08 jul 2013

Projeto da Faefid: atividade para crianças portadoras de autismo



  Como cuidar, o que fazer e quais os melhores tratamentos?

  Essas são algumas perguntas feitas pelos pais e familiares de crianças portadoras de autismo. A dificuldade em lidar com essas questões e a necessidade de ajudar crianças autistas levou à elaboração do projeto “Prodema: atividade física para autistas”. Atualmente, a iniciativa, coordenada pela professora da Faculdade de Educação Física e Desportos (Faefid) Eliana Ferreira, atende a oito crianças autistas entre 3 e 9 anos de idade.

Segundo a supervisora do projeto e vice-coordenadora de acessibilidade da UFJF, professora Lívia Saço, a iniciativa busca promover, desde 2010, a prática de exercícios cujo objetivo é ampliar a capacidade de dominar movimentos. “As atividades são aplicadas a qualquer criança, independente do nível de autismo, uma vez que contribuem significativamente para estrutura corporal e mental, como também na formação social e educacional.”

Ginástica e qualidade de vida

“Os estudos e as atividades sobre o autismo são bem recentes”, diz a bolsista do projeto e graduanda do 6º período da Faefid, Inara Silva. “Mas é certo que as atividades físicas são muito eficazes, tanto para desenvolver as habilidades naturais, como correr, andar e saltar, quanto para fazer a conexão da parte emocional, psicológica e da interação”, completa Inara. Segundo a estudante, circuitos de atividades para treinar o equilíbrio e conversas para incentivar a convivência com as pessoas são alguns dos instrumentos eficazes em lidar com essas crianças.

Além dos obstáculos e preocupações da própria deficiência, como a capacidade de imitação reduzida, relação social restrita, dificuldade no domínio da linguagem para comunicar-se, outros aspectos são ressaltados por Stella Regina Façanha Mendes, mãe da autista Victória Façanha Mendes de 12 anos. “O suporte para o autismo em Juiz de Fora é muito escasso. Não existe um médico e nem clínica especializada na doença. Esse projeto foi uma excelente oportunidade de facilitar o tratamento”, aponta a mãe de Victória.

Segundo afirma Stella, a semana de Victória é repleta de afazeres. A menina estuda de segunda a sexta-feira no turno da tarde na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Juiz de Fora (APAE/JF), faz tratamento com psicóloga, fonoaudióloga, pratica ecoterapia e natação. Por meio de um curso de capacitação sobre rotina diária realizado na Associação de Amigos do Autista (AMA), na cidade de São Paulo, Stella aprendeu a conversar com sua filha sobre todas as tarefas que serão feitas durante o dia, como o horário de aula, natação e almoço. Isso ajuda Victória a ficar mais tranquila e ter melhor noção de como será seu dia.

As atividades ocorrem todas as terças e quintas das 14h às 16h. As inscrições podem ser realizadas pelo telefone 2102-3283, pelo email: assessoriapedagogica.gime@uab.ufjf.br, ou no site do Núcleo de Pesquisa em Inclusão, Movimento e Ensino a Distância da UFJF.

Texto, foto e informações: Secretaria de Comunicação (Secom) UFJF


Voltar

2 Respostas to “Projeto da Faefid: atividade para crianças portadoras de autismo”

  1. elisabete
    18/02/2016 às 18:27

    boa tarde tenho um sonho de criar um clube de corrida para crianças autistas aqui na minha cidade lendo sobre vocês amei seu projeto e gostaria de saber se minha ideia e possível na opinião de vocês que ja trabalhos com esporte para crianças autistas.

Deixe uma resposta

Notícias


14 dez 2017
JF Vôlei recebe Corinthians-Guarulhos pela última rodada do turno. Veja panorama completo da Superliga

13 dez 2017
Confira o ranking atualizado da Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador

11 dez 2017
Copa Zico Verão Juiz de Fora: resultados e galeria de fotos

09 dez 2017
Copa Zico Verão Juiz de Fora é atração no Centro de Futebol Zico. Com novidades extra-campo!

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse