07 abr 2014

Léo Condé volta com prioridade definida: “O Tupi tem que plantar o pé na Série C”



De volta ao Carijó, o técnico Léo Condé foi apresentado na tarde desta segunda-feira, 7, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio e, de prontidão, já deixou claro seu objetivo para o restante da temporada. “Desde 2009, quando cheguei, sempre comentei que o Tupi tinha que plantar o pé na primeira divisão (do Mineiro), e conseguiu. E acho que, nesse momento, o clube deve fazer o mesmo na Série C. Faremos um trabalho equilibrado tentando de tudo para manter o Tupi na terceira divisão. Agora, é claro que, a partir do momento que a gente consiga uma pontuação de manter a equipe onde ela se encontra, buscaremos um objetivo maior”, projetou. O auxiliar de Condé, Henrique Furtado, também passa a integrar a comissão técnica do clube.

Leia também: Tupi revela jogo de camisas para a Série C: a 4 é de Wesley, 8 e 9 podem ter novidades, e o limite é 26

Em novo formato, Alberto Simão confirma investimento no futebol do Tupi

Tupi no Mineiro: 25 jogadores, 3 técnicos, 5 expulsões, 2 gols de Adê em 70 minutos e uma frase fatal

Condé recebe a  camisa do vice presidente do Conselho Gestor do Tupi, Cloves Santos

Condé recebe a camisa do vice presidente do Conselho Gestor do Tupi, Cloves Santos

O treinador de 35 anos oficializa sua terceira passagem pelo Alvinegro de Santa Terezinha. O Carijó foi o primeiro clube profissional treinado por Condé, em 2009. Um ano depois saiu para comandar o Ipatinga, retornando na segunda fase da Série D, quando o time juiz-forano foi eliminado pelo Uberaba. Em 2011, comandou o Villa Nova e, entre 2012 e 2013, esteve à frente do Nova Iguaçu, do Rio de Janeiro. Este ano assumiu a Caldense, clube que levou ao oitavo lugar do Campeonato Mineiro e com o qual tinha compromisso até a estreia na Copa do Brasil.

“Depois de quase três anos longe da cidade, a gente traz essa experiência que vivi no futebol carioca, que é mais técnico e jogado, e isso nos dá uma bagagem a mais”, avaliou Condé, que após ser apresentado já comandou treino no Mário Helênio.

O braço direito de Condé, Henrique Furtado, também integra a comissão técnica do clube

O braço direito de Condé, Henrique Furtado, também integra a comissão técnica do clube

Força como mandante

Mesmo sem conhecer todo o elenco juiz-forano, Condé deixou claro que sua metodologia de trabalho para a Série C será aplicada de acordo com as características dos atletas e explorando a força do Tupi em Juiz de Fora.

“Respeito muito a característica dos jogadores. Antes eu moldava muito a equipe em cima daquilo que eu pensava, e hoje moldo de acordo com o que tenho a disposição, mas é claro que a gente sabe da força que o Tupi tem no Mário Helênio. No Mineiro de 2010 fizemos seis, sete jogos em casa e vencemos quase todos. Então vamos montar também em cima do nosso estádio, trabalhar em cima de pressionar o adversário, tirar a bola dele o quanto antes e criar o máximo de dificuldade”, afirmou Condé.

Condé cumprimenta os jogadores antes de primeira conversa

Condé cumprimenta os jogadores antes de primeira conversa

Contratações

Ao ser questionado sobre possíveis pedidos de reforços para a diretoria do clube, Condé elogiou a volta de atletas como o goleiro Rodrigo e o zagueiro Wesley Ladeira e ressaltou a importância do conhecimento da história do time juiz-forano ao jogador que chega no clube.

“Estamos tendo o cuidado de trazer jogadores que conheçam o Tupi. Neste momento acredito que o clube precisa disso. Vamos avaliar o elenco, claro que é obrigação profissional nossa estar acompanhando e tivemos a oportunidade de enfrentar o Tupi no Campeonato Mineiro e conheço alguns jogadores por já terem trabalhado comigo, mas é claro que futebol é momento e vamos avaliar nessas três semanas antes do início da competição e caso haja alguma carência, passaremos para a diretoria”, garantiu.

Texto de Bruno Kaehler

Fotos: Toque de Bola


Voltar

5 Respostas to “Léo Condé volta com prioridade definida: “O Tupi tem que plantar o pé na Série C””

Deixe uma resposta

Notícias


22 jan 2018
Clínica com Zico no Maracanã une diferentes gerações em torno do sonho do futebol. Veja fotos

22 jan 2018
Tem de 10 a 16 anos e que jogar futebol? É levar a chuteira e conferir a agenda da semana na Faefid-UFJF

21 jan 2018
Virose no Carijó? Dirigente admite possibilidade, mas não quer usar como desculpa

19 jan 2018
Futebol do Baeta apresenta Comissão Técnica para Módulo 2 e admite que está atrasado

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse