16 out 2011

Vitória de líder



Na tarde deste domingo (16), o Timão foi a Sete Lagoas enfrentar o Cruzeiro e, mesmo com erros de arbitragem, conseguiu a vitória fora de casa. Paulinho foi o autor do gol Alvinegro. O Corinthians manteve a liderança do Campeonato Brasileiro com 54 pontos conquistados em 30 jogos.

O jogo começou truncado e com muitas faltas para ambos os lados. Aos 05 min, o Timão teve a sua primeira oportunidade de gol. Alex recebeu a bola na entrada da área e bateu para o gol. O chute não saiu com força, ficando fácil para o goleiro Fábio. Tomando mais iniciativa no jogo o Corinthians teve mais uma boa chance aos 07 min. Alex cruzou para a grande área, Liédson ganhou no alto e desviou de cabeça. A bola passou ao lado da trave direita do gol cruzeirense.

A partida ficou morna depois dos 10 min, as equipes trocavam passes no meio de campo e não levavam perigo à área adversário. O Cruzeiro foi chegar ao gol de Júlio César pela primeira vez aos 15 min. Depois de uma cobrança de escanteio a bola sobrou para Fabrício. O volante ex-Corinthians chutou forte da entra da área, a bola quicou no gramado e obrigou o camisa 1 do Alvinegro a fazer bela defesa. O time mineiro seguia perigoso. Aos 20 min, Everton cruzou para o meio da área. Keirrison chegou de carrinho, mas a bola subiu e foi para linha de fundo.

Aos 23 min saiu o primeiro cartão da partida. Ralf puxava o contra-ataque corinthiano e foi derrubado por Montillo. O volante Marquinhos Paraná protestou contra a marcação da falta e foi punido com o cartão amarelo devido a reclamação. Aos 29 min, o Timão chegou mais uma vez com perigo. Willian tabelou com Danilo e arriscou da esquerda. O goleiro do time mineiro se esticou e fez uma defesa segura.

O Corinthians seguiu atacando e teve clara chance de gol aos 32 min. Alex cobrou escanteio e Paulo André subiu mais alto que a defesa adversária e cabeceou para o gol. Fábio fez ótima defesa e mandou a bola para escanteio. Logo após, aos 35 min, Alessandro recebeu cartão amarelo. O lateral foi punido depois de fazer falta no campo de ataque corinthiano.

A última boa chance do primeiro tempo foi do Corinthians. Após chute cruzado, Liédson dividiu o rebote com Fábio. O goleiro do Cruzeiro conseguiu se recuperar e afastou a bola. Na sequência do lance Paulinho foi derrubado na área, mas o árbitro mandou o jogo seguir. A primeira etapa terminou empata em 0 a 0.

O segundo tempo começou com o Timão no ataque. Aos 02 min, Alex dominou na linha da grande área e chutou cruzado. O goleiro do time mineiro, mais uma vez, segurou a bola com firmeza. Aos 04 min, saiu o segundo cartão amarelo para o Cruzeiro e o segundo também por reclamação. Depois da marcação de um impedimento, o volante Charles esbravejou contra a arbitragem e foi punido.

Aos 08 min, depois de bela troca de passes com Liédson, Danilo recebeu a bola e girou em cima do marcador. Na hora da conclusão o meia perdeu o equilíbrio e chutou fraco nas mãos de Fábio. Em um ataque pela direita, Ramon derrubou o adversário parando o lance. O árbitro marcou a falta e mostrou o amarelo para o camisa 33 do Timão aos 13 min. O Cruzeiro teve sua primeira boa chance no segundo tempo aos 14 min com Léo. Montillo cruzou da direita, o zagueiro se antecipou aos defensores do Corinthians e cabeceou e a bola passou com perigo ao lado do gol.

O técnico Tite promoveu a sua primeira alteração aos 19 min. Edenílson entrou no lugar de Willian. No lance seguinte Paulinho fez explodir o grito de alegria da Fiel Torcida. Depois de bom contra-ataque, Alex tentou o drible, mas foi desarmado. A bola sobrou para o camisa 8, que de primeira, bateu com força no canto esquerdo de Fábio. 1 a 0 para o Timão. Logo depois o Corinthians quase ampliou o placar. Danilo cruzou para a grande área. Alex subiu livre e tentou de cabeça. A bola passou ao lado da meta cruzeirense.

Aos 25 min, Tite fez a segunda substituição no time. Sacou Ramon e em seu lugar pôs Wallace. O Corinthians seguia atacando em busca do seu segundo gol até que em um erro de arbitragem o Cruzeiro ficou perto do empate. Após a bola ser alçada na área Edenílson disputou a jogada com Élber. O juiz marcou pênalti depois do jogador do time mineiro desabar na área, mas o volante do Timão sequer encostou no adversário. Na cobrança, o meia Montillo chutou a bola nas arquibancadas do estádio. Para aumentar o erro, o árbitro ainda expulsou o técnico Tite do banco de reservas.

Antes de sair de campo, Tite ordenou a última alteração na equipe. Tirou Liédson e colocou Ramirez. Aos 42 min, o Timão ainda teve mais uma boa chance com Alex. O meia recebeu no lado esquerdo da área e bateu cruzado. A bola passou rente a trave direita do gol do Cruzeiro. O time mineiro ainda teve uma última chance de empatar a partida. Após levantamento na área, Anselmo Ramon cabeceou livre para o gol. Júlio César , bem colocado, fez ótima defesa. Wellington Paulista ainda levou amarelo depois de ter tentado agredir o goleiro corinthiano. Aos 49 min, o árbitro apitou o final do jogo e o Timão volta para São Paulo com os três pontos na bagagem.

A próxima partida do Timão será realizada no domingo (23) contra o Internacional. O jogo é válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro e será realizado às 16h, em Porto Alegre.

Texto: site oficial do Corinthians


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


22 jan 2018
Clínica com Zico no Maracanã une diferentes gerações em torno do sonho do futebol. Veja fotos

22 jan 2018
Tem de 10 a 16 anos e que jogar futebol? É levar a chuteira e conferir a agenda da semana na Faefid-UFJF

21 jan 2018
Virose no Carijó? Dirigente admite possibilidade, mas não quer usar como desculpa

19 jan 2018
Futebol do Baeta apresenta Comissão Técnica para Módulo 2 e admite que está atrasado

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse