19 abr 2016

Dirigente tricolor comemora “fico” de Fred e anuncia planos da Liga para próxima temporada



Assessor especial do presidente Peter Siemsen, Marcelo Penha, que durante muitos anos respondeu mais diretamente pelo futebol tricolor, foi uma das muitas pessoas no clube carioca a conversar com o atacante Fred no período em que ele treinava separado do grupo, por divergências com o treinador Levir Culpi. Foi exatamente quando o dirigente chegava a Juiz de Fora para participar, na quinta-feira, 14, da reunião do “plano de jogo”  entre Fluminense e Atlético Paranaense, marcado para esta quarta-feira, 20, a final da chamada Primeira Liga, que a imprensa carioca e o clube anunciaram que o artilheiro havia se acertado, após reunião com o presidente, o diretor de futebol Jorge Macedo e o próprio treinador.

A reunião, em que autoridades e dirigentes do clube mandante acertaram detalhes do partida, teve cobertura e participação do Portal Toque de Bola, que aproveitou para saber de Penha sobre Fred, o balanço e as perspectivas da competição que será decidida em Juiz de Fora e o fato de a cidade sediar um jogo considerado importante, por tudo que se pretende desde a criação da Liga, que recebeu forte enfrentamento de algumas federações, principalmente a do Rio de Janeiro. A entidade tratava as partidas da Liga como amistosas e somente com a pressão dos clubes acabou cedendo e, pelo menos publicamente, não tem se manifestado sobre o tema com a mesma veemência anterior. quando o tom era de ameaça até aos árbitros escalados.

 

Da esquerda para a direita: Marcelo Penha (assessor especial da presidência do Fluminense), João Márcio Coelho Jr (Gerente de Marketing do Flu) e Michael Guedes (Secretário de Esporte e Lazer de Juiz de Fora)

Da esquerda para a direita: Marcelo Penha (assessor especial da presidência do Fluminense), João Márcio Coelho Jr (Gerente de Marketing do Flu) e Michael Guedes (Secretário de Esporte e Lazer de Juiz de Fora)

 

Toque de Bola: como avalia a permanência do Fred?

Marcelo Penha: Tirou um peso das nossas costas. Quando saímos do Rio, o presidente estava em uma reunião para fazer uma reconciliação e para esclarecer o mal entendido entre a comissão técnica e o Fred. Ocorreram boatos de clubes interessados como Atlético e São Paulo, então a pressão vinha aumentando. O Fred é um grande ídolo, graças a Deus teve um desfecho positivo e foi um grande presente para a torcida do Fluminense.

Toque de Bola: Fred  na torcida em JF?

Marcelo Penha: O Fred está suspenso e não pode participar do jogo, estar no vestiário e tal. Mas quem sabe ele não pode vir a festa? Ele pode vir ao estádio como torcedor. Tenho certeza que ele estará presente para apoiar o grupo. Ele é muito ligado ao grupo, é o nosso líder, o nosso capitão já a sete anos. Acho que a torcida virá em peso apoiar, mas não deixo de pedir que o torcedor tricolor, tanto de Juiz de Fora quanto das cidades próximas venha apoiar a equipe, fazer uma festa bonita e agradecer Juiz de Fora por sempre nos receber de braços abertos.

Toque de Bola: quais o balanço e a projeção da Liga?

Marcelo Penha: Esse ano foi um ano de muita disputa política, briga. Nós queríamos mostrar o potencial que tem esse campeonato. No começo do ano, principalmente no primeiro semestre, os clube que integram a Primeira Liga, precisam diversificar as nossas arrecadações. O campeonato de São Paulo tem uma dimensão muito grande em arrecadação e a disparidade com os outros estados é muito grande. A Primeira Liga vem para tornar o calendário mais racional. Não para desqualificar os Estaduais, longe disso, só fazendo competições paralelas, assim como a Copa do Nordeste, e fortalecer as rivalidades regionais. Com todos os percalços, a competição está acabando de uma forma ordeira, todos os jogos ocorreram no horário certo, respeitando o torcedor. Dentro de campo foi um bom desempenho técnico apresentado. A final será na quarta-feira, e já na segunda-feira, 25, temos uma reunião da assembleia geral no Rio de Janeiro, na festa de encerramento da Liga, já para planejar o ano que vem. Uma competição maior, divulgação maior na TV aberta também, para se firmar como uma competição oficial do calendário brasileiro.

 

Texto, fotos e edição: Toque de Bola

O Toque de Bola é administrado pela www.mistoquentecomunicacao.com.br


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


19 set 2017
Com vídeo! Evaldo anula Éder, domina, toca para os companheiros e emenda: “Tupi tem totais condições de reverter”

18 set 2017
Emoção marca abertura da Semana Paralímpica em Juiz de Fora

18 set 2017
Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador: resultados e próximos jogos

16 set 2017
Diretoria do Tupi estuda manter preços promocionais para o jogo de volta

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.