10 dez 2014

Campeão brasileiro pelo Tupi em 2011, Drubscky deixa o Goiás



O treinador Ricardo Drubscky, campeão brasileiro da Série D pelo Tupi em 2011, divulgou nesta quarta-feira, 10, pela manhã, um texto confirmando sua saída do Goiás. Ele acertou sua ida para o Vitória, transferência confirmada também nesta quarta, à noite.

Drubscky conquistou pelo Tupi o seu primeiro título como técnico de uma equipe profissional. Outro detalhe importante: antes de dirigir o clube juizforano, ele não estava atuando como treinador e sim como gestor ou gerente de futebol e de equipes de base.

Após o título da Série D, pouco depois da vitória de 2 a 0 sobre o Santa Cruz, em pleno estádio Arruda lotado, em Recife, sua contratação foi anunciada pelo site do Volta Redonda, surpreendendo os torcedores alvinegros, uma vez que sua renovação havia sido anunciado pelo próprio Drubscky dias antes, em Santa Terezinha.

 

Ricardo Drubscky confirmou oficialmente sua saída do Goiás

Ricardo Drubscky confirmou oficialmente sua saída do Goiás

  Leia, abaixo, a íntegra da nota do desligamento do Goiás:

“Na noite de ontem (terça-feira, 9), informei ao presidente do Goiás, Dr. Sérgio Rassi, após uma longa conversa, que o meu ciclo no clube havia chegado ao fim. No meu entendimento, as imposições da diretoria não propiciariam um trabalho construtivo e sustentável para a próxima temporada. Ficou muito claro que haveria uma divergência de ideias e conceitos.

Desde o primeiro momento em que cheguei ao clube, eu dei o meu máximo e busquei unir forças para que o Goiás alcançasse o melhor resultado dentro do possível. Saio com a consciência e a sensação do dever cumprido dentro das condições de trabalho disponibilizadas. Deixamos o clube com a vaga assegurada na Taça Sul-americana.

Ter contribuído para que o Goiás tivesse a revelação do Campeonato Brasileiro (Erik), pela primeira vez na história, foi uma honra. Confirmamos os talentos de Pedro Henrique e Thiago Mendes. Também foi muito gratificante ter revelado para o cenário nacional jogadores promissores como Felipe, Rodrigo, Wellington, Túlio, Saturnino e Lineker; entre outros que também tiveram oportunidades.

Mas nada disso seria possível se eu não tivesse o apoio de toda a comissão técnica, jogadores, funcionários e pessoas de bem do clube. Quero deixar o meu agradecimento especial ao dr. Sérgio Rassi, um homem íntegro, parceiro e que, em momento algum, faltou com a palavra.

Ao torcedor, deixo o meu carinho e também o meu muito obrigado”

 

Texto com nota de desligamento e foto enviados pela assessoria do treinador

 


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


22 nov 2017
Basquete dos Intercolegiais: conheça todos os atletas campeões e veja as avaliações dos professores

22 nov 2017
JF Vôlei receita “foco e determinação” para buscar reação contra dois adversários diretos na pontuação

20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.