22 out 2014

Chico vê 1ª fase em JF como motivação, mas pede calma. Ladeira: “Só entro sem dor”



Torcedores e delegação carijó têm muitos motivos para acreditar na classificação à Série B no sábado, contra o Paysandu, às 16h, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio. Jogando em Juiz de Fora, pela primeira fase da Terceirona, o Tupi venceu seis das sete partidas, empatando apenas com o Macaé na primeira rodada da competição. Das seis vitórias, cinco ocorreram com resultados que o Galo precisa para levar a tão sonhada vaga.

Grupo Carijó treinou no Mário Helênio na tarde desta quarta-feira, mesmo local do treino de quinta e da decisão de sábado

Grupo Carijó treinou no Mário Helênio na tarde desta quarta-feira, mesmo local do treino de quinta e da decisão de sábado

Para o artilheiro do Tupi no campeonato com seis gols, Chico, o histórico vale como fruto de confiança ao elenco, mas nada além disso: “Nos motiva, mas é passado e temos que demonstrar essas coisas que temos feito dentro de casa no sábado para carimbar essa classificação para a Série B”, projetou o atacante, que ainda lembrou que o contexto da fase eliminatória é diferente, pedindo ao time paciência.

“Mata-mata vai definir nossa vida e é um jogo especial. Temos que ir confiantes e com calma, para não tomarmos gol e conseguirmos marcar”, opinou Chico.

Veja os resultados do Tupi na primeira fase da Série C atuando no Mário Helênio:

Tupi 1 x 1 Macaé

Tupi 1 x 0 Guaratinguetá

Tupi 2 x 1 Caxias

Tupi 1 x 0 Madureira

Tupi 5 x 0 Mogi Mirim

Tupi 4 x 0 São Caetano

Tupi 4 x 1 Duque de Caxias

 

Ladeira só joga sem dores. Marcelinho treina separado

Após exame diagnosticar lesão grau um na panturrilha esquerda do zagueiro do Tupi, Wesley Ladeira, nova dúvida foi instalada na equipe que entra em campo no sábado, no Mário Helênio. Presente no treinamento desta quarta-feira, 22, o jogador não realizou nenhuma atividade física e admitiu que só estará em campo contra o Papão se não sentir nenhum desconforto.

“Estava cem por cento vetado e agora tenho esperança. É acreditar no meu corpo, no tratamento intensivo da fisioterapia e em Deus. Vontade de querer ajudar é o que não falta, não devia nem ter vindo ao treinamento hoje, mas quero estar junto o tempo todo. Mas só vou entrar em campo se estiver sem dor nenhuma e confiante, porque jamais vou prejudicar meu corpo e equipe”, contou Ladeira, que, se não atuar, deve ser substituído por Helder.

De chinelo, Ladeira compareceu ao treinamento no Mário Helênio para "estar junto do grupo"

De chinelo, Ladeira compareceu ao treinamento no Mário Helênio para “estar junto do grupo”

Quem também segue como uma incógnita é Marcelinho. O lateral-direito e zagueiro carijó se recupera fisicamente após sofrer fissura no maxilar e vem treinando separado do grupo, já com bola. Na atividade desta quarta, Condé promoveu treino tático, sem esboçar a equipe que recebe o Paysandu. O comandante viu Douglas e Ademilson atuarem juntos no ataque, como na segunda etapa no Mangueirão, assim como Elder Santana de único centroavante.

Texto: Bruno Kaehler

Fotos: Toque de Bola

 


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

16 nov 2017
Saiu a tabela! Tupi encara Cruzeiro e América fora de casa logo no início do Campeonato Mineiro

16 nov 2017
Intercolegiais: professor Tidinho comemora brilho do Jesuítas no vôlei. Veja fotos e nomes de todos campeões

14 nov 2017
Goleiro-artilheiro Edson tem domingo único e Passo da Pátria é campeão da zona rural da Copa Prefeitura Bahamas

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.