22 dez 2011

UFJF perde por 3 sets a 0 e torcedor questiona arbitragem. Veja tudo em nosso canal de TV



Juiz de Fora (MG), 24 de dezembro de 2011

A UFJF perdeu por 3 sets a 0 para o RJX pela quinta rodada da Superliga Masculina. Os parciais foram de 25/18 28/26 e 25/21. Os torcedores que lotaram o ginásio da Faefid reclamaram muito da arbitragem. A equipe local reagiu no final do segundo set e quase virou placar contra de 24/21. No terceiro a UFJF chegou a abrir 8/3 e 15/11 mas o forte elenco da RJX prevaleceu nos momentos decisivos.

O Toque de Bola acompanhou a partida e após o jogo e fez entrevistas com Maurício Bara, Clinty, Folle, Dante e registrou o reencontro de Marlon com seu ídolo no vôlei, o juiz-forano José. Eduardo Bara.  Fique ligado no canal de TV do Toque de Bola e veja as imagens do jogo e as entrevistas.

A UFJF começou a partida com Clinty, Daniel Brasília, Folle, Juliano, Leo Rodrigues, Jardel e Digão. O Rjx foi escalado com Alan, Fipe, Marlon, Teo, Ualas, Lucao e Dante. O primeiro árbitro foi Luiz Henrique Coutinho de Oliveira e o segundo, Henrique Moreira de Toledo Salles.

A Superliga retorna às atividades no dia 07 de janeiro, sábado, quando a UFJF enfrenta o BMG/São Bernardo, às 19h, em Juiz de Fora.

Veja matéria enviada pela assessoria do vôlei da UFJF:

  Derrota para RJX não abala ano vitorioso da UFJF (eEm dez competições, equipe vai à final em nove, com cinco títulos)

A equipe de vôlei da UFJF enfrentou o RJX na noite desta quinta-feira (22), no ginásio da Faefid, e contou com amplo apoio da torcida. A equipe perdeu por 3X0, com parciais de 25X18/28X26/25X21. Apesar da derrota, que contou com inúmeras marcações polêmicas da arbitragem, revoltando o público presente, a UFJF mostrou sua evolução na Superliga, encerrando 2011 com uma vitória e quatro derrotas na competição.

Mais que isso, o ano comprovou que o time pode enfrentar de igual para igual qualquer adversário. Além da participação histórica na elite do vôlei nacional, a UFJF jogou outros 10 torneios, chegando à final em nove deles e conquistando cinco títulos. O reconhecimento da torcida de Juiz de Fora veio através de lotação esgotada no ginásio em todos os jogos da Superliga. A equipe volta a jogar no dia 07 de janeiro, contra o BMG/São Bernardo, novamente na cidade.

O técnico Maurício Bara lamentou a derrota: “Hoje ficou um gosto meio amargo porque o time jogou muito bem e reagiu muito bem. A equipe está crescendo e vamos ter força para as próximas partidas”. Gustavo Folle foi um dos que mais se destacou na partida pelos fortes bloqueios. “O bloqueio é o ponto forte da nossa equipe e temos que trabalhar isso”, afirmou. O ponteiro Clinty teve atuação decisiva, fazendo 14 pontos na partida, o maior pontuador da equipe: “Temos feito bons jogos, mas precisamos de mais tranqüilidade. Batalhamos e tivemos a oportunidade de vencer em alguns sets. Contamos com a ajuda do torcedor que está nos acompanhando desde o início”.

 O jogo

UFJF começou a partida com Clinty, Brasília, Folle, Léo, Digão, Jardel e o líbero Juliano. Clinty foi o que mais pontuou no set, fazendo cinco pontos, sendo três de ataque, um de contra ataque e um de saque. O RJX, no entanto, soube jogar nos erros da equipe da casa, controlando a partida desde o início. O set terminou 25X18 para o time carioca, com 26 minutos de partida.

O segundo set foi o mais emocionante do jogo, com cada ponto a partir do 21º ponto disputado entre os times. Depois de chegar à reta final em desvantagem de 24 x 21, a UFJF conseguiu uma grande recuperação, empatando em 24×24 e incendiando a torcida. As equipes foram confirmando os seus ataques até o RJX fechar em 28×26.

A UFJF conseguiu abrir cinco pontos de vantagem no início do terceiro set, com dois bloqueios seguidos de Jardel. No seu melhor momento no jogo, os juiz-foranos chegaram a abrir 8×3. Na segunda parada técnica, o placar também estava a favor da UFJF, em 16×14. A partida ficou equilibrada até o placar de 20×20, quando – pela primeira vez no set – o RJX virou e acabou vencendo por 25X21 (3×0).

Vôlei UFJF – Patrocinador: Camilo dos Santos

Apoio: Ortra, Pré-universitário, Cesama, GSport e Victory Suites

Texto e informações: assessoria vôlei UFJF

Foto: ETC

 

 


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


23 out 2017
Primeiro árbitro de vídeo da Libertadores será brasileiro. Vangasse explica as 4 situações em que ele pode atuar

23 out 2017
Leozinho reaparece na seleção da rodada. Próximo adversário do JF Vôlei tem pedido de desculpas ao torcedor

23 out 2017
Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador: resultados e próximos jogos

19 out 2017
Oficial: Tupi informa que treinador Aílton Ferraz não fica no clube

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.