12 maio 2014

Carijós elogiam Guaratinguetá na “vitória da superação”



Raça, vontade, superação e luta. Estas palavras eram presentes nas falas de todos os jogadores do Tupi e do comandante, Léo Condé, após a primeira vitória na Série C, por 1 a 0 diante do Guaratinguetá, no sábado, jogando no Mário Helênio. Autor do gol, Henrique saiu chateado com parte da torcida, em função de vaias em momentos do jogo, mas destacou a importância do resultado no torneio.

“A equipe batalhou, lutou e isso foi determinante. Independente do gol que fiz, o time lutou muito e finalmente podemos conquistar essa vitória”, disse Henrique, na saída de campo.

Pela primeira vez atuando como titular da equipe, o atacante Maranhão também destacou o espírito do grupo dentro de campo e, ao contrário do lateral-direito, elogiou o torcedor.

“Demonstramos que temos raça, vontade e esse jogo foi o da superação. Graças a Deus saímos com a vitória e agora é descansar para o próximo jogo aqui. Torcida do Tupi é isso, tem que cobrar mesmo e nós, dentro de campo, temos que dar a resposta. Hoje não foi diferente, o grupo está de parabéns”, analisou Maranhão.

Um dos estreantes da tarde, o volante Gustavo, ex-URT, também destacou a postura da equipe e ressaltou as qualidades do adversário, mas lembrou que em Juiz de Fora, o resultado só pode ser a vitória carijó.

“Nosso time é de guerreiros. A equipe deles tem uma qualidade técnica muito boa e um toque de bola refinado, mas a gente conseguiu tirar todas essas adversidades e vencer o jogo. Dentro de casa tem que ser assim, independente da atuação, temos que sair com os três pontos”.

Foto "flagrante": são 20 jogadores ocupando apenas uma faixa do campo durante o jogo entre Tupi e Guaratinguetá. em Juiz de Fora

Foto “flagrante”: são 20 jogadores ocupando apenas uma faixa do campo durante o jogo entre Tupi e Guaratinguetá. em Juiz de Fora

Wesley Ladeira: “Pegamos o melhor time da Série C”

Se a superação foi colocada como o motivo principal da vitória, chega-se a conclusão que o nível de dificuldade imposto pelo adversário ao Alvinegro de Santa Terezinha foi alto. O Guaratinguetá teve ampla superioridade na posse de bola e, em momentos da partida, o Tupi foi “colocado na roda”. Para o xerife carijó, Wesley Ladeira, a vitória diante destas circunstâncias dá ainda mais confiança ao grupo.

“Ambiente bom é ambiente de vitória. Para mim, pegamos o melhor time da Série C, porque tocam bem demais a bola, vêm com a base do Audax, então com certeza eles vão brigar para classificar e esse jogo foi de seis pontos para nós”, ressaltou Ladeira.

Condé compartilha a visão do zagueiro do time juizforano e, em entrevista coletiva, lembrou que o nível do Guaratinguetá foi tema durante a preleção.

“A Série C está bastante equilibrada, tanto para a parte de cima, quanto na de baixo. Não tem nenhum jogo em que a diferença no placar é elástica. Falei com eles na preleção hoje, que neste momento, antes da parada da Copa, vejo o Guaratinguetá levando um pouco de vantagem em relação às outras equipes, em razão de já terem um time montado há dois anos, do Audax, com um investimento muito alto e jogadores de nível elevado”, contou o treinador.

Atuação

Satisfeito com o resultado, o comandante carijó lamentou os erros de passe na primeira etapa, mas enalteceu a marcação forte do time durante todo o jogo.

“Criamos a estratégia de, no primeiro tempo, marcar na linha de meio campo e explorar os contra-ataques. Eles fizeram uma posse de bola, mas o Rodrigo praticamente não foi ameaçado. Nosso grande erro no primeiro tempo foi o de que não estávamos conseguindo encaixar os contra-ataques, erramos muitos passes. Na segunda etapa, a partir da entrada do Maradona, passamos a melhorar a transição da defesa para o ataque e ele começou a municiar o Élder e o Maranhão. Também prendi o Maguinho para as subidas do Henrique. Criamos muitas oportunidades de gol, acho que poderíamos ter feito até mais no segundo tempo, mas o Henrique acertou um belo chute que nos dá maior tranqüilidade para o restante da competição”, analisou Condé.

Com o resultado, o Tupi chegou aos quatro pontos conquistados e o sexto lugar na tabela de classificação do Grupo B da Série C. Já o Guaratinguetá permanece com um ponto ganho em três partidas, ocupando a nona posição, na zona de rebaixamento.

A rádio web do Toque de Bola transmite Tupi x Caxias ao vivo, direto do Mário Helênio, neste sábado, 17, a partir de 15h.

 Segue link da rádio web: www.toquedebola.esp.br/radio

tupi_caixas_destacada

Texto de Bruno Kaehler

 

 


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


14 dez 2017
JF Vôlei recebe Corinthians-Guarulhos pela última rodada do turno. Veja panorama completo da Superliga

13 dez 2017
Confira o ranking atualizado da Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador

11 dez 2017
Copa Zico Verão Juiz de Fora: resultados e galeria de fotos

09 dez 2017
Copa Zico Verão Juiz de Fora é atração no Centro de Futebol Zico. Com novidades extra-campo!

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse