14 nov 2012

Mineiro de 2013 repete fórmula



Foi realizado na tarde desta terça-feira, 13,  o Conselho Técnico que definiu fórmula e data de início do Campeonato Mineiro de 2013. Em reunião na Federação Mineira de Futebol, representantes dos clubes participantes do Estadual decidiram que torneio terá o mesmo formato de disputa da edição anterior

  Veja, abaixo, matéria publicada no www.uai.com.br/superesportes, assinada por Luiz Martini  e Rafael Arruda  

A fórmula de disputa do Campeonato Mineiro de 2013 está definida. Em reunião do Conselho Técnico nesta terça-feira, 13, na Federação Mineira de Futebol, foi acordado que o sistema de disputa da edição passada será mantido. Dos representantes dos 12 clubes presentes na competição, sete optaram pela manutenção da fórmula e cinco desejaram mudança. Por maioria de votos – 7 a 5 –, o formato atual foi mantido para a temporada seguinte, que acontecerá entre os dias 3 de fevereiro e 19 de maio.

Durante a reunião houve duas propostas: a primeira, encabeçada pelo Atlético, defendeu a manutenção da fórmula recente de disputa, com os 12 clubes se enfrentando em turno único e, ao final da primeira fase, classificando apenas os quatro melhores colocados. A segunda, apresentada pelo Nacional, intencionava colocar oito classificados à fase seguinte, assim originando a disputa das quartas de final.

A favor do Atlético votaram seis clubes – Cruzeiro, América, Caldense, Tupi, Villa Nova e Boa Esporte. Ao lado do Nacional estiveram quatro times – Araxá, América de Teófilo Otoni, Guarani e Tombense.

Houve também uma posição contrária em relação às datas do Campeonato Mineiro. O Villa Nova defendeu a ideia de dar início à competição no dia 17 de fevereiro, porém, não teve apoio de nenhum outro clube. Assim, o Estadual começará mesmo no terceiro dia do mês.

Participaram do Conselho Técnico os seguintes representantes: Jair Albano Félix (América), Nadje Walter (América de Teófilo Otoni), Taílson Letteri (Araxá), Eduardo Maluf (Atlético), Rone Moraes (Boa Esporte), Alex Joaquim (Caldense), Benecy Queiroz (Cruzeiro), Edílson de Oliveira (Guarani), Roger Galvão (Nacional), Iane Gaviolle (Tombense), Áureo Fortuna (Tupi) e Edir Castanheira (Villa Nova).

Formato de disputa

Doze clubes se enfrentam em turno único e os quatro primeiros colocados se classificam para as semifinais. Já os dois últimos lugares serão rebaixados ao Módulo II.

As semifinais do Campeonato Mineiro serão definidas em cruzamento olímpico – primeiro contra quarto e segundo contra terceiro. Os donos das duas melhores campanhas têm a vantagem de jogar por dois empates ou uma vitória e derrota pela mesma diferença de gols. Na final do Estadual, essa regra também se aplica a favor do time de melhor desempenho na primeira fase.

As novidades do Campeonato Mineiro de 2013 serão as presenças do Araxá Esporte Clube e da Tombense, que conquistaram o acesso à elite estadual após serem, respectivamente, campeão e vice do Módulo II de 2012.

Texto e informações: www.uai.com.br/superesportes

Foto: Arquivo Toque de Bola


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


19 jan 2018
Futebol do Baeta apresenta Comissão Técnica para Módulo 2 e admite que está atrasado

18 jan 2018
Próximo adversário do Tupi, Uberlândia perde em casa. Veja como começou o Estadual

18 jan 2018
Tem de 12 a 16 anos e quer jogar basquete? Sexta é dia de cesta! Olha esse convite da Faefid-UFJF

17 jan 2018
“Barraco” no Poço Rico! Eleições do Tupynambás viram caso de polícia

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse