16 out 2011

Vitória de líder



Na tarde deste domingo (16), o Timão foi a Sete Lagoas enfrentar o Cruzeiro e, mesmo com erros de arbitragem, conseguiu a vitória fora de casa. Paulinho foi o autor do gol Alvinegro. O Corinthians manteve a liderança do Campeonato Brasileiro com 54 pontos conquistados em 30 jogos.

O jogo começou truncado e com muitas faltas para ambos os lados. Aos 05 min, o Timão teve a sua primeira oportunidade de gol. Alex recebeu a bola na entrada da área e bateu para o gol. O chute não saiu com força, ficando fácil para o goleiro Fábio. Tomando mais iniciativa no jogo o Corinthians teve mais uma boa chance aos 07 min. Alex cruzou para a grande área, Liédson ganhou no alto e desviou de cabeça. A bola passou ao lado da trave direita do gol cruzeirense.

A partida ficou morna depois dos 10 min, as equipes trocavam passes no meio de campo e não levavam perigo à área adversário. O Cruzeiro foi chegar ao gol de Júlio César pela primeira vez aos 15 min. Depois de uma cobrança de escanteio a bola sobrou para Fabrício. O volante ex-Corinthians chutou forte da entra da área, a bola quicou no gramado e obrigou o camisa 1 do Alvinegro a fazer bela defesa. O time mineiro seguia perigoso. Aos 20 min, Everton cruzou para o meio da área. Keirrison chegou de carrinho, mas a bola subiu e foi para linha de fundo.

Aos 23 min saiu o primeiro cartão da partida. Ralf puxava o contra-ataque corinthiano e foi derrubado por Montillo. O volante Marquinhos Paraná protestou contra a marcação da falta e foi punido com o cartão amarelo devido a reclamação. Aos 29 min, o Timão chegou mais uma vez com perigo. Willian tabelou com Danilo e arriscou da esquerda. O goleiro do time mineiro se esticou e fez uma defesa segura.

O Corinthians seguiu atacando e teve clara chance de gol aos 32 min. Alex cobrou escanteio e Paulo André subiu mais alto que a defesa adversária e cabeceou para o gol. Fábio fez ótima defesa e mandou a bola para escanteio. Logo após, aos 35 min, Alessandro recebeu cartão amarelo. O lateral foi punido depois de fazer falta no campo de ataque corinthiano.

A última boa chance do primeiro tempo foi do Corinthians. Após chute cruzado, Liédson dividiu o rebote com Fábio. O goleiro do Cruzeiro conseguiu se recuperar e afastou a bola. Na sequência do lance Paulinho foi derrubado na área, mas o árbitro mandou o jogo seguir. A primeira etapa terminou empata em 0 a 0.

O segundo tempo começou com o Timão no ataque. Aos 02 min, Alex dominou na linha da grande área e chutou cruzado. O goleiro do time mineiro, mais uma vez, segurou a bola com firmeza. Aos 04 min, saiu o segundo cartão amarelo para o Cruzeiro e o segundo também por reclamação. Depois da marcação de um impedimento, o volante Charles esbravejou contra a arbitragem e foi punido.

Aos 08 min, depois de bela troca de passes com Liédson, Danilo recebeu a bola e girou em cima do marcador. Na hora da conclusão o meia perdeu o equilíbrio e chutou fraco nas mãos de Fábio. Em um ataque pela direita, Ramon derrubou o adversário parando o lance. O árbitro marcou a falta e mostrou o amarelo para o camisa 33 do Timão aos 13 min. O Cruzeiro teve sua primeira boa chance no segundo tempo aos 14 min com Léo. Montillo cruzou da direita, o zagueiro se antecipou aos defensores do Corinthians e cabeceou e a bola passou com perigo ao lado do gol.

O técnico Tite promoveu a sua primeira alteração aos 19 min. Edenílson entrou no lugar de Willian. No lance seguinte Paulinho fez explodir o grito de alegria da Fiel Torcida. Depois de bom contra-ataque, Alex tentou o drible, mas foi desarmado. A bola sobrou para o camisa 8, que de primeira, bateu com força no canto esquerdo de Fábio. 1 a 0 para o Timão. Logo depois o Corinthians quase ampliou o placar. Danilo cruzou para a grande área. Alex subiu livre e tentou de cabeça. A bola passou ao lado da meta cruzeirense.

Aos 25 min, Tite fez a segunda substituição no time. Sacou Ramon e em seu lugar pôs Wallace. O Corinthians seguia atacando em busca do seu segundo gol até que em um erro de arbitragem o Cruzeiro ficou perto do empate. Após a bola ser alçada na área Edenílson disputou a jogada com Élber. O juiz marcou pênalti depois do jogador do time mineiro desabar na área, mas o volante do Timão sequer encostou no adversário. Na cobrança, o meia Montillo chutou a bola nas arquibancadas do estádio. Para aumentar o erro, o árbitro ainda expulsou o técnico Tite do banco de reservas.

Antes de sair de campo, Tite ordenou a última alteração na equipe. Tirou Liédson e colocou Ramirez. Aos 42 min, o Timão ainda teve mais uma boa chance com Alex. O meia recebeu no lado esquerdo da área e bateu cruzado. A bola passou rente a trave direita do gol do Cruzeiro. O time mineiro ainda teve uma última chance de empatar a partida. Após levantamento na área, Anselmo Ramon cabeceou livre para o gol. Júlio César , bem colocado, fez ótima defesa. Wellington Paulista ainda levou amarelo depois de ter tentado agredir o goleiro corinthiano. Aos 49 min, o árbitro apitou o final do jogo e o Timão volta para São Paulo com os três pontos na bagagem.

A próxima partida do Timão será realizada no domingo (23) contra o Internacional. O jogo é válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro e será realizado às 16h, em Porto Alegre.

Texto: site oficial do Corinthians


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


22 nov 2017
Basquete dos Intercolegiais: conheça todos os atletas campeões e veja as avaliações dos professores

22 nov 2017
JF Vôlei receita “foco e determinação” para buscar reação contra dois adversários diretos na pontuação

20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.