01 set 2011

Sem Kleber, Valdivia, Luan e Maikon Leite, nada feito



Para o jogo desta quarta-feira (31) contra o Botafogo, o Palmeiras viajou até o Rio de Janeiro com cinco desfalques na equipe. A novidade foi a ausência do atacante Kleber, que tomou uma pancada no joelho direito e não viajou com o elenco. Além do camisa 30, o Verdão não contou com Valdivia (na seleção chilena), Maikon Leite (com uma lesão na coxa esquerda), Luan (suspenso pelo terceiro amarelo) e Marcos (poupado).

No primeiro turno do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras venceu o Botafogo por 1 a 0 com gol de Kleber e, agora, Scolari apostou suas fichas em Fernandão, que estreou diante do Corinthians e marcou o gol da vitória alviverde.

O Verdão tomou um gol logo no início da partida, o que desmotivou a equipe durante todo os 90min. Desfalcado e com o time praticamente ‘reserva’, o Palmeiras perdeu para o Botafogo por 3 a 1.

Em um confronto direto pela disputa de uma vaga no G4, o Verdão entrou em campo no esquema 4-5-1. Já o Botafogo começou pressionando no início da partida e, logo aos 3min, em cobrança de escanteio, Herrera subiu livre na área para cabecear e abrir o placar no Engenhão.

Sem desanimar na partida, o elenco palmeirense partiu para o ataque e as grandes chances saíram dos pés de Marcos Assunção, que fez o papel de capitão da equipe.

Em busca do empate, Rivaldo tentou um cruzamento para Fernandão, mas o atacante não conseguiu dominar. Na sequência, a bola sobrou novamente para Rivaldo, que tentou chutar pela esquerda, mas a bola desviou e saiu pela linha de fundo.

Apesar das muitas tentativas, o Palmeiras não conseguiu finalizar e abriu espaço para os contra-ataques. Aos 22min, o time botafoguense teve mais uma jogada de bola parada pela direita. Na cobrança, a bola cruzou a área, passou por todos os jogadores e sobrou para Gustavo, ex-Palmeiras, ampliar a vantagem do time carioca.

Aos 34min, Murtosa − Felipão assistiu ao jogo das cabines, pois cumpriu suspensão − mexeu na equipe e sacou Tinga para Ricardo Bueno fazer sua estreia com a camisa alviverde. Dois minutos depois, Rivaldo cometeu falta dura em Renato e levou o primeiro cartão amarelo da partida.

Pecando pelo meio campo, o Palmeiras deu liberdade de sobre para o Botafogo abusar dos contra-ataques e levar perigo ao gol de Deola. Com dois minutos de acréscimos, o árbitro Francisco Carlos Nascimento apitou o final da primeira etapa.

Na volta aos gramados, o Palmeiras modificou mais uma vez a equipe colocando Leandro Amaro no lugar de Thiago Heleno, que não vinha se sentindo bem desde o começo da semana, alegando febre. Já o técnico Caio Junior não alterou sua equipe.

O Verdão iniciou a segunda etapa pressionando o Botafogo e arriscando alguns chutes a gol. Aos 3min, Marcos Assunção foi derrubado perto da grande área e ele mesmo cobrou a falta. No levantamento para área, Fernandão cabeceou entre os zagueiros, mas a bola sobrou para o goleiro Jefferson.

Aos 17min, o Palmeiras cedeu mais uma oportunidade de contra-ataque para o Botafogo. Elkeson deixou Maicosuel cara a cara com Leandro Amaro. Em velocidade, o meia passou pelo zagueiro e soltou uma bomba contra o goleiro Deola para marcar o terceiro gol do time carioca.

A última substituição do Palmeiras foi realizada aos 25min, após Cicinho deixar o campo para a entrada de João Vitor. Mesmo com as alterações, o Botafogo continuou soberano, mas, no final da partida, o Palmeiras diminuiu o placar em cobrança de falta de Marcos Assunção. A bola desviou no zagueiro e matou o goleiro adversário. Após 3min de acréscimo, o árbitro apitou o final da partida.

Com o resultado, o Palmeiras permaneceu em 6º lugar, com 32 pontos. O próximo duelo será contra o Cruzeiro, domingo (04), às 16h, no estádio do Pacaembu.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO 3 x 1 PALMEIRAS

Local: Estádio Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 31 de agosto de 2011 (Quarta-feira)

Horário: 21h50 (de Brasília)

Árbitro: Francisco Carlos Nascimento (AL)

Assistentes: Alessandro Rocha de Matos (Fifa-BA) e Erich Bandeira (Fifa-PE)

Cartão Amarelo: Cortês e Elkeson (Bota); Rivaldo e Cicinho (Pal)

Gols:

BOTAFOGO: Herrera aos três, Gustavo aos 23 minutos do primeiro tempo; Maicosuel aos 17 minutos do segundo tempo

PALMEIRAS: Marcos Assunção aos 46 minutos do segundo tempo

BOTAFOGO: Jéfferson, Lucas, Gustavo, Fábio Ferreira e Cortês; Marcelo Mattos (Lucas Zen), Renato, Elkeson e Maicosuel (Felipe Menezes); Herrera (Caio) e Loco Abreu. Técnico: Caio Junior.

PALMEIRAS: Deola; Cicinho (João Vitor), Henrique, Thiago Heleno (Leandro Amaro) e Gabriel Silva; Chico, Márcio Araújo, Marcos Assunção, Tinga (Ricardo Bueno) e Rivaldo; Fernandão. Técnico: Luiz Felipe Scolari.

Texto: site oficial do Palmeiras


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


22 fev 2018
Copa do Brasil tem jogo com nove gols no segundo tempo. Veja resultados

22 fev 2018
Veja como é a promoção carijó envolvendo ingresso de Tupi x Atlético

22 fev 2018
JF Vôlei abre 2 a 0 sobre vice-líder Sesc, mas sofre virada e perde uma posição

21 fev 2018
Tupi x Atlético em JF: ingressos, transporte, acesso, estacionamento

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.