13 mar 2012

Veja como foi UFJF x Minas. E já saiu tabela dos playoffs da Superliga Masculina



Juiz de Fora (MG), 13 de março de 2012

Em seu último jogo pela Superliga, a UFJF proporcionou para a sua torcida Federal uma grande festa, com direito a sorteios, show, vídeos e homenagens, sobretudo para as mulheres. O jogo aconteceu na Arena Eu Sou UFJF na tarde deste sábado (10) e mais uma vez contou com ginásio cheio, com mais de mil pessoas. Nessa grande festa, o resultado não diminuiu a felicidade da torcida, que contou com a presença do reitor da UFJF, Henrique Duque. Os jogadores vestiram um outro “uniforme” na hora do hino nacional: uma camisa escrita “Obrigado Torcida UFJF”. A torcida retribuiu levantando centenas de cartazes.

Clique, abaixo, para ver as estatísticas de UFJF x Minas (fonte: CBV)

UFJF x Minas 10032012 – Estatística CBV

Veja, abaixo, a classificação da Superliga após o encerramento do returno (Volta Redonda terminou uma posição a frente de Montes Claros, estas duas equipes foram adversárias diretas da UFJF na disputa por uma melhor colocação)

Superliga – classificação – 10032012 (site CBV)

Durante o aquecimento, a cantora Sandra Portela e a bateria da Juventude Imperial cantaram os melhores sambas, levantando a Arena e empolgando todos. Além disso, foram transmitidos depoimentos de torcedores, que destacaram o porquê da paixão pelo time. No final da partida os torcedores foram surpreendidos por um vídeo contando a trajetória do primeiro time de uma universidade pública a participar da Superliga.

O reitor Henrique Duque afirmou que o projeto irá continuar e será aperfeiçoado: “O resultado foi muito positivo e superou as expectativas. Posso afirmar que tivemos uma vitória no nosso projeto que objetivava ser um laboratório para a Faculdade de Educação Física e ser multidisciplinar. O time da UFJF renasceu o espírito do vôlei na cidade. A vibração da torcida comprova isso. Vamos levar o projeto em frente e aperfeiçoar”.

O levantador Danilo Gelinski ressaltou que a torcida fez a diferença: “A nossa trajetória foi boa e a torcida correspondeu, fazendo a diferença. Foi o primeiro ano e foi um time formado às pressas, mesmo assim conseguimos uma base boa e fazer bons jogos no final”. O técnico Maurício Bara destacou a emoção de ter participado da Superliga: “O sentimento ao final da Superliga é bom por ter colocado a UFJF no cenário nacional, mas ficamos com a sensação de que podemos fazer mais”.

   O Jogo

A UFJF entrou em quadra com Clinty, Hage, Baroni, Gelinski, Diego, Sequela e Caporal de líbero. Silvio, Brasília e Tatinho também entraram no jogo. Mesmo com a derrota por 20×25, a UFJF tentou manter o jogo equilibrado, mas o saque forte do adversário e o ataque de meio de rede, contribuíram para o Vivo/Minas abrir vantagem.

No segundo set a torcida “empurrou” o time. O caldeirão ficou pequeno para a torcida que cantou “vamos virar time”, sem parar, em impressionantes sete minutos. Foi essa garra da torcida que os jogadores sentiram na quadra e os pontos começaram a vir um atrás do outro e o time do Minas sentiu a pressão. Foi assim, com garra e bloqueio triplo, que a UFJF encostou no placar 13X14. O ataque do capitão Clinty empatou o placar 15X15. O apoio da torcida foi o grande jogador desse set, que terminou em 25X23 para o Minas.

A UFJF abriu o placar do terceiro set com contra-ataque do central Silvio. Apesar de abrir dois pontos de vantagem logo no início, o time da Federal se perdeu um pouco dentro de quadra e o Minas abriu cinco pontos de vantagem (6X11). Maurício Bara pediu tempo para ajustar os erros da equipe. A UFJF conseguiu encostar no placar com Clinty (13X14). A partir daí o jogo seguiu disputado até o final, fechando em 25X22 para o Minas. Samuel, do Vivo/Minas, ganhou o troféu Viva Vôlei, que foi entregue pelo reitor Henrique Duque.

Vôlei UFJF  –  Patrocinador: Camilo dos Santos.

Apoio: Gsport, Ortra, Cesama e Victory Suítes.

Veja os próximos confrontos da Superliga

A Unidade Técnica do Vôlei de Quadra da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) divulgou, nesta SEGUNDA-FEIRA (12.03), a tabela oficial das quartas-de-final da Superliga masculina de vôlei 11/12. A fase decisiva terá início na próxima SEXTA-FEIRA (16.03) e todos os confrontos do play-off terão transmissão ao vivo do canal Sportv.

A sexta-feira terá apenas uma partida, às 21h, entre Sada Cruzeiro (MG), primeiro colocado na fase classificatória, e BMG/São Bernardo (SP), oitavo. O confronto será no ginásio do Riacho, em Contagem (MG). O segundo jogo entre as equipes mineira e paulista será no dia 23 de março, às 18h45, no ginásio Poliesportivo, em São Bernardo do Campo (SP). Se necessário, a terceira partida será realizada novamente em Minas Gerais, no dia 31 de março, às 10h30.

No cruzamento do segundo com o sétimo, duelarão Sesi-SP e RJX (RJ). O primeiro encontro será no domingo (18.03), às 12h, na Vila Leopoldina, em São Paulo (SP). Depois, o atual campeão da Superliga irá ao Rio de Janeiro encarar o RJX no dia 24 de março, às 12h. Se a série empatar, o terceiro e decisivo jogo será no dia 31 de março, às 21h, em São Paulo.

O Vôlei Futuro (SP), terceiro colocado na fase de classificação, terá a Medley/Campinas (SP), que terminou em sexto, como adversário. Os confrontos irão acontecer no domingo (18.03), às 21h30, no Plácido Rocha, em Araçatuba (SP), casa do Vôlei Futuro, e no dia 24 de março, às 21h30, no Taquaral, em Campinas (SP). Se preciso, a terceira partida será novamente em Araçatuba, no dia 31 de março, às 13h15.

E no confronto entre quarto e quinto lugares, Cimed/SKY (SC) e Vivo/Minas (MG) começam a definir a vaga nas semifinais no sábado (17.03), às 21h30, no ginásio Capoeirão, em Florianópolis (SC). Na segunda rodada, as equipes jogarão na Arena Vivo, em Belo Horizonte (MG), no dia 23 de março, às 21h. E o terceiro confronto, se necessário, acontecerá no dia 30 de março, às 21h, de novo na casa da Cimed/SKY.

 SUPERLIGA MASCULINA 11/12 – QUARTAS-DE-FINAL

 PRIMEIRA RODADA

16.03 (SEXTA-FEIRA) – Sada Cruzeiro x BMG/São Bernardo, às 21h, no Riacho, em Contagem (MG) SPORTV

17.03 (SÁBADO) – Cimed/SKY x Vivo/Minas, às 21h30, no Capoeirão, em Florianópolis (SC) SPORTV

18.03 (DOMINGO) – Sesi-SP x RJX, às 12h, na Vila Leopoldina, em São Paulo (SP) SPORTV

18.03 (DOMINGO) – Vôlei Futuro x Medley/Campinas, às 21h30, no Plácido Rocha, em Araçatuba (SP) SPORTV

 SEGUNDA RODADA

23.03 (SEXTA-FEIRA) – BMG/São Bernardo x Sada Cruzeiro, às 18h45, no Poliesportivo, em São Bernardo (SP) SPORTV

23.03 (SEXTA-FEIRA) – Vivo/Minas x Cimed/SKY, às 21h, na Arena Vivo, em Belo Horizonte (MG) SPORTV

24.03 (SÁBADO) – RJX x Sesi-SP, às 12h, no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro (RJ) SPORTV

24.03 (SÁBADO) – Medley/Campinas x Vôlei Futuro, às 21h30, no Taquaral, em Campinas (SP) SPORTV

 TERCEIRA RODADA (SE NECESSÁRIO)

30.03 (SEXTA-FEIRA) – Cimed/SKY x Vivo/Minas, às 21h, no Capoeirão, em Florianópolis (SC) SPORTV

31.03 (SÁBADO) – Sada Cruzeiro x BMG/São Bernardo, às 10h30, no Riacho, em Contagem (MG) SPORTV

