23 ago 2012

UFJF reage e vence UTC por 3 a 1, de virada, pelo Mineiro. Sábado tem mais, em BH



Depois de um início ruim, a equipe de vôlei da UFJF reagiu e venceu o time da Faculdade Politécnica UTC, de Uberlândia por 3 sets a 1, de virada, na noite desta quinta-feira, no ginásio da Faculdade de Educação Física do Campus Universitário, parciais de 22×25, 25×23, 25×22 e 25×12. Foram os três primeiros pontos da equipe juiz-forana no Campeonato Mineiro.

O treinador Maurício Bara reconheceu o mau início de jogo do time local, mas também valorizou o resultado: “No primeiro set, o time jogou mal, entrou não rodando a bola, e quem não roda a bola hoje no vôlei fica difícil. Depois, tivemos tranquilidade. É a segunda vez na história que ganhamos do Uberlândia, não é um adversário fácil”. O treinador admite a irregularidade na atuação da equipe, mas considera de certa forma normal, “porque foi o nosso sétimo jogo na temporada”, lembrou, referindo-se aos dois amistosos contra Botafogo, do Rio, mais dois contra o Vivo Minas, e as duas primeiras partidas do Mineiro, ambas diante do forte Sada Cruzeiro.

Um ponto é destacado por Maurício sobre a instabilidade da atuação da UFJF nesta quinta: “Ainda não achamos a formação ideal”, afirma. E o “encaixe” do jogo no terceiro e, principalmente no quarto set, significa que a formação do final do jogo é a melhor no momento? “Vamos analisar. É importante, por exemplo, ter o Wanderson, um jogador experiente, jogando bem como hoje, precisamos dele”.

A formação que iniciou o terceiro parcial pela UFJF contou com Gelinski, Paes, Victor Hugo, Aureliano, Wanderson e Clinty. Japa entrou já na metade do set e fez pontos importantes. No segundo set, o destaque nos momentos de fechar o set ficou com Wanderson.

Com os três pontos, a Comissão Técnica projeta a partida deste sábado, contra o Olympico, como decisiva: “Mais uma vitória de três pontos, e ficamos no páreo”, antecipa o treinador.

Wanderson concordou que a partida desta quinta foi a sua melhor atuação na temporada. “Acredito que sim, é a sequência do trabalho, a cada dia cresce mais, vamos ganhando confiança e entrosamento. Sobre as nossas chances no Mineiro, prefiro pensar jogo a jogo, então agora é pensar em vencer o próximo”, afirmou ao Toque de Bola.

Japa, substituído logo no primeiro set, quando o placar era de 13×17, favorável ao UTC, voltou no terceiro parcial, quando a UFJF perdia por 11 a 15, e fez pontos fundamentais na reação até 25×22, mas demonstrou estar chateado por ter sido sacado do time. “Ninguém gosta de sair, mas vacilei um pouco, o treinador optou por me tirar, paciência”, afirmou, depois do jogo, em direção ao vestiário, parecendo não querer se estender muito nas palavras. Japa destacou, porém, que foi importante o grupo continuar firme depois de um início ruim de partida, contribuindo para que ele também fizesse pontos importantes quando voltou à quadra, já no terceiro set.

O supervisor da equipe, Heglison Toledo, acredita que o início de temporada da equipe está de acordo com o planejamento traçado. “Acho que o time está evoluindo, esperamos chegar nas finais do Campeonato Mineiro já com o grupo bastante competitivo. Enfrentamos duas pedreiras logo de cara, as duas partidas contra o Sada Cruzeiro, e não podemos desperdiçar as oportunidades. Hoje, por exemplo, foi fundamental termos feito os três pontos (se o UTC vencesse mais um set na partida desta quinta, por exemplo, a UFJF somaria dois, e não três pontos na classificação). As oportunidades que aparecem não devem ser desperdiçadas. Isso é que deve ser lembrado para o grupo”.

O placar da partida foi equilibrado nos três primeiros parciais, com as duas equipes oscilando muito, e apresentando alguns erros primários. Somente no quarto parcial, o jogo da Federal “encaixou” e as vantagens foram amplas desde o início. A UFJF abriu 10×3, 15×5 e 22×7, quando relaxou um pouco antes de fechar em 25 a 12.

A delegação segue às 8h desta sexta-feira para Belo Horizonte, e treina na capital na sexta e inclusive na manhã de sábado, 25, data do jogo diante do Olympico, às 18h.


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


19 out 2017
Oficial: Tupi informa que treinador Aílton Ferraz não fica no clube

19 out 2017
Copa Toque de Bola de Futsal: Academia destaca “movimento esportivo” gerado pela competição

19 out 2017
Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador: resultados e próximos jogos

18 out 2017
Faefid-UFJF recebe nota máxima em avaliação, foca em “atuar com pessoas” e vê trabalho dobrado

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.