15 mar 2014

Nem o empate serve: Guarani precisa vencer o Tupi para tentar escapar da queda



  O Guarani vem a Juiz de Fora neste domingo, 16, para encarar o Tupi, às 16h, no estádio Mário Helênio, com um único objetivo: a vitória. Caso contrário, o clube estará rebaixado para o Módulo II do Estadual em 2015.

   A partida terá transmissão ao vivo da Rádio Web do Portal Toque de Bola, a partir das 15h.Segue link da rádio do Toque: http://www.toquedebola.esp.br/radio/

Na 11ª posição no Campeonato Mineiro, com oito pontos, e apenas duas vitórias na competição, o Guarani entra em campo pela última rodada do torneio não apenas de olho no Tupi, mas também nos confrontos entre URT e Minas e Nacional e Villa Nova. Para permanecer na elite mineira, além de conquistar os três pontos, o Guarani tem que torcer por uma dessas duas combinações: um empate no jogo em Patos de Minas, que rebaixaria ambos os envolvidos no jogo, URT e Minas; ou uma derrota da equipe de Muriaé para o Villa em casa, que rebaixaria o próprio Nacional e o derrotado do jogo no estádio Zama Maciel.

Empate em Juiz de Fora ou a vitória do carijó já sacramenta o rebaixamento do time de Divinópolis.

  Retrospecto não é bom

Em 10 jogos pelo Campeonato Mineiro, o Guarani ganhou apenas em duas oportunidades: 3 a 1 para cima do Minas, no Farião, pela terceira rodada, e 2 a 1 diante o Boa, em Varginha, jogo válido pela oitava rodada. A equipe ainda somou dois pontos empatando com a Tombense, 1 a 1 em Tombos (sétima rodada) e 0 a 0 com a Caldense em casa, na estreia no campeonato.

O Guarani vem de duas derrotas seguidas na tabela: perdeu por 2 a 1 para o América e por 1 a 0 para o Atlético Mineiro, ambos com os gols decisivos das partidas sendo marcados pelos adversários após os 45 minutos do segundo tempo, situação que o treinador do Bugre, Leston Júnior, atribuiu ao cansaço dos atletas e ao desgaste natural da reta final do campeonato. O treinador cobrou mais antenção nos lances finais das partidas e afirmou ainda que o time está preparado para enfrentar e vencer o Tupi em Juiz de Fora.

Além das duas últimas derrotas na tabela, o Guarani acumulou mais quatro insucessos: derrotas fora de casa, em Nova Lima, 1 a 0 para o Villa Nova, 3 a 2 para o Nacional, em Muriaé, e 2 a 0 para o Cruzeiro, no Mineirão. Além disso, perdeu por 1 a 0 para a URT jogando em frente a sua torcida.

 Time pronto para enfrentar o Galo

Sem mistério, o técnico Leston Júnior focou os trabalhos da semana para o jogo de vida ou morte contra o Tupi. Os destaques do Bugre que vem enfrentar o Galo Carijó em Juiz de Fora são os atacantes Tardelli e Alex, e o meia Michel Cury. Tardelli é o artilheiro do time no Mineiro, com 3 gols, e Alex o vice artilheiro, com 2. Michel Cury, já conhecido da torcida Carijó, tem na bola parada sempre uma arma para decidir jogos. O provável time do Guarani para o confronto indígena é: George; Jaílson Diego, Marcelão, Ferraz e Thiago Papel; Thiago Carpine, Elói, Fernando e Michel Cury; Murilo e Tardelli.

Texto: Gustavo Fonseca

Foto: site oficial do Atlético


Voltar

Uma Resposta to “Nem o empate serve: Guarani precisa vencer o Tupi para tentar escapar da queda”

Deixe uma resposta

Notícias


20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

16 nov 2017
Saiu a tabela! Tupi encara Cruzeiro e América fora de casa logo no início do Campeonato Mineiro

16 nov 2017
Intercolegiais: professor Tidinho comemora brilho do Jesuítas no vôlei. Veja fotos e nomes de todos campeões

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.