquentecomunicacao.com.br


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


24 abr 2017
Fora do páreo no hexagonal, Tupynambás visita a Federação Mineira

19 abr 2017
Lúdyo pede equilíbrio ao Baeta e quer jogadores que entendam melhor o Módulo 2

19 abr 2017
Em seu pior momento na competição, Baeta recebe o Boa. Confira os números do hexagonal

18 abr 2017
Copa do Brasil Sub-20: começa a segunda fase

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse