10 abr 2011

UFJF vive dia de união entre caminhada e corrida



Paulo e Eveline Kibel levam a filha Rebecca no carrinho durante os 51 minutos de prova

Juiz de Fora (MG), 10 de abril de 2011 

Praticante de caminhada no campus, o casal Paulo e Eveline Kibel participou da 1ª Corrida e Caminhada Rústica da UFJF, neste domingo, 10, de uma forma diferente: empurrando o carrinho de bebê onde estava a filha Rebecca. “Só não trouxemos a cachorrinha, que vem com a gente durante a semana, porque minha outra filha quis ficar com ela”, disse Paulo.

Os três são exemplos da diversidade de participantes do evento, que possibilitou unir atletas de corrida e adeptos de caminhada, e gerar o recorde de inscritos em eventos do tipo nos últimos 25 anos: 1.200, dos quais 180 são da turma do passo mais moderado.

Mesmo que, segundo a organização do evento, 1.020 participantes tenham completado o percurso, a quantidade mantém-se superior e anima competidores ou simplesmente pessoas que querem um estímulo para a atividade física.

O casal com a filha fez o trajeto em pouco mais de 51 minutos e percebeu que pode ir mais rápido durante a caminhada diária. “Demos ainda uma corridinha”, completa Eveline, com a medalha no pescoço. Rebecca também ganhou uma, mas, segundo os pais, não quis usá-la.

Portador de deficiência visual, Bruno Guedes dos Santos, 21 anos, estampando sua medalha no peito, completou a corrida com tranquilidade. “A prova de hoje foi muito boa, deu um pouco de trabalho mais no final da segunda volta, quando cansei um pouco”, disse o corredor, que treina há um ano e um mês.

Ele foi acompanhado de um atleta-guia, Gilberto Roque. “Somos os olhos deles”, completa outro guia Gedair Soares, que é técnico-administrativo em educação da UFJF e tem se dedicado ao projeto como voluntário. Também servidor da instituição Rivelino Matos, da Coordenadoria de Assuntos e Registros Acadêmicos (Cdara), completou o trajeto, onde costuma treinar, em 20 minutos.

Para outros atletas, o importante não foi tanto o tempo, mas o fato de seguir até o fim. É o caso do estudante de Ciências Exatas e corredor do ranking desde 2004, Lindomar Loures, que estava sem treinar desde a última Corrida de São Silvestre, em 31 de dezembro passado. “Senti um mal-estar a partir do terceiro quilômetro, mas consegui finalizar a etapa. Participar da primeira corrida é importante para se animar para as outras”, diz. São mais oito delas e a Corrida da Fogueira (veja o calendário abaixo).

O tempo de cada participante será divulgado nesta segunda, 11.

Organização

Além do número recorde de inscritos em corridas de rua em Juiz de Fora e a participação de atletas amadores e profissionais, um dos pontos fortes da 1ª Corrida Rústica da UFJF foi a organização.

Para o segundo colocado na categoria geral masculina, Darlan Carnevali, a largada foi bem feita e, durante o trajeto, cones e militares do Exército orientavam as áreas para quem estava na primeira e na segunda volta.

A decisão de o percurso ser em direção ao pórtico Norte, do Bairro São Pedro, oposto ao tráfego usual de veículos, é também apontada por Carnevali como ponto positivo, pois permitiu que o trecho de subida fosse menos intenso.

Na Praça Cívica, equipes puderam montar tendas de apoio, houve distribuição de kits de alimentação, bebida hidropônica, água, picolé e até o auxílio de massagista. “Ela [a massagem] revitaliza e relaxa a musculatura e alivia as dores”, explica o profissional Alexandre du Valle, após aplicar a técnica na corredora Adriana Aparecida Cabral Castro, que a aprovou.

Para o secretário de Esporte e Lazer da Prefeitura de Juiz de Fora, Renato Miranda, foi importante mostrar que a primeira experiência na UFFJ foi positiva e que a organização pode ser mantida no decorrer no ranking.

Alegria

O próprio campus também foi um fator de atração, envolto de área verde e revitalizado. “A tranquilidade daqui, o ar puro e o tempo bom foram relaxantes”, diz Andriléia do Carmo, vencedora entre as mulheres. “Aqui [campus] é a nossa casa, onde treinamos. E o mais importante foi ver que a corrida foi uma festa, com a participação de bastante gente, desde crianças a senhoras”, completa o triatleta Marcos Hallack, cuja percepção é compartilhada pelo vice-prefeito de Juiz de Fora, Eduardo Freitas: “Ressaltou-me muito a alegria dos participantes”, disse.

Tornar a universidade uma “casa pública”, afinal, foi um dos objetivos da corrida e da caminhada.

“É a sociedade participando da vida universitária”, afirma o secretário-geral da UFJF, Basileu Tavares, que representou o reitor Henrique Duque, em viagem a Portugal para negociações com empresa que deseja se instalar no Parque Tecnológico.

“O campus é uma referência afetiva da cidade. Sentimos, com a corrida e a caminhada, um ambiente de solidariedade e que a universidade está realmente cumprindo sua função de instituição pública”, ressalta a secretária de Comunicação, Christina Musse.

Calendário do Ranking de Corridas de Rua

29/5: 1ª Corrida APD, Associação dos Cegos, Camilo dos Santos e Grama – 5 km

19/6: 5ª Corrida Rústica do Asfalto de Chácara – 10 km

28/8: 24ª Corrida Duque de Caxias – 10 km

11/9: 2ª Corrida Granbery/Medquímica – 6 km

9/10: 2ª Corrida da Primavera – 8 km

23/10: 1ª Corrida Instituto Cidade, Graminha e Estácio de Sá – 7 km

13/11: 1ª Corrida do Sesi – 7 km

11/12: 1ª Corrida Mercedes – Benz – 6 km

Texto: Secretaria de Comunicação da UFJF

Foto: Rafael Prado/UFJF


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


14 dez 2017
JF Vôlei recebe Corinthians-Guarulhos pela última rodada do turno. Veja panorama completo da Superliga

13 dez 2017
Confira o ranking atualizado da Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador

11 dez 2017
Copa Zico Verão Juiz de Fora: resultados e galeria de fotos

09 dez 2017
Copa Zico Verão Juiz de Fora é atração no Centro de Futebol Zico. Com novidades extra-campo!

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse