18 nov 2013

Tupi heptacampeão brasileiro no futebol de mesa



O Tupi confirmou, durante o último final de semana, que é uma das principais forças de Futebol de Mesa nacional. O quinteto formado por Carlos Henrique Garcia, Flávio Scarpeli, Leonardo Stumpf, Marcus Motta e Paulo Marcos de França levou o Galo Carijó a conquistar o Campeonato Brasileiro de Clubes (Modalidade 3 Toques) pela sétima vez (1988, 1994, 1995, 1998, 2009, 2011 e 2013). Ao todo, o Alvinegro fez 17 jogos, vencendo 12, empatando um e perdendo quatro: aproveitamento de 72,5%.

 Na decisão,o time venceu o América de São José do Rio Preto (SP) por 4 a 0, equipe que tentava o terceiro título nacional. Stumpf derrotou Constâncio por 2 a 0, Marcus venceu José Luiz por 3 a 0, Carlos Henrique fez 2 a 1 sobre Beto Magrini e Paulo Marcos virou sobre Emerson Claudino: 2 a 1.

 A campanha

 A 33ª edição do Brasileiro de Clubes foi disputada na sala 422 do Ginásio Mineirinho, em Belo Horizonte, e contou com a participação de nove equipes de Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal, com um total de cerca de 50 participantes. O Tupi enviou apenas uma equipe, mas repleta de campeões. Mesmo assim, o quinteto juiz-forano enfrentou muitas dificuldades, chegando, inclusive, a depender de outros resultados para chegar à final.

 Depois de perder o primeiro turno, o Carijó precisava vencer o segundo para continuar sonhando com mais um título. O Tupi precisava vencer os seus jogos e torcer contra a AABB 1, de Brasília, no duelo diante do Liberdade (BH). Mesmo já sem chances de classificação, a equipe belo-horizontina venceu a partida e colocou o Galo de volta na trilha do título.

 O técnico Carlos Henrique Garcia chegou ao seu primeiro título nacional, o que fez da conquista ainda mais inesquecível para ele.

“Foi muito bom. A campanha teve contornos de drama, como quando perdemos para o Clube dos 500. Neste momento, precisávamos de uma combinação de resultados. E o Liberdade fez o resultado que precisávamos”, expõe.

 Para Marcus Motta, na decisão pesou a tradição do Carijó.

“O Tupi é um time de camisa. E essa camisa pesa muito. Todos os resultados que tinham que acontecer, aconteceram”, afirma.

 O botonista Alex Lage já havia conquistado há 20 dias atrás o Campeonato Brasileiro Individual da Modalidade Dadinho, o que reforça o bom momento do Futebol de Mesa carijó.

 Informações e foto enviadas ao Toque de Bola pela assessoria


Voltar

Uma Resposta to “Tupi heptacampeão brasileiro no futebol de mesa”

Deixe uma resposta

Notícias


22 nov 2017
Basquete dos Intercolegiais: conheça todos os atletas campeões e veja as avaliações dos professores

22 nov 2017
JF Vôlei receita “foco e determinação” para buscar reação contra dois adversários diretos na pontuação

20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.