09 jan 2013

Bom futebol na derrota para o Duque de Caxias



O técnico Felipe Surian deixou o Estádio Municipal Radialista Mário Helênio satisfeito com o desempenho do Tupi no jogo-treino contra o Duque de Caxias,  disputado nesta quarta-feira, 9. Nem mesmo o resultado adverso de 2 a 0 foi capaz de tirar a boa impressão deixada pelos jogadores, já que, na avaliação do treinador, o placar não é tão importante nesta fase da preparação alvinegra. Os gols da partida, bastante disputada do início ao fim, foram marcados por Adriano Lobinho, contra, no primeiro tempo, e João Paulo, no final da segunda etapa.

“Foi até além do que nós esperávamos. Os jogadores se doaram ao máximo e já introduziram o esquema tático que eu passei em apenas um dia. Passei a parte tática para eles e fizeram aquilo que tinha passado. No primeiro tempo, tivemos cinco oportunidades de gol e, em uma infelicidade nossa, eles fizeram o gol. O placar hoje não é o mais interessante, e sim essa movimentação. Vimos onde temos que consertar e as posições em que precisamos trazer outros atletas para agregar ao elenco”, analisa Surian.

Leia também:
Goleiro Jordan é a nova contratação do Tupi
Tupi treina pesado e anuncia jogo-treino com o Resende
Elenco carijó para o Mineiro já conta com 22 jogadores

Veloz, Cassiano teve boa atuação na primeira etapa

Caras novas

O Tupi começou o amistoso com diversas “caras novas” em relação ao time que disputou a Série C do Brasileirão. Apenas quatro remanescentes foram a campo. A formação inicial foi a seguinte: Victor Hugo; Thiago Ryan, Ciro Luiz, Adriano Lobinho e Fabrício Soares; Marquinho, Leônidas, Raphael Toledo e Allan; Cassiano e Flávio.

Do outro lado, o experiente Duque de Caxias, algoz do Carijó na Série C, com os já conhecidos jogadores Renan, André Gomes e Charles Chad. A equipe fluminense, que estreia no Carioca diante do Botafogo no próximo dia 20,  iniciou a preparação visando o Carioca em 3 de dezembro. Mesmo assim, quem começou mandando no jogo foi o Carijó, que fez apenas um coletivo antes do jogo-treino.

As principais chances do primeiro tempo tiveram um mesmo roteiro: Cassiano dando assistências para Raphael Toledo. Na primeira oportunidade, o meia carijó deu um drible seco no zagueiro dentro da área e tocou por cima do travessão. Na segunda, driblou o goleiro e tocou para o gol vazio, mas a bola foi cortada. Na derradeira, cabeçada certeira rente à trave.

Aos 22 minutos, na primeira escapada mais perigosa do Duque de Caxias, bola na rede. Thiago Ryan cortou uma bola que já entrava no gol alvinegro após jogada pela esquerda da defesa, mas, por uma infelicidade, ela acabou batendo no zagueiro Adriano Lobinho e entrando no gol. Em vantagem no marcador, o Tricolor da Baixada conseguiu equilibrar as ações. Mesmo assim, o Carijó criou, ao menos, mais duas jogadas de gol.

Outro time na segunda etapa

Jogo ficou bastante pegado no segundo tempo

O técnico Felipe Surian voltou com outra formação para o segundo tempo: trocou os 11 jogadores. A escalação que mandou a campo tinha, inclusive, três jogadores que ainda não fazem parte do elenco carijó: o lateral Lucas, de 20 anos; o volante João Paulo, de 28, e o atacante Pedro Henrique, de 20. Eles estão em teste e a permanência do trio ainda não é garantida.

O time que voltou para o segundo tempo tinha a seguinte formação: Silézio; Maguinho, Luan, André e Lucas; Alemão, João Paulo, Kaká e Diogo Tiveron; Rafael Assis e Pedro Henrique. O Duque de Caxias trocou vários jogadores, mas manteve Renan, André Gomes e Charles Chad.

O jogo ficou pegado, com o Tupi dominando as ações. Kaká arrancou aplausos da torcida ao deixar Paulo Henrique cara a cara com o goleiro. Ocupando o lado direito do ataque alvinegro, Rafael Assis atormentou a defesa adversária, arrancando, posteriormente, elogios do treinador carijó. Dos jogadores em teste, o volante João Paulo parece ter sido o que mais aproveitou a oportunidade. Foi um dos poucos a arriscar de fora da área, deficiência apontada por Surian.

No final do jogo, o Duque de Caxias conseguiu ampliar o marcador. Após uma virada de bola errada do meio-campo carijó, João Paulo foi lançado em profundidade, driblou Silézio e tocou para o fundo da rede. Ainda teve tempo para a equipe fluminense mandar uma bola no travessão. Final no Mário Helênio, Tupi 0 x 2 Duque de Caxias.

Nesta quinta-feira, 10, e sexta-feira, 11, o elenco Carijó volta a treinar em tempo integral. No sábado, 12, tem outro jogo-treino, contra o Resende (RJ), às 10h, também no Estádio Municipal.

Fotos: Assessoria de Imprensa do Tupi e Toque de Bola

 

 

 


Voltar

3 Respostas to “Bom futebol na derrota para o Duque de Caxias”

Deixe uma resposta

Notícias


17 ago 2017
Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador: resultados e próximos jogos

17 ago 2017
Juiz-forano Artur Bitarello confirma boa fase, vence XTerra em Mangaratiba e lidera na faixa 25-29 anos

16 ago 2017
Aílton vê “desrespeito” na atitude de jogadores do Mogi. Verba da Federação Paulista pode socorrer o clube

15 ago 2017
Futsal: goleada garante Sesi Juiz de Fora na semifinal do Campeonato Mineiro Sub-13 do Interior

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.