25 set 2013

Apática, UFJF sofre derrota dura para SADA/Cruzeiro



A UFJF perdeu para o SADA/Cruzeiro, por 3 sets a 0 (Parciais: 21×13 / 21×15 / 21×11), nesta quarta-feira, em Contagem, em partida válida pela terceira rodada da Superliga Masculina de Vôlei. Sem dificuldade, o levantador William ditou o ritmo do jogo e variou bem as bolas com os atacantes, que minaram as armas da Federal para anotar a quinta vitória na competição.

O oposto Wallace foi o maior pontuador do jogo, com 11 pontos. Pelo lado da Federal, Victor Hugo e De Paula, com cinco pontos, foram os destaques.

A equipe de Juiz de Fora, que perdeu para o Sesi na estreia, não conseguiu manter o bom volume de jogo apresentado contra os paulistas e foi presa fácil, somando a segunda derrota seguida, mantendo-se com apenas um pontos na tabela de classificação.

O time do treinador Chiquita faz amistosos contra o UPCN, da Argentina, na sexta-feira, 27, em Juiz de Fora, com entrada franca para o torcedor.

Jogo de um time só

Para a partida diante da Federal, o SADA/Cruzeiro tinha apenas uma baixa. Poupado pelo elevado número de jogos disputados, o ponteiro Leal não foi relacionado. Com isso, o treinador Marcelo Mendez escalou o jovem ponteiro Kadu, revelação da base da equipe mineira. Completaram a escalação o levantador Willian, o ponteiro Filipe, os centrais Éder e Isac, o oposto Wallace e o líbero Serginho.

Pelo lado da UFJF, o treinador Chiquita contou com a volta do levantador Gelinski, que cumpriu suspensão automática contra a equipe do Sesi. Lucão e Cipriani, lesionados, e Hugo, servindo a Seleção Sub-23, foram os desfalques. Apesar da volta de Gelinski, Chiquita optou começar o jogo com o levantador Rívoli, os ponteiros Japa e Reffati, os centrais Jardel e Victor Hugo, o oposto De Paula e o líbero Thales.

No primeiro set, o SADA/Cruzeiro começou com muito volume de jogo, forçando o saque e usando o forte bloqueio dos centrais Isac e Éder. Com tranquilidade, sem ser ameaçado em momento algum no marcador, o time da casa fechou em 21×13, em aproximadamente 13 minutos.

Chiquita manteve a equipe e viu melhora dentro de quadra no início do segundo parcial. Com vibração, Victor Hugo era a melhor opção no ataque e ainda marcou um ponto no bloqueio. Na primeira parada técnica do segundo set, o Cruzeiro vencia por 7×6, em jogo equilibrado. Porém, após conversa com Marcelo Mendez, Willian voltou endiabrado e confundiu o bloqueio da Federal, que, errando muitos saques, viu o adversário desgarrar e fechar: 21×15.

Precisando vencer o set para ainda ter chances de se manter vivo no jogo, o time de Juiz de Fora não apresentou melhoras, nem mesmo com a troca de levantador de Chiquita, que colocou Gelinski na vaga de Rívoli em momentos do jogo e no meio do terceiro set. Abusando dos erros no saque e com postura acanhada, a Federal assistiu o SADA fechar o parcial em 21×11, fazendo 3 sets a 0.

Texto: Igor Rodrigues


Voltar

2 Respostas to “Apática, UFJF sofre derrota dura para SADA/Cruzeiro”

Deixe uma resposta

Notícias


19 set 2017
Com vídeo! Evaldo anula Éder, domina, toca para os companheiros e emenda: “Tupi tem totais condições de reverter”

18 set 2017
Emoção marca abertura da Semana Paralímpica em Juiz de Fora

18 set 2017
Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador: resultados e próximos jogos

16 set 2017
Diretoria do Tupi estuda manter preços promocionais para o jogo de volta

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.