31.03 (SÁBADO) – Vôlei Futuro x Medley/Campinas, às 13h15, no Plácido Rocha, em Araçatuba (SP) SPORTV

31.03 (SÁBADO) – Sesi-SP x RJX, às 21h, na Vila Leopoldina, em São Paulo (SP) SPORTV

 Saiba como terminou a fase de classificação

A décima primeira e última rodada da fase classificatória da Superliga masculina de vôlei 11/12 definiu os cruzamentos das séries melhor de três partidas das quartas-de-final. O Sada Cruzeiro (MG) entrou em quadra com a primeira posição já garantida e acabou superado pelo Sesi-SP. O time paulistano venceu por 3 sets a 0 (31/29, 25/23 e 25/21), em 1h22 de jogo, na Vila Leopoldina, em São Paulo (SP).

Mesmo assim, como foi o primeiro colocado, o Sada Cruzeiro (MG) enfrentará o BMG/São Bernardo (SP), oitavo, na fase em que as equipes buscam uma vaga nas semifinais. No confronto do segundo contra o sétimo, a série será entre Sesi-SP e RJX (RJ). Terceiro colocado na fase de classificação, o Vôlei Futuro (SP) terá a Medley/Campinas (SP), sexta colocada, pela frente. E a Cimed/SKY, que ficou em quarto lugar, enfrentará o Vivo/Minas (MG), quinto colocado.

Na partida que envolveu os dois primeiros colocados, o levantador do Sesi-SP, Sandro, teve atuação de destaque, foi eleito o melhor da partida e saiu de quadra com o Troféu VivaVôlei em mãos. Já o cubano Sanchez, da equipe mineira, foi bem acionado e terminou o jogo como o maior pontuador, com 16 acertos.

Em uma posição confortável na tabela, o Sada Cruzeiro poupou os ponteiros Maurício e Filipe, utilizando Sanchez e Lucas Loh, além dos centrais Douglas e Acácio, colocando em quadra Rogério e Lucão. Já o Sesi-SP não contou com o meio de rede Sidão, poupado com uma lesão na panturrilha, e escalou Tiago Barth.

Após a partida, o capitão do Sesi-SP, Murilo, falou sobre a importância da vitória conquistada nesta tarde. “Para eles, o resultado não mudava nada na classificação e acho que fizeram certo em descansar alguns jogadores. Mas jogaram bem, dificultaram para o nosso lado e, por isso mesmo, essa foi uma vitória muito importante. Vamos para o play-off com um ânimo ainda maior”, disse Murilo.

O levantador do Sada Cruzeiro, William Arjona, também saiu de quadra satisfeito. “Foi bacana ver essa moçada enfrentando um time como o Sesi-SP de igual para igual e encarando todo mundo de frente. Fiquei feliz”, afirmou Arjona.

EQUIPES

SESI-SP – Sandro, Wallace, Léo Mineiro, Murilo, Tiago Barth e Rodrigão. Líbero: Serginho

Técnico – Giovane Gavio

Entraram: Jotinha e Juninho

SADA CRUZEIRO – William, Wallace, Sanchez, Lucas Loh, Rogério e Lucão. Líbero: Kachel

Técnico – Marcelo Mendez

Entraram: Rafael e Daniel

 SUPERLIGA MASCULINA 11/12 – DÉCIMA PRIMEIRA (última) RODADA DO RETURNO

10.03 (SÁBADO) – RJX 3 x 2 Medley/Campinas (25/21, 19/25, 22/25, 25/20 e 15/11), em 2h05, no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro (RJ)

MAIOR PONTUADOR – Dante (RJX), com 22 pontos

TROFÉU VIVAVÔLEI – Dante (RJX)

10.03 (SÁBADO) – Londrina/Sercomtel 3 x 0 BMG/Montes Claros (25/20, 25/22 e 25/22), em 1h24, no Moringão, em Londrina (PR)

MAIOR PONTUADOR – Caio (Londrina/Sercomtel), com 20 pontos

TROFÉU VIVAVÔLEI – Benedito (Londrina/Sercomtel)

10.03 (SÁBADO) – BMG/São Bernardo 2 x 3 Cimed/SKY (13/25, 25/22, 25/22, 23/25 e 13/15), em 2h13, no Poliesportivo, em São Bernardo (SP)

MAIOR PONTUADOR – Rivaldo (Cimed/SKY), com 20 pontos

TROFÉU VIVAVÔLEI – Léo (Cimed/SKY)

 

10.03 (SÁBADO) – UFJF 0 x 3 Vivo/Minas (20/25, 23/25 e 22/25), em 1h32, no Tupinambás Futebol Clube, em Juiz de Fora (MG)

MAIOR PONTUADOR – Clinty (UFJF), com 16 pontos

TROFÉU VIVAVÔLEI – Samuel (Vivo/Minas)

 

10.03 (SÁBADO) – Volta Redonda 0 x 3 Vôlei Futuro (21/25, 20/25 e 19/25), em 1h20, na Ilha São João, em Volta Redonda (RJ)

MAIOR PONTUADOR – Lorena (Vôlei Futuro), com 16 pontos

TROFÉU VIVAVÔLEI – Dentinho (Vôlei Futuro)

 

10.03 (SÁBADO) – Sesi-SP 3 x 0 Sada Cruzeiro (31/29, 25/23 e 25/21), em 1h22, na Vila Leopoldina, em São Paulo (SP)

MAIOR PONTUADOR – Sanchez (Sada Cruzeiro), com 16 pontos

TROFÉU VIVAVÔLEI – Sandro (Sesi-SP)

 

Benedito Bruno, do Londrina/Sercomtel, é o melhor da rodada

Em meio a expectativas pela definição dos cruzamentos das quartas-de-final, a última rodada da fase classificatória da Superliga masculina de vôlei 11/12 apresentou um jovem atleta como destaque. Com 21 anos, o ponteiro Benedito Bruno foi eficiente na vitória do Londrina/Sercomtel (PR) sobre o BMG/Montes Claros (MG), por 3 sets a 0, marcou 13 pontos e foi o melhor jogador no bloqueio e, ainda, o melhor da rodada.

O Londrina/Sercomtel ainda teve o oposto Caio como melhor jogador no ataque. O BMG/Montes Claros foi superado, mas teve o central Salsa na lista dos melhores da rodada. O jogador foi o mais eficiente no saque.

Já o ponteiro Dante colaborou na vitória do RJX (RJ) sobre a Medley/Campinas (SP), por 3 sets a 2, e, com 22 pontos, foi o jogador que mais pontuou em toda a rodada.

A Cimed/SKY (SC) também precisou de cinco sets para derrotar o BMG/São Bernardo (SP) e contou com bom desempenho do oposto Rivaldo na defesa.

E no confronto entre Sesi-SP e Sada Cruzeiro (MG), o time paulista levou a melhor, venceu por 3 sets a 0, e teve o levantador Sandro considerado o melhor entre os jogadores da sua posição. E outro jovem se destacou nessa partida. O líbero Guilherme Kachel, de 20 anos, substitui Serginho e teve a melhor recepção e também foi o melhor da sua posição.

MELHOR JOGADOR: Benedito Bruno (Londrina/Sercomtel) – primeiro no bloqueio, terceiro no ataque e nono na recepção

MAIOR PONTUADOR: Dante (RJX), com 22 pontos

MELHORES

Ataque: Caio (Londrina/Sercomtel)

Bloqueio: Benedito Bruno (Londrina/Sercomtel)

Saque: Salsa (BMG/Montes Claros)

Defesa: Rivaldo (Cimed/SKY)

Levantamento: Sandro (Sesi-SP)

Recepção: Kachel (Sada Cruzeiro)

Líbero: Kachel (Sada Cruzeiro)

Texto com informações de ETC Comunicação e site da CBV

Foto: Toque de Bola


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

16 nov 2017
Saiu a tabela! Tupi encara Cruzeiro e América fora de casa logo no início do Campeonato Mineiro

16 nov 2017
Intercolegiais: professor Tidinho comemora brilho do Jesuítas no vôlei. Veja fotos e nomes de todos campeões

14 nov 2017
Goleiro-artilheiro Edson tem domingo único e Passo da Pátria é campeão da zona rural da Copa Prefeitura Bahamas

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.