19 set 2011

Vitória categórica e com autoridade: 3 a 1



De virada e atuando boa parte do segundo tempo com um menos, o Santos FC bateu o Corinthians por 3 a 1, neste domingo (18), e quebrou um tabu de cinco anos sem triunfos sobre o rival no Pacaembu. No confronto válido pela 24ª. rodada do Brasileirão, Henrique, Alan Kardec e Borges marcaram os gols do Peixe. Liédson fez o do adversário.

Com o resultado, além de garantir pela primeira vez na competição a terceira vitória consecutiva e o sétimo jogo de invencibilidade, o time de Muricy Ramalho saltou da 13ª. para a 11ª. posição na tabela de classificação, agora com 32 pontos. Já o Corinthians, com 45, caiu da liderança para a terceira colocação.

O próximo compromisso do Peixe acontece na quarta-feira (21), diante do América (MG). O confronto será realizado no Estádio Parque do Sabiá, em Uberlândia (MG), a partir das 20h30.

Tudo igual na primeira etapa

O Santos FC começou a partida impondo seu ritmo e se manteve no ataque durante os primeiros dez minutos. Só que aos 12, o rival abriu o placar. Alessandro penetrou pela esquerda e cruzou para a área, Léo não conseguiu cortar, Liedson dominou e mandou para as redes.

Em seguida, o Santos FC teve dois lances que por pouco não resultaram no empate. O primeiro em cabeceio de Durval, que Júlio César defendeu. E o segundo foi em mais uma tentativa de cabeça de Alan Kardec, que o goleiro rival colocou para escanteio.

Aos 23, o Corinthians voltou a assustar. Liedson recebeu na esquerda, no bico da grande área, e chutou colocado. A bola explodiu no travessão.

Sete minutos depois, o Santos FC teve outra boa oportunidade. Neymar cobrou escanteio da direita, a bola ficou na área e sobrou para Borges, que bateu em cima de Júlio César.

Com 33, Willian fez o goleiro Rafael trabalhar. O atacante adversário recebeu na esquerda, limpou Léo e mandou pelo alto. O arqueiro do Peixe se esticou todo e colocou para escanteio.

Aos 38, o Alvinegro Praiano, enfim, chegou ao empate. Neymar cobrou escanteio da esquerda, a bola passou por toda a área e Henrique chegou batendo rasteiro, no canto esquerdo de Júlio César. Foi o primeiro gol do volante com a camisa do Santos FC, que na comemoração homenageou a filha recém-nascida, Alícia.

No último minuto da primeira etapa, o Corinthians deu um susto nos santistas. Alex bateu falta em cobrança ensaiada e a bola passou ao lado do gol de Rafael.

 Soberano, Santos FC cresce e faz mais dois

A primeira chance do segundo tempo foi do Peixe, aos seis. Neymar passou por dois e lançou Alan Kardec, que ficou de frente para Júlio César. Na conclusão, o goleiro corintiano fez a defesa.

No lance seguinte, o Santos FC virou o desafio. Ala Kardec cruzou da esquerda, Borges se antecipou a Leandro Cástan e colocou para as redes. Foi 17º. gol do artilheiro do Brasileirão.

Aos 11, Alan Kardec teve nova chance. Neymar enfiou boa bola para o atacante, que tocou ao lado do gol de Júlio César.

Dez minutos depois, o Alvinegro Praiano perdeu o volante Henrique, que recebeu o segundo amarelo após cometer falta em Alex. Em seguida, Muricy Ramalho colocou Felipe Anderson na vaga de Borges. Enquanto isso, o rival entrou com Danilo no lugar de Ralf.

Com um a menos, o Santos FC apostou no contra-ataque. E a medida deu certo aos 35 minutos, quando o time santista chegou ao terceiro. Felipe Anderson lançou Alan Kardec, que invadiu a área, cruzou e Chicão desviou para a própria meta.

Com 44, o Peixe ainda teve a chance de fazer o quarto. Felipe Anderson recebeu na esquerda e viu Júlio César adiantado. Na tentativa da cobertura, a bola foi para fora. Foi o último lance de perigo do clássico.

  Texto: site oficial do Santos


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


17 fev 2018
Baeta perde na estreia do Módulo 2

17 fev 2018
Tupynambás estreia no Módulo 2 fora de casa

16 fev 2018
Com Leão ainda treinador interino, Tupi visita URT

13 fev 2018
Brilho de Léo Santana na seleção emociona JF. Veja depoimentos exclusivos

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse