12 jun 2012

Thomás cita Zico como exemplo na volta aos profissionais do Fla



A entrevista concedida pelo pai de Thomás ao Toque de Bola, quando a revelação voltou ao time de juniores do Flamengo, estava certa.

 Clique aqui para lembrar como foi a entrevista do pai de Thomás ao Toque de Bola 

O talento juiz-forano foi reintegrado aos profissionais do clube rubro-negra nesta terça-feira, 12.

Veja, abaixo matéria publicada no site Globoesporte.com:

De volta ao elenco de cima, Thomás cita Zico e afirma: ‘Revi meus erros’

Discurso pé no chão e Zico como exemplo. Pouco mais de um mês depois de ser devolvido ao time de juniores do Flamengo e pensar até em deixar o clube, Thomás teve uma conversa com o diretor de futebol, Zinho, e voltou ao grupo principal. Agora, o garoto de 19 anos diz ter encarado o retorno para a base como lei natural do processo.

– Fico feliz de ser reintegrado, de me trazerem de volta. Espero agarrar essa oportunidade com muita vontade e ajudar o Flamengo. Acho que é a lei natural, muitos jogadores já desceram para os juniores para ganhar mais experiência. Tive que rever o que estava fazendo de certo e errado. Conversei bastante com Joel e Zinho. Volto mais preparado. O Zico é um dos maiores ídolos do Flamengo e do mundo, e só foi se firmar com 20, 21 anos. O próprio Zinho foi assim – disse Thomás, de volta à rotina de conceder entrevistas para um batalhão de jornalistas.

Em recente entrevista ao GLOBOESPORTE.COM, Zinho comentou sobre os garotos da base do Flamengo.

– Dei palestra para infantil, juvenil, juniores. Em 1985, fui para o profissional, treinei e não joguei um jogo. Treinava e voltava para os juniores. Em 1986, fui campeão carioca pelo profissional, voltei e fui campeão da Taça BH pelos juniores. É o processo. Vai no profissional, vê o ambiente, joga um jogo e volta. É uma preparação. Os jogadores têm que entender isso. O garoto já é badalado como se fosse um profissional consagrado. E, às vezes, esse garoto pensa que já é. É uma crítica construtiva – afirmou o diretor, sem citar um caso específico.

Há cinco anos no clube, Thomás mostra que entendeu o recado.

– No primeiro momento, você pode ficar chateado por ter descido (para os juniores), mas ouvi bastante, acredito que foi para o meu bem, eles gostam de mim e por isso fizeram essa escolha. Revi meus erros para consertar – disse Thomás.

O garoto revelado na Gávea ainda comentou sobre o número 10, que está reservado para um novo reforço:

– Já joguei com alguns números, seria um prazer vestir a 10, mas o importante é estar no grupo e poder jogar. Vou jogar feliz com a camisa que me derem – garantiu o meia, que treina com a camisa 20.

Thomás já fez três renovações de contrato, sendo a última até 2016. O jogador estreou no time profissional no empate em 1 a 1 com o Ceará, em julho do ano passado, em jogo válido pelo Brasileirão. Com Vanderlei Luxemburgo, chegou a ser titular e começou quatro dos nove jogos que disputou. Em 2012, o meia jogou oito vezes, mas teve poucas chances com Joel Santana.

Aos 19 anos, Thomás volta ao time profissional após a conquista do Torneio Internacional 8 Nações, na África do Sul, com a Seleção Brasileira sub-20. Ele foi o camisa 10 da equipe do técnico Ney Franco.

Filho de Bebeto também promovido

O bonde da garotada invadiu o treino do Flamengo. Na manhã desta terça-feira, Thomás, Adryan, Mattheus, Frauches e Cesar foram integrados ao elenco do profissional depois de um período de observações no juniores. Como a categoria só voltará a disputar uma competição em agosto – Taça BH de juniores – o quinteto ficará à disposição de Joel Santana. Os jogadores realizaram treino físico na caixa de areia da Gávea e suaram a camisa na nova “praia” rubro-negra. A presidente Patricia Amorim acompanhou parte da movimentação ao lado de Joel Santana.

Todos os garotos já têm nomes e números nas costas. Adryan é o 37, Thomás, o 20, Mattheus (filho de Bebeto) veste a 43, e Frauches, a 29.

 Texto principal e foto: globoesporte.com/reprodução


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


19 jan 2018
Futebol do Baeta apresenta Comissão Técnica para Módulo 2 e admite que está atrasado

18 jan 2018
Próximo adversário do Tupi, Uberlândia perde em casa. Veja como começou o Estadual

18 jan 2018
Tem de 12 a 16 anos e quer jogar basquete? Sexta é dia de cesta! Olha esse convite da Faefid-UFJF

17 jan 2018
“Barraco” no Poço Rico! Eleições do Tupynambás viram caso de polícia

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse