26 jun 2011

11 contra 11 ou XV contra 15? Começa a decisão da Panorama



Laranjal (MG), 26 de junho de 2011

XV de Novembro, em algarismos romanos, de Laranjal? Ou 15 de Novembro, de Rio Novo? Quem vai levar a melhor nas finais da Copa Panorama de Futebol Regional? A pergunta começa a ser respondida neste domingo, 26, às 14h30, quando as duas equipes se enfrentam na primeira partida da decisão, no Estádio Serafim Machado Naya, em Laranjal, que certamente estará lotado. O jogo de volta será domingo, dia 3, em Rio Novo, no mesmo horário.

A equipe da casa vem embalada. Nas semifinais, superou um dos favoritos ao título, o Ribeiro Junqueira. Perdeu o primeiro jogo, em Leopoldina, por 2 a 1, mas em Laranjal, no último domingo, 19, conseguiu a dupla vitória, no tempo regulamentar – 2 a 0 – e nos pênaltis – 4 a 2, conquistando a vaga para buscar o título.

Na campanha, a primeira fase do XV em algarismos romanos indica uma derrota dura logo na estreia – 4 a 1 para o RJ – e depois a recuperação com vitórias por 1 a 0 sobre Miraí, 3 a 0 e 2 a 0 sobre Operário, de Muriaé, o “troco” no Ribeiro (3 a 1) e uma derrota na rodada final para o Miraí (2 a 1), quando já estava classificado.

Nas quartas-de-final, empatou, fora de casa, com o Itararé, de Tocantins, para depois vencê-lo por 3 a 2. E nas semifinais, tomou do Ribeiro o favoritismo.  O treinador do time de Laranjal é Merica, ex-jogador do Tupi.

Já o 15 de Novembro de Rio Novo orgulha-se de chegar às finais invicto e de possuir, segundo garantem dirigentes e torcedores, o maior número de jogadores da própria cidade e região entre todos os que disputaram a competição. Nas semifinais, foram duas vitórias sobre o Pombense, atual campeão da Copa Panorama: 2 a 1 em Rio Novo e 1 a 0 em Rio Pomba.

Na primeira fase, o 15 empatou as duas primeiras partidas, diante de Antônio Benfica e Pombense, ambas por 1 a 1, só deslanchando na terceira partida, ao golear por 6 a 3 o Chacarense. No returno, outro “castigo” no Chacarense (7 a 0), vitória magra (1 a o) diante do Antônio Benfica, e empate em 0 a 0 contra o Pombense.

Nas quartas-de-final, o time de Rio Novo, jogando em casa, venceu o Nacional, de São João del Rei por 1 a 0, garantindo a vaga com um empate em 1 a 1 no campo do adversário. O treinador é Paulinho Pavão.

Prováveis escalações:

XV de Laranjal: Adriano; Helder, Fuscão, Fernando e Maciel; Marcel Cardoso, Marcelino, Anderson Sperin e Juninho; Reinaldo e Robinho. Técnico: Merica.

15 de Rio Novo: Mário Júnior; Lívio, Darlesson, Fernando e Tatinha; Bruno, Márcio (João Jr.), Feijão e Jéferson; Anderson Véio e Clóvis. Técnico: Paulinho Pavão.

Arbitragem: Wanderley Pires, auxiliares Wagner Zanovelli e Willian Alves.

Regulamento: o saldo de gols não é critério de desempate. Se houver um vencedor na primeira partida, este jogará pelo empate no jogo de volta. Em caso de empates nos dois jogos, independe do placar – 0 a 0 ou 3 a 3, o campeão será conhecidos nos pênaltis.

Foto: MKT Ribeiro Junqueira

 


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


21 set 2017
Tupi pode ter até quatro desfalques. Aílton receita “guerrear e batalhar demais para conseguir o objetivo”

20 set 2017
Tupi fecha treino. Fortaleza em Sampa. Marcelo apita. Ingressos, gramado, reconhecimento, recepção. Veja o diário da decisão

20 set 2017
Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador: resultados e próximos jogos

19 set 2017
Com vídeo! Evaldo anula Éder, domina, toca para os companheiros e emenda: “Tupi tem totais condições de reverter”

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.