06 fev 2014

Wallyson compara emoção de gols ao nascimento do filho



Destaque da Copa Libertadores em 2011, quando foi o artilheiro da competição pelo Cruzeiro com sete gols marcados, Wallyson não apresentou o mesmo futebol desde que sofreu uma grave lesão no tornozelo esquerdo, no mesmo ano. Na partida desta quarta, 5, realizada no Maracanã, no entanto, o atacante viveu um dos momentos mais marcantes de sua vida profissional. Diante de 50 mil torcedores, o Glorioso goleou o Deportivo Quito por 4 a 0, com uma atuação brilhante de Wallyson, que marcou três gols, deixou o campo ovacionado e comparou a emoção ao dia de nascimento de seu filho.

“É um dia que vai ficar marcado pra mim, pois não é todo dia que você faz três gols no Maracanã. Vivi um dia assim no nascimento do meu filho e agora pude viver emoção semelhante. Importante até pela história que o Maracanã tem. Fico feliz de fazer parte disso”, descreveu Wallyson, sem esconder a felicidade após a noite de gala diante de 50 mil torcedores.

Depois de ficar no banco de reservas na primeira partida, quando o Botafogo foi derrotado por 1 a 0 pelo Deportivo Quito, o atacante ganhou a chance entre os titulares para dar mais mobilidade ao ataque alvinegro. Logo no primeiro tempo, já mostrou seu cartão de visitas e abriu o placar com um belo chute de perna direita, depois de aproveitar a sobra dentro da área equatoriana.

O artilheiro da Libertadores de 2011 ainda deixou sua marca duas vezes no segundo tempo, selando a classificação do Botafogo para a fase de grupos. O rendimento exemplar também rendeu elogios do treinador Eduardo Hungaro, que apostou no atacante, mesmo com poucos treinos, e espera que o desempenho de Wallyson continue assim.

“O Wallyson é um jogador que mostrou, em poucos treinos, que daria para gente uma situação diferente na linha ofensiva, mas foi um jogador que chegou depois e a gente precisava, dentro desse planejamento de dois jogos, utilizá-lo. A situação aconteceu para que ele começasse o jogo, ele teve uma bela atuação, fez três gols, então esperamos que ele continue assim”, explicou Eduardo Hungaro.

Com a ótima atuação em um início promissor pelo clube, a permanência de Wallyson é um tema que, futuramente, pode ser estudada com maiores detalhes, já que o atleta está emprestado ao Alvinegro carioca pelo Deportivo Maldonado, clube uruguaio que detém os direitos econômicos do atacante. O vínculo com o Botafogo vai até o fim do ano.

Texto com informações da ESPN

Foto: Getty Images


Voltar

Uma Resposta to “Wallyson compara emoção de gols ao nascimento do filho”

Deixe uma resposta


Mais notícias



20 out 2017

Partiu Rússia? Danilo Luiz, de Bicas, é novamente convocado para defender a seleção brasileira


20 out 2017

Mano Menezes renova contrato por dois anos com Cruzeiro


19 out 2017

CBF anuncia “dindim” do Brasileirão: campeão leva R$ 18 milhões e 16º lugar terá R$ 744 mil

Notícias


21 out 2017

Sem qualquer substituição, JF Vôlei volta a perder por 3 a 1 em Montes Claros


20 out 2017

Interdição do estádio do Baeta expõe “racha” entre dirigentes e ADJF. Eleições e cota de Danilo Luiz geram polêmica


20 out 2017

Partiu Rússia? Danilo Luiz, de Bicas, é novamente convocado para defender a seleção brasileira


20 out 2017

Com Leozinho na seleção da rodada, JF Vôlei busca vitória contra Montes Claros, que já afastou treinador


+ notícias

Toque de Bola


O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.

Desenvolvimento




Acesse

error: Conteúdo protegido.