09 mar 2016

JF Vôlei recebe o forte Sada Cruzeiro nesta quarta às 20h. Toque transmite



Na noite desta quarta-feira, o Juiz de Fora Vôlei encerra sua participação na fase classificatória da Superliga 2015/16 recebendo o líder e atual campeão Sada Cruzeiro, às 20h, no ginásio da UFJF.

 

  Transmissão

Com apoio de Hiperroll, Plasc, Só Led e Programa Sócio-torcedor do JF Vôlei, a web rádio do Toque de Bola anuncia transmissão dinâmica e informativa, ao vivo, direto do ginásio da UFJF, de JF Vôlei x Sada Cruzeiro, a partir das 19h30 desta quarta-feira, 9.

Para ouvir, acesse este link de seu computador ou dispositivo móvel (www.toquedebola.esp.br/radio)

Acompanhe também pelo Facebook (https://www.facebook.com/toquedebola/)

Twitter (https://twitter.com/toquedebolajf)

e Instagram (https://www.instagram.com/toquedebolajf/)

JFVOLEI X SADA CRUZEIRO_ARTE DESTACADA

 

À espera de definições sobre datas e local da Seletiva, que definirá a participação do time na elite do voleibol brasileiro na próxima temporada, o Juiz de Fora Vôlei encara a partida contra a Raposa como oportunidade para adquirir mais ritmo de jogo e manter um bom nível de desempenho durante todos os sets. Além disso, o treinador Alessandro Fadul espera que o laço entre os jogadores fique ainda mais forte: “Vamos precisar de todos os jogadores em suas melhores condições na Seletiva, pois, com certeza, serão partidas muito duras. Não podemos deixar de aproveitar um jogo desses, contra um time muito forte e diante do nosso torcedor, para melhorarmos enquanto grupo”.

  Ingressos

Os ingressos para o jogo desta quarta já estão à venda, nos seguintes locais:

Subway – Av. Pres. Costa e Silva, 1647 – São Pedro –

Renavi Sports – Rua Batista de Oliveira, 346 – Centro

All Pé – Rua São João, 319 – Centro

Comprando antecipadamente, todos os torcedores pagam o valor de meia-entrada – R$10,00. A promoção é válida até que o lote destinado à venda antecipada se esgote. Na bilheteria do ginásio, que abre uma hora antes do jogo, os ingressos serão vendidos pelos valores regulares: R$10,00 (meia) e R$20,00 (inteira).

 

  Sócio-torcedor

Sócio-torcedor tem entrada franca! Conheça as modalidades e os benefícios e faça a sua adesão pelo http://jfvolei.com.br/socio.

 

JF Vôlei encara equipe mais forte da competição já com olhos voltados para a seletiva

JF Vôlei encara equipe mais forte da competição já com olhos voltados para a seletiva

Avaliação

Após a 19ª derrota na Superliga Masculina, na tarde de sábado, 5, para a equipe do Vôlei Brasil Kirin por 3 sets a 1, Zóio avaliou: “Já tinha entrado em outros jogos e ajudo no fundo de quadra, gosto muito de vibrar também e acho que naquele momento o time precisava, porque estava meio apagado. Aí todo mundo começa a vibrar junto e parece que tudo flui. Eles entraram com um saque forte e um bloqueio bem marcado contra nós, aí vieram as dificuldades, mas conseguimos no fim jogar de igual para igual com eles”.

   Já o treinador Alessandro Fadul analisou os detalhes de cada parcial: “Fizemos um primeiro set equilibrado mesmo com a quantidade de erros de saque. No segundo tentamos inverter os ponteiros Renato e Zóio e acabou que em uma de nossas passagens tomamos uma sequência de sete pontos e não conseguimos voltar mais. No terceiro set a equipe oscilou e no saque flutuante do Gonzalez tivemos dificuldades em rodar a bola, e mais uma vez não voltamos para o set. No quarto criamos mais dificuldades para eles, diminuímos nossos erros, mas desperdiçamos contra-ataques, colocando eles no jogo e deixamos escapar a vitória”.

Para o treinador do Vôlei Brasil Kirin, Stanzioni, “cada passo que temos que dar é um degrau para o nosso objetivo. Não interessa onde está o adversário na classificação, a motivação parte do fato de que temos que conquistar o nosso objetivo. As vezes o time não anda como a gente pensa, estávamos ganhando bem, mas acabamos perdendo o primeiro set. O desentendimento com o Wallace foi justamente por isso, todo mundo quer ganhar, então foi uma briga positiva, porque tudo deu certo e conseguimos a vitória. Nosso objetivo é manter o terceiro lugar para poder mandar os jogos em casa nos playoffs e conseguir fazer uma boa campanha na próxima fase”.

Já para Lucas Lóh, “o Juiz de Fora entrou solto no jogo, sem responsabilidade, e nós precisando do resultado pelos pontos importantes da tabela. Esse jogo mostrou a força do nosso grupo. No segundo set mudou o time todo e conseguimos reverter o resultado, mesmo com as dificuldades impostas pelo Juiz de Fora”.

   Sada Cruzeiro venceu 18 de 21 jogos

Depois de construir a melhor campanha da fase classificatória da Superliga 2015/16, o Sada Cruzeiro chega com tranquilidade à última rodada. O líder soma 54 pontos na classificação geral, com 18 vitórias em 21 jogos. E já pensando nas quartas de final, o técnico Marcelo Mendez deve poupar alguns jogadores neste confronto que fecha o returno. O elenco celeste teve uma temporada pesada, com um total de seis competições, somando a Superliga. Mas os resultados não poderiam ser melhores até agora, com cinco títulos conquistados e a entrada nos playoffs em primeiro lugar.

“Nosso grupo está de parabéns pelo que tem feito até agora. Cumprimos bem nosso objetivo, que era chegar aos playoffs na liderança. E por isso devemos ter um time misto nesta partida contra o Juiz de Fora, pois queremos descansar parte do grupo e dar rodagem a alguns atletas, já pensando na preparação para a próxima fase. Mas vamos firmes em busca de mais um resultado positivo neste jogo no interior”, afirmou o treinador Marcelo Mendez.

As partidas desta quarta-feira ainda vão definir os confrontos dos playoffs da Superliga. Na próxima fase do Brasileiro, os oito primeiros colocados se enfrentam em cruzamento olímpico, ou seja, 1° x 8°, 2° x 7°, 3° x 6° e 4° x 5°, em uma série melhor de três jogos.

Já a seletiva irá reunir os dois últimos colocados da Superliga A e duas equipes da Superliga B (a princípio, segundo e terceiro lugares, mas pode haver outra equipe caso a equipe de base do Sesi-SP avance – o Sesi-SP que disputa a Superliga B não subiria, mesmo sendo campeã, pelo fato de o Sesi já ter uma equipe na Superliga A. A base do Cruzeiro desta vez não chegou às semifinais da Superliga B)

DÉCIMA PRIMEIRA RODADA DO RETURNO

08.03 (QUARTA-FEIRA) – Bento Vôlei/Isabela (RS) x Voleisul/Paquetá Esportes (RS), às 20h, no ginásio Municipal, em Bento Gonçalves (RS)
08.03 (QUARTA-FEIRA) – Lebes/Gedore/Canoas (RS) x Copel Telecom Maringá Vôlei (PR), às 20h, no La Salle, em Canoas (RS)
08.03 (QUARTA-FEIRA) – Montes Claros Vôlei (MG) x Minas Tênis Clube (MG), às 20h, no Tancredo Neves, em Montes Claros (MG)
08.03 (QUARTA-FEIRA) – Vôlei Brasil Kirin (SP) x Sesi-SP, às 20h, no ginásio do Taquaral, em Campinas (SP)
08.03 (QUARTA-FEIRA) – JF Vôlei (MG) x Sada Cruzeiro (MG), às 20h, no ginásio da UFJF, em Juíz de Fora (MG)
08.03 (QUARTA-FEIRA) – São José Vôlei (SP) x Funvic/Taubaté (SP), às 20h, no Tênis Clube, em São José dos Campos (SP)

 

Classificação (se preferir, clique para ampliar) 

Sem título

Resultados da 10ª rodada do returno (se preferir, clique para ampliar)

Sem título

 

Superliga B

A primeira rodada das semifinais da Superliga B masculina 2016 foi favorável aos times que jogaram em casa. No sábado, 5, Botafogo (RJ) e Sesi-SP entraram em quadra diante de suas torcidas e deram um passo importante na briga por uma vaga na grande final da competição.

O alvinegro carioca bateu o M V Selmer/Caramuru/Castro (PR) por 3 sets a 0 (25/22, 25/19 e 25/22), em 1h30 de confronto no Oscar Zelaya, no Rio de Janeiro (RJ). O próximo encontro entre as duas equipes será no sábado, 12, às 20h15, no Padre José Pagnacco, em Castro (PR).

No duelo paulista da outra chave o Sesi-SP precisou de cinco sets para derrotar o São Bernardo Vôlei (SP) (25/18, 21/25, 17/25, 25/20 e 15/7), em 1h57 de jogo na Vila Leopoldina, em São Paulo (SP). A segunda partida ocorre também no sábado, 12, mas desta vez o palco será o Adib Moysés Dib, em São Bernardo do Campo (SP), às 16h.

M V Selmer/Caramuru/Castro e São Bernardo Vôlei têm a vantagem de, caso necessário, fazer o terceiro jogo da série em casa. A grande final está marcada para o dia 19 de março na casa da equipe de melhor campanha entre os envolvidos. Pelo regulamento da competição, caso o Sesi-SP chegue à decisão a vaga para a elite do voleibol fica, automaticamente, para o outro finalista.

Para decidir quem fica com a outra vaga ocorrerá uma Seletiva que envolverá os dois piores colocados na Superliga, com outras duas equipes entre Botafogo, Caramuru e São Bernardo, já que o Sesi não pode subir de divisão.

SUPERLIGA B MASCULINA

SEMIFINAIS – RODADA 1

05.03 (SÁBADO) Botafogo (RJ) 3×0 M V Selmer/Caramuru/Castro (PR), no Oscar Zelaya, no Rio de Janeiro (RJ) (25/22, 25/19 e 25/22)

05.03 (SÁBADO) Sesi-SP 3×2 São Bernardo Vôlei (SP), na Vila Leopoldina, em São Paulo (SP) (25/18, 21/25, 17/25, 25/20 e 15/7)

 

 

Texto: Toque de Bola, com informações das assessorias das equipes e do site da Confederação Brasileira de Voleibol

Fotos: Toque de Bola

O Toque de Bola é administrado pela www.mistoquentecomunicacao.com.br

 


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


19 set 2017
Com vídeo! Evaldo anula Éder, domina, toca para os companheiros e emenda: “Tupi tem totais condições de reverter”

18 set 2017
Emoção marca abertura da Semana Paralímpica em Juiz de Fora

18 set 2017
Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador: resultados e próximos jogos

16 set 2017
Diretoria do Tupi estuda manter preços promocionais para o jogo de volta

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.