02 jun 2011

Tupynambás desiste de participar da Segunda Divisão



Juiz de Fora (MG), 2 de junho de 2011

  Pelo menos no quesito futebol profissional, o centenário do Tupynambás Futebol Clibe vai passar em branco. O presidente do clube, Luiz Carlos Campos, anunciou, na noite desta quinta-feira, 2, que o Baeta não vai disputar a Segunda Divisão do futebol mineiro. “Sem garantias, e sem estar formando uma equipe realmente forte, digna do centenário, preferimos não participar”, explicou o presidente. Luiz Carlos Campos disse que o clube não se sentiu amparado a disputar uma competição de custos altos sem a estrutura que considera necessária. “Se fosse para entrar, teria que ser com uma estrutura boa e com garantias, não foi o caso”, justificou.
Um dos diretores de futebol do clube, Jorge Bug, que mais cedo disse ao blog que as chances eram de 50%, ficou desapontado com a posição da presidência do baeta. “Colocamos na reunião os patrocinadores que conseguimos, e como seria o trabalho, mas já que houve um não, então a posição já foi tomada. Já houve um desgaste muito grande para chegar até aqui e agora, nesta sexta-feira, vou a cada um dos patrocinadores agradecer o incentivo e comunicar que o clube não vai mais disputar a competição”, revelou.
Com a posição oficial do Baeta, que informa já ter comunicado a decisão por e-mail à Federação Mineira, Juiz de Fora não terá representantes na Segunda Divisão, uma vez que o Sport também anunciou, no início da semana, que não encontrou parcerias que viabilizassem sua participação na segundona de Minas.
  O Tupynambás Futebol Clube, o Leão do Poço Rico, vai completar 100 anos de fundação no próximo dia 15 de agosto. No início da temporada, o clube reuniu a imprensa para anunciar que o departamento de futebol seria comandado pelo trio Nando Ozório, Jorge Bug e Zé Luís. O clube disse também que disputaria os estaduais infantil, juvenil e júnior, e teria boas chances de disputar a Segunda Divisão.
Em meio à disputa do Estadual Júnior, Nando anunciou que o clube teria atraído um investidor de peso, mas que este investidor não gostaria da permanência de Zé Luís no comando da equipe júnior, o que provocou o afastamento do ex-goleiro e treinador do Tupi do cargo. As três equipes de base do Baeta não se classificaram para a segunda fase do Estadual, e o blog recebeu informações que a estrutura de trabalho era bastante precária para os atletas.
Antes de anunciar, nesta quinta, a desistência, o clube havia informado que pelo menos quatro jogadores da campanha do Estadual Júnior poderiam ser aproveitados no grupo de profissionais. Agora, vai ficar tudo para uma outra oportunidade.


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


24 nov 2017
Com vídeos! Sucesso dentro e fora da quadra, Copa Toque de Bola de Futsal promete emoção na reta final

22 nov 2017
Basquete dos Intercolegiais: conheça todos os atletas campeões e veja as avaliações dos professores

22 nov 2017
JF Vôlei receita “foco e determinação” para buscar reação contra dois adversários diretos na pontuação

20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